Missões

Procure Jesus, ele deseja te salvar.



E disse-lhes Jesus: "Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura". Marcos 16:15



Pastor Argemiro Figueiro Missionário que tem levado a palavra de Deus e as boas novas de salvação em 167 países. Saiu de casa com 17 anos para sua missão apostólica. Já é missionário há 58 anos. O continente em que mais trabalhou foi o africano, principalmente em tempos de lutas levando alimentos, remédios e acima de tudo a palavra do Senhor.

Para evangelizar todos esses países, andou a pé, de bicicleta, a cavalo, de automóvel avião etc... Em seu livro Asas da Fé 1, relata sobre a sua vida de evangelismo, milágres, milhares de conversões. Hoje viaja por toda a américa central e do sul em uma ambulância que ganhou, entrando apenas em cidades muito pequenas para anunciar o amor de Deus.

Esta é uma pequena parte de minha história: Ambulância missionária a qual tenho estado usando em 18 paises, ganhada por um irmão nos Estados Unidos e de lá fui para o Canadá, México, e toda América Central e também América do Sul, tenho realizado milhares de mini cruzadas de Evangelização, ensinando, discipulando, batizando, conforme a ordem de Nosso Senhor Jesus Cristo dando Novos Testamentos, Evangelhos e folhetos, a mais de 50 mil pessoas, que ouviram as boas novas de Salvação, também outros milhares foram batizados e receberam a Santa Comunhão, ainda muitos foram sarados de várias enfermidades e libertos de suas aflições, através da oração e o ouvir da Palavra de Deus. Chego em pequenos vilarejos, onde o acesso é muito difícil, onde não se têm igrejas, suo o sinal da ambulância e logo está cheio de gente em volta, pra ver do que se trata, e assim falo do amor do Senhor.

Nota: Nos últimos dois meses, a minha Ambulância foi confiscada pela receita federal, tenho perdido muito tempo, e gastando muito dinheiro viajando de ônibus para varias cidades do Sul e central do Brasil, procurando todos os meios e contatos, com vários políticos, autoridades do Governo, sem nem um resultado, a Ambulância Missionária foi perdida.....

Agora estamos orando e fazendo uma campanha urgente para conseguir as finanças para conseguir outra Ambulância, para o projeto na Europa, e seguindo a todo o continente Africano, pois ainda tenho projetos para 20 anos...

Peço vossas orações e colaborações, para que essa missão não termine antes do tempo determinado pelo Senhor, existe muita gente em pequenas cidades, onde não vai ninguém falar desse Jesus Maravilhoso. Eu desde os meus 12 aos dize para o Senhor: Eis-me aqui e até hoje com mais de 70 anos não parei de evangelizar, antes da ambulância já fui de avião(doado), de carro, de trem, a pé, de ônibus, já estive em mais de 167 paises(meu maior ministério foi na África) China, Polônia, Rússia, etc. E não vou parar.

Deus os abençoe. Missionário Argemiro Figueiró

Se você sentir no seu coração faça uma doação.

Contas Bancarias:

Argemiro Figueiró
Bradesco Ag 1431-1 c/c 39863-2 Brasil
Caixa Economica Ag 33-op.13 c/c 3409-8 Brasil
Banco do Brasil Ag 3124-0 c/c 19.083-7 Brasil
Banrisul Ag 0918 c/c 3919-145100 Brasil
National City Bank 119173136 USA
Wachovia Bank 1010047231-407 USA

JANTA DE NATAL DOS SEM-ABRIGO

FOTOS

MISSÃO EVANGELICA ITÁLIA

Dou graças a Deus pela visão missinaria deste ministerio. Me alegro em saber que vosso interesse relativamente ao Reino de Deus não se restringe somente no Brasil, mas tambem aos confins da terra. Cada Oração que vocês têm feito por nós aqui em Itália, estou convicto de que tem chegado diante de Deus em nosso favor; motivo pelo qual estamos de pé. Agradecemos tambem a cada contribuinte que voluntariamente tem se disposto a investir na obra missinária.

Quero vos contar um pouco sobre o que Deus esta fazendo atravez de nosso ministerio neste país.
- Chegamos aqui a dois anos atrás. Em fevereiro de 2008 começamos um culto em nossa casa com 4 adultos e 4 crianças; eu e minha esposa e dois filhos, meu cunhado sua esposa e dois filhos. Em maio deste mesmo ano ja eramos um grupo de quase 30 pessoas; então, já não era possível continuar em nossa casa, visto que moravamos em um apartamento. Deus abriu as portas e alugamos nosso primeiro local com muita dificuldade (Os alugueis aqui na europa são muito caros). Em julho do ano passado resolvemos mudar de local devido a alguns problemas com som e etc, visto que moravam pessoas em cima do local da igreja. Nesta mesma epoca, devido a crise economica mundial, que afectou muito a italia, muitos brasileiros e africanos que faziam parte da nassa igreja retornaram aos seus paises, causando assim um grade desfalque, tanto a nível de assistencia como a nível economico. Mas Deus que é fiel tem nos ajudado, e esta salvando pessoas novas.
Estamos com um grupo de novos convertidos de aproximadamente 30 pessoas, que estão se preparando para se batizarem no mês de Maio proximo, quando teremos a presença do pastor Ivaldo Luiz conosco. Nos ultimos 5 meses 5 familias de Italianos se converteram ao Senhor. Temos enfrentado muitos ataques e contra-ataques nestes ultimos dias. Peço que estejam orando por nòs.
- A igreja hoje conta com com 45 membros e uma média de 40 congregados, e aproximadamente 20 crianças. Temos varias nacionalidades na igreja: africanos de lingua inglesa e francesa; temos italianos, venesuelanos, portorriquenhos, americanos, Brasileiros e italianos. Nossos cultos são na lingua Italiana, assim podemos alcançar mais pessoas para Cristo.
Nossa visão para Itália não é trabalar com uma igreja colônia, isto é, de brasileiros; queremos um amanha quando Deus nos chamar para outro país, deixar alguma raiz com os nacionais. Este tipo de trabalho requer tempo e paciencia. Mas Deus esta dando graça para podermos alcançar Italianos para Cristo. Também estamos formando uma plataforma missionária para alcançar os países dos Balcãs, e leste de europa.
- No mais quero vos agradecer por tudo que tens feito por nós, estamos certos de que Deus, o Pai das luzes, reconpensará a cada um pelo trabalho a Ele prestado aqui nesta terra.

No amor do Mestre
Pastor Marcelo Lacerda e Familia missionaria em Italia

MISSÃO EVANGELICA ASSEMBLEIA DE DEUS LUSITANA PORTUGAL

A Igreja Sede da Missão Evangélica Assembleia de Deus Lusitana (Portimão - Portugal) tem cerca de 300 pessoas, entre membros e congregados. Temos um corpo ministerial composto pelos Pastores, presbíteros e diáconos e há uma grande ênfase na visão da Igreja em preparar obreiros para expansão da obra em Portugal, Europa e onde o Senhor mandar.

O ano de 2008 foi marcado por mudanças e abertura de novos trabalhos. As portas que têm sido abertas pelo Senhor temos entrado por elas. A fé em Deus e em seu cuidado tem movido os nossos corações em direcção da vontade de Deus para a vida desta igreja.

Foi realizado no mês de Abril, o 7º aniversário da igreja, onde vimos a manifestação da presença de Deus no nosso meio.

Em Junho realizamos um evento de louvor e adoração e missões onde Deus impactou a igreja com a sua presença. Missões tem sido nosso alvo e a igreja tem sido levada a envolver-se radicalmente no sentido de cumprir o seu propósito de evangelizar e buscar o avivamento para esta nação e onde Deus nos enviar.

A cada mês é realizado Culto de Missões onde a mensagem missionária tem sido amplamente divulgada.

Culto de Missões Clamor pelas Nações

Em Setembro foi reaberto o ponto de culto na Aldeia da Companheira sendo franqueada pela irmã Fátima Bastos sua casa, para este fim. Deus porém é aquele que dá o crescimento. Hoje se faz necessário a aquisição de um salão pois sua casa já não comporta as pessoas.

No dia 14 de Outubro, no Culto de Missões para a glória de Deus, foi feita a despedida de mais uma família missionária, desta vez, para a cidade de Beja (Pb. Siuman e Família) onde estão abrindo uma nova igreja nesta cidade que é a capital do Baixo-Alentejo.

Missionários Siuman e Villianny e 1º Culto

Filhas Enaile, Elaine e Laienny

CONGREGAÇÕES

Vila Albufeira

A igreja de Albufeira segue em franco crescimento. O Senhor tem acrescentado muitas almas aquela congregação. O missionário António Valério e sua família têm realizado uma grande obra naquela cidade.

Vila Tunes

Congregação inaugurada no dia 27 de Setembro 2008. Congregação dirigida pelo Dc. Francisco Valdenir e esposa, sob a orientação do missionário António Valério de Albufeira

Vila Mem Martins

Em Fevereiro de 2008, o Missionário Fabrício Sbardelotte Viana assumiu a igreja de Mem Martins tendo concluído o tempo de Deus para sua vida em Torrão do Alentejo. O Senhor tem estruturado a obra naquele lugar. Foi alugado um novo salão para a igreja e a obra ali segue para um novo tempo que Deus estabeleceu àquele povo. No mês de Agosto foi realizado a inauguração do templo e muitos desceram as águas baptismais naquele dia. Glória a Deus!

Vila Torrão

A obra do Senhor na Vila do Torrão do Alentejo continua a crescer. Na direcção do Pb. Geraldo e sua família, a obra tem sido conduzida da melhor forma. No mês de Outubro foi realizado um evangelismo na vila, com a participação das Congregações, tendo sido de grande impacto, onde toda a vila foi evangelizada. O Senhor manifestou sua presença de uma forma gloriosa!

Pb. Geraldo, sua esposa Conceição Igreja do Torrão

e Filhos Gleydson e Gleyze

Vila Trajouce

A igreja do Trajouce também caminha para a Glória do Senhor sob a direcção do Pb. Maurinês e sua família. Louvamos a Deus por cada vida acrescentada naquela igreja.

Vila Amora

Após muita oração e busca da orientação de Deus foi a aberta as portas de uma nova congregação, em Outubro de 2007, na cidade de Amora, margem Sul de Lisboa. O missionário José Manuel Cândido da Silva e sua esposa irmã Susana tem realizado um grande trabalho. Em Outubro deste ano, comemoramos um ano daquela obra, já em um novo salão e com muitas bênçãos de Deus.

Vila Penafiel

A obra de Penafiel, norte de Portugal, que foi inaugurada em 2005, segue para honra e glória do Senhor caminhando em muita força naquele local. Sendo uma igreja 100% portuguesa caminha com uma estrutura diferente. O missionário Danilo Miranda e sua família tem desbravado as terras do norte. O Senhor tem resgatado muitas vidas da idolatria e miséria espiritual.

Culto Familiar – Freguesia de Figueira Batismo em Penfiel

Vila Entroncamento

A Igreja da Cidade de Entroncamento, na região do Ribatejo, inaugurada em Junho deste ano, é fruto da parceria de nossa missão com a Igreja Assembleia de Deus de Ipatinga - MG, Brasil. Ali está o Pastor João Carlos Ferreira e a Missionária Geny Vieira Chaves Ferreira. Pela graça de Deus a obra ali esta avançando. É uma cidade estratégica, pois, fica bem no coração de Portugal. Ore por esta cidade, e pela igreja ali estabelecida.

(Não dispomos de fotos em condições deste trabalho)

A visão pastoral para estes tempos é de uma Igreja profética, voltada para o princípio bíblico, oração, jejum, busca da santidade, manifestações da presença de Deus e aplicação da Palavra em sua forma mais pura.

Cada vez mais a Igreja está ansiosa por aquilo que o Senhor ainda vai fazer no nosso meio, pois as Suas promessas para a Sua noiva são grandiosas. Estamos felizes, surpreendidos e gratos por tudo aquilo que o Senhor já realizou nas nossas vidas e na Sua Igreja, e esperamos que a direcção e visão do Senhor continuem a dirigir o Seu povo.

Fotos:

No amor do Mestre,

Família Missionária em Portugal (Pr Ivaldo Luiz, Miss. Deborah Marins, Achsah Raissa e Hannah Giulia)

Pastor Ivaldo Luiz e Missionária Deborah Marins

Em Maio de 1987, na Igreja Evangélica Assembleia de Deus de São José dos campos, em uma conferência missionaria, Deus chamou-me para trabalhar em Portugal. Na época eu não dei muita importância à profecia que recebi onde Deus claramente falou-me sobre este país. Mas ao passar dos anos Deus foi colocando uma paixão crescente em meu coração por este país. O que Deus falou em 1987, cumpriu-se no ano de 2001, no dia 08 de Abriu de 2001 eu e minha família (minha esposa Deborah Marins e minhas duas filhas: Achsah Raissa e Hanna Giulia), chegamos em Portugal. Fomos morar na cidade Portimão ao sul de Portugal. Na época assumimos um pequeno grupo de irmãos que congrevam em uma pequena sala cedida por uma de nossas irmãs (Irmã Angelina Pinto), a qual mui gentilmente nos cedeu um quarto onde passei a morar com minha família. A partir dai deu-se inicio esta obra com muito trabalho, poucos recursos, e uma grande fé de que Deus era poderoso para fazer infinitamente mais além do que pedimos ou pensamos. Enfrentamos muitas barreiras e oposição, mas Deus sempre esteve connosco. O trabalho foi crescendo?crescendo?crescendo, e da sala da casa desta irmã, a medida que o número de pessoas foram aumentando, fomos mudando de local, e o local actual onde estamos é já o 5º em quase cinco anos. De umas dez pessoas que éramos no começo hoje somos mais de duzentas e cinquenta pessoas (só em Portimão).

Temos hoje vários órgãos e ministérios em pleno funcionamento, tais como: serviço de atendimento ao toxicodependente, auxilio às famílias carentes, apoio aos imigrantes, aconselhamento pastoral, Escola de Ensino Teológico, etc. Além da Igreja sede em Portimão temos hoje mais quatro igrejas em outras cidades: Almada, Mercês, Albufeira e Torrão do Alentejo. Temos projecto de abertura de mais três igrejas este ano. E estamos empenhados em um projecto de aquisição de um local próprio que será um complexo que contará com: a nave do Templo, estrutura para o funcionamento de uma creche, abrigo para idosos, escola teológica, base de treinamento e envio de missionários, uma livraria evangélica, dentre outras. Contamos hoje com um corpo ministerial composto vários obreiros (pastores, presbíteros, diáconos e cooperadores), que de uma forma fiel tem cooperado para o bom andamento da obra. Além do trabalho em Portugal, apoiamos trabalhos na Espanha (onde esta a sede da missão sob a presidência do Pastor Luís Paulo da silva Martins e família) e Itália (onde estão os pastores Daniel Borda e família e Pastor Bernardo Gargano e família). Temos um projecto de alcançar a Europa para Jesus está é nossa oração todos os dias. Estamos empenhados na evangelização e missões? esta é nossa bandeira.

Orem por nós para que Deus abra o caminho à nossa frente.

Que Deus vos abençoe em nome de Jesus

Fraternalemente em Cristo,

Pastor Ivaldo Luiz, Miss. Deborah Marins, e filhas

Pr. Ivaldo e familia(esposa Debora e a filhas Acsa e Hanna) que fazem trabalho missionario em Portugal, Espanha, Italia e muitas outras partes da Europa, essas fotos são da nova igreja em Portugal, após 06 anos de trabalho.

Investir em...

Quando o assunto é investimento, logo pensamos em dinheiro, mas a vida não se resume a finanças. Quando o assunto é Reino de Deus, investimos em vidas, com o objetivo de alcançar mais vidas e multiplicar adoradores por toda a terra. O semestre do Instituto Missionário Palavra da Vida (IMPV) já começou e nosso investimento também. Estamos animados e empenhados em “chegar junto” destes jovens para motivá-los a investir suas vidas na obra missionária.

Estamos investindo tempo para expor as necessidades do campo indígena, divulgando o trabalho da MEVA (Missão Evangélica da Amazônia).

Investimos recursos para oferecer um lanche e proporcionar boas conversas com os alunos, visitando as comunidades ribeirinhas onde eles trabalham nos finais de semana e agora estamos nos preparando para levar alguns deles para participarem do estágio da MEVA em dezembro deste ano.

São várias horas de investimento nos estudos para aulas e pregações em Conferências Missionárias, mas enxergamos tudo isso como grandes oportunidades de ver a graça de Deus em ação nas nossas vidas. O tratamento da pericardite foi concluído e aos poucos Sergião está retomando o ritmo normal.

Em julho investimos um tempo com a família e revendo amigos queridos, valeu muito à pena.

Nosso netinho Daniel deve nascerem outubro, ore por isso conosco.

Nada disso seria possível se não tivéssemos pessoas ao nosso lado investindo recursos e tempo em oração, para que juntos sejamos encontrados fiéis àquilo que Deus nos confiou a fazer.

O que tinha recebido cinco talentos trouxe os outros cinco e disse: ‘O senhor me confiou cinco talentos; veja, eu ganhei mais cinco’. "O senhor respondeu: ‘Muito bem, servo bom e fiel! Você foi fiel no pouco; eu o porei sobre o muito. Venha e participe da alegria do seu senhor!’ Mt 25.20-21


Invista sua vida em outras vidas.

No amor de Cristo.
Sergião e Marcia

Recrutamento

Com esta palavra, fomos desafiados pela liderança da MEVA e aceitamos o convite de trabalhar por um período de 3 anos como professores do IMPV (Instituto Missionário Palavra da Vida) em Benevides no estado do Pará, a fim de recrutarmos novos missionários para o ministério entre os indígenas em Roraima.
Fomos recrutados para recrutar, que tarefa empolgante! A idade dos missionários vai avançando e numa proporção ainda maior as oportunidades de falar sobre Jesus. Precisamos de mais jovens, casais, famílias que avancem conosco no campo missionário.
Para nós, foi uma grande e inesperada mudança, mas um peregrino tem que estar sempre pronto para ir onde Deus mandar, pois como bem disse Paulo: “Nenhum soldado em serviço se envolve em negócios desta vida, porque o seu objetivo é satisfazer àquele que o arregimentou”. 2Tm 2.4
Pela graça de Deus e experiências que Ele nos concedeu nestes quase 30 anos de ministério, cremos que o Senhor pode nos agraciar com a alegria de ver uma nova geração alcançando o alvo de levar muitos indígenas a abraçarem a fé em Cristo.
Já chegamos em Benevides e estamos nos organizando e nos preparando para a chegada dos alunos. Pela fé cremos que Deus vai usar nossas vidas para recrutar estes jovens seminaristas.
Vamos trabalhar em parceria com o IMPV mas permanecemos como missionários da MEVA e contando com o suporte financeiro e de oração que você tem nos dado durante todos estes anos.
Com carinho e gratidão.

Sergião e Marcia
(95) 98104 0002

Em anexo estão as cartas do Conselho da MEVA e diretor do PV-Norte.

Anexo 1 - Carta Conselho MEVA

Anexo 2 - Carta diretor do PV-Norte

Obs: Serginho, Nathaly, Julia e Laila continuam firmes no trabalho na aldeia Olomai com o povo sanumá. Agora estamos mais distante deles e mais perto da família da Gabi, podendo acompanhar o ministério que estão desenvolvendo com os seminaristas e ribeirinhos.

Mãos amigas

Sergião estava segurando alguns pequenos potes na mão, mas não estava encontrando um lugar apropriado para juntar seus comprimidos antes de toma-los, então, ele perguntou para uma menina que estava ao seu lado: Você pode me dar uma mãozinha? Prontamente ela estendeu a mão e segurou os comprimidos para ele.

Estive refletindo sobre as mãos amigas que frequentemente se estendem para nos ajudar. Alguns tem dado uma mãozinha no seu dia de folga, outros deram seus dias de férias e outros enviam sua ajuda de longe colocando a mão no bolso. Às vezes as mãos lixam, outras vezes carregam coisas pesadas. Há dias que várias mãos se juntam e viajam conosco para uma aldeia e ali trabalham arduamente, outros dias plantam, regam e podam o jardim da sede da Missão. Uma coisa é certa, estas mãos que se estendem aliviam nossa carga e nos encorajam a enxergar além das tarefas.

Quando abraçamos o ministério de administrador da sede da Meva e hospedeira, não fazemos ideia de quantas mãos Deus usaria para deixar aquele lugar ainda mais aconchegante para missionários e visitantes.

Foram muitas as mãos que trabalharam antes de nós e muitas outras trabalharão depois de nós, mas eu creio que o que move estas mãos é o compromisso com Cristo e Sua obra, pois Ninguém que põe a mão no arado e olha para trás está apto para o Reino de Deus!

Você quer nos dar uma mãozinha? Então venha! Tem muito trabalho pra ser feito nas aldeias e na sede da Missão, com certeza você também pode ajudar.

Templo quase concluído na aldeia Truarဋ

Sobre nós: Pela graça de Deus nossa família estão bem e todos com asœ mãos na massa, trabalhando na obra que Deus confiou a cada um. Tiago, Gabi, Jessé e Jonatas estão servindo em Benevides a€“ PA investindo nos alunos do Instituto Missionário Palavra da Vida e comunidades ribeirinhas.

Serginho, Nathaly, Julia e Laila continuam na aldeia Olomai entre o povo sanumá com o desafio de aprender a língua e cultura indígena com o alvo de ensinar as verdades da Palavra de Deus para este povo.

Além da alegria de servir á Deus, estamos curtindo muito ser avós. São poucas as oportunidades que temos de estar com nossos netos, mas todas são inesquecíveis

Continue orando por nós.
Com carinho.
Sergião e Marcia
TIM (95) 98104-0002

Intensidade

Esta foi a melhor palavra que encontrei para definir nosso ano de 2015. Para nossa alegria o Senhor nos encheu de fé, vigor e ânimo para encarar novos desafios e permanecer fiel. O ritmo da nossa rotina tem sido tão intenso que até diminuímos a quantidade dos nossos informativos, mas queremos que você vibre intensamente conosco pelas maravilhas que Deus está realizando aqui em Roraima. Como administrador da sede e hospedeira, temos buscado fazer com excelência o trabalho que nos foi confiado. A reforma do depósito de malas dos missionários foi concluída e várias outras melhorias foram feitas.

Continuamos visitando igrejas indígenas nos finais de semana levando conosco jovens das igrejas de Boa Vista, com o propósito de despertar novos corações missionários. Permanecemos investindo no discipulado de alguns jovens e casais. Isso é um grande estímulo para nossa vida cristã.

Grupo de estudo Homem Nota 10

Como pais e avós, vivemos intensamente cada oportunidade que o Senhor nos dá para estarmos juntos. Estes dias o Senhor nos presenteou com uma semana pra lá de intensa. Cada minuto juntos é tão precioso que dá vontade de parar o relógio, mas a intensidade não está acima da fidelidade.
“Portanto, que todos nos considerem como servos de Cristo e encarregados dos mistérios de Deus. O que se requer destes encarregados é que sejam fiéis.” 1 Coríntios 4:1,2
A família se reuniu aqui em Roraima e nossos netos estão vendo e “ajudando” vovô e vovó no trabalho.

Em meio aos brinquedos espalhados pelo chão, mamadeiras, banho, brincar de esconde-esconde... paramos e com reverência contamos a história do Nascimento de Jesus para nossos netinhos.

Você gostaria de ouvir o que Jessé, Jonatas, Julia e Laila aprenderam? Pare por apenas 3 minutos e veja este vídeo.

Clique aqui

Seja fiel ao Senhor e comemore intensamente este Natal.
Com carinho e gratidão à Deus por sua vida.

Nossa! Estávamos com saudades de compartilhar as novidades com você. A rotina do ministério está tão intensa que estamos com dificuldade de parar para escrever, mas vamos lá.
Desde que assumimos as funções de administrador da sede da Missão e hospedeira, temos descoberto que podemos ser cooperadores em favor da verdade cuidando e acolhendo nossos colegas da MEVA.
“É, pois, nosso dever receber com hospitalidade a irmãos como esses, para que nos tornemos cooperadores em favor da verdade.”3 João 1:8
Os irmãos, aqui citados por João, são aqueles que saíram por causa do Nome (Jesus), proclamando a verdade. Tem sido um privilégio servir ao Senhor enquanto servimos nossos irmãos missionários e visitantes que por aqui passam.
Pensando neste dever, “mergulhamos de cabeça” na tarefa de zelar por este objetivo. De janeiro a julho já consertamos chuveiros, calhas, instalações elétrica e hidráulica, muro, camas, cadeiras, podamos árvores, confeccionamos telas e cortinas, limpamos, varremos, lixamos, pintamos ,enfim, fizemos de tudo um pouco para receber com hospitalidade a irmãos como esses.

O grande desafio deste último mês foi reformar o depósito onde os missionários de selva guardam seus pertences. O lugar estava infestado por cupins e outros hóspedes indesejáveis como baratas, morcegos e gatos, que estavam estragando os pertences destes irmãos. Algumas pessoas decidiram nos ajudar e começamos a obra. No momento temos as paredes, telhado, porta, iluminação e os ventiladores. A próxima etapa a ser alcançada é a pintura e prateleiras. Algumas fotos “antes e depois” da reforma.

Quanto a nós, só temos a agradecer pois o Senhor nos tem agraciado com saúde e muita disposição para trabalhar. Aos domingos temos visitado algumas aldeias que apoiamos e levamos conosco jovens que temos discipulado. Continuamos nos reunindo semanalmente com um grupo de casais para estudar sobre Lar Cristão e aos sábados pela manhã o Sergião está se reunindo com alguns rapazes para estudar a Palavra.

Se você quiser se envolver na prática da hospitalidade através deste ministério, entre em contato conosco dando uma ligadinha TIM (95) 98104-0002 ou através do nosso email sergioemarcianascimento@gmail.com
Com carinho e gratidão por suas orações.

PS: Recentemente passamos alguns poucos dias com a família do Serginho. Eles saíram da aldeia para a Laila receber as 4 vacinas necessárias e aproveitamos para comemorar os 2 aninhos da Julia, foi muito especial. Não temos visto pessoalmente Tiago, Gabi e os meninos mas sabemos que estão bem e servindo à Deus.

Novo visual & Antiga visão

“O cabelo grisalho é uma coroa de esplendor, e se obtém mediante uma vida justa.” Pv 16:31
Nossos cabelos estão mudando de cor. Sim, estamos envelhecendo, mas isso não significa que estamos pensando em pendurar as chuteiras, pelo contrário, nosso novo visual nos motiva a correr ainda mais rápido na direção dos mais jovens, para no momento certo passar o bastão. Temos motivado alguns rapazes e moças das igrejas de Boa Vista a nos acompanharem nas viagens às aldeias e vários estão aceitando o desafio. Eles cantam, ensinam as crianças e os jovens, fazem serviços de construção, enfim, estão usando seus dons espirituais e habilidades para edificar nossos irmãos indígenas. Junto com o novo visual, mantemos a visão de investir na geração que pode dar continuidade à obra que Deus está fazendo entre os povos indígenas.
Em março, aconteceu a Convenção Anual da Meva e nos foi dada uma nova função. Nos próximos 2 anos vamos servir administrando a sede da Missão e também na hospedagem. Como casal, teremos a oportunidade de praticar a hospitalidade mantendo tudo limpo, organizado e funcionando para receber nossos missionários que moram na mata e precisam de alojamento quando passam alguns dias na cidade. Nosso desejo é que estes irmãos queridos encontrem aqui um lugar de descanso.

Sim, estamos envelhecendo, mas nossa alegria aumenta na proporção dos cabelos brancos. Agora temos 4 netos. Pela graça de Deus, todos estão crescendo fortes, espertos e sendo ensinados por seus pais a viver no temor do Senhor.

Você faz parte de tudo isso. Continue orando por nós.
Com carinho.
No amor de Cristo.

Em fevereiro passei 5 dias maravilhosos com Tiago, Gabi, Jessé e Jonatas. Eles continuam servindo ao Senhor com alegria em Benevides - PA e comunidades ribeirinhas.

Tive o privilégio de acompanhar a chegada da Laila na aldeia e ajudei na limpeza e organização da casa e rotina das meninas. Foram dias cheio de trabalho e prazer. Serginho, Nathaly, Julia e Laila estão firmes no propósito de investir no povo sanumá.

Deus seja sempre louvado e exaltado nos quatro cantos da terra!

Creio que a maioria de nós tende a encarar os imprevistos como um transtorno. Nos últimos meses temos enfrentado vários imprevistos e isso nos levou a uma reflexão. Viagem não planejada, apartamento alagado enquanto estávamos na aldeia, mala que não chegou no aeroporto, internação repentina do Sergião... Tínhamos planejado nossa agenda com tanto cuidado, o que aconteceu?
Grande é o nosso Soberano e tremendo é o seu poder; é impossível medir o seu entendimento. Sl 147.5
Em meio a tantos (im)previstos nos sentimos tremendamente amados por nosso Deus Soberano que nunca é pego de surpresa. Tudo estava previsto e nós tínhamos a chance de confiar no controle do Seu poder. Olhando para trás, podemos testemunhar com toda confiança que tudo o que tivemos a oportunidade de fazer foi somente com a permissão de Deus e no poder dEle.
Depois do Micali nas aldeias Mato Grosso e Manoá fomos para aldeia Olomai. Ali cultuamos à Deus com os sanumás, comemoramos o primeiro aniversário da Júlia e soubemos da chegada de mais uma netinha.

Sergião levou um grupo de jovens da igreja de Boa Vista para ajudar na instalação elétrica e pintura da igreja na aldeia Serra da Moça.

Logo depois em Benevides, acompanhamos o nascimento do Jonatas e aproveitamos bastante os momentos com Tiago, Gabi e Jessé.

Sergião foi para São Paulo e realizou a cerimônia de casamento do seu sobrinho junto com o Pr Davi Oliveira. Também participou do batismo de um primo muito querido.

Entre idas e vindas Sergião ficou internado no InCor. Conclusão: o coração está bem, mas têm alguns problemas no esôfago e coluna. Foram feitas algumas mudanças na medicação,rotina e alimentação.

Quando tudo normalizou, Sergião retornou para Boa Vista e eu tive o privilégio de participar como preletora de um Retiro de Mulheres em Serra Negra- SP. Foi maravilhoso compartilhar estudos da Palavra de Deus com este grupo, além de contar com a companhia da sogra, cunhada e minha amiga Pollyanna.

De volta a Roraima, estamos animados e dispostos a continuar servindo ao Senhor.

Louve à Deus conosco e continue orando por nós.
Com carinho.
No amor de Cristo.


Dias especiais
Foram 19 dias incríveis na aldeia Olomai.
Passamos a primeira semana ensinando o livro de Atos, um livro que fala de dias especiais. O povo estava empenhado em aprender. Cerca de 55 alunos passavam o dia todo ouvindo atentamente o ensino da Palavra. Várias vezes eles se levantam e comentam sobre o impacto daquelas verdades. No encerramento cultuamos ao Senhor duraante quase 5 horas. Louvamos, oramos, juntos tomamos a Ceia do Senhor e ainda tivemos a oportunidade de apresentar um bebê que nasceu naqueles dias, enquantosua mãe assistia as aulas do MICALI(curso bíblico ministrado nas aldeias).

Nos próximos dias ajudamos nosso filho Serginho na instalação hidráulica e várias outras coisas necessárias para a chegada de Nathaly e Júlia.

Dia 22 de abril de 2014 vivemos um dia memorável. Quando avistei no céu aquele pequeno avião chegando, por um breve instante ele me pareceu um grande pássaro. O sol fez suas asas brilharem e no meu coração glorifiquei a Deus. A cena me emocionou. Vi meu filho aguardando o pouso ansioso e ao mesmo tempo pronto para iniciar uma nova etapa na sua vida. Nathaly e Júlia olharam através da pequena janela do avião e calmamente ele foi ao encontro delas. Agora Serginho, Nathaly e Júlia moram em Olomai.

Deus nos presenteou como pais e avós com o privilégio de ver com nossos olhos e sentir no coração a alegria de participar deste dia tão especial. Nos despedimos e decolamos. Da perspectiva do alto pude ver com os olhos da fé e vislumbrar com esperança as maravilhas que Deus fará por sua graça.

Nos próximos dias estaremos em Benevides-PA na expectativa de viver dias especiais com Tiago, Gabriela, Jessé e Jônatas (ainda não nasceu). Vamos cumprir alguns compromissos e no retorno queremos contar pra você um pouco mais sobre a bondade de Deus.
Que você possa viver cada dia como um dia único e especial na sua vida.
Com carinho.
Servindo nas aldeias.

Foi uma semana especial.
Recebemos a visita de uma família muito querida que a anos planejava conhecer o trabalho missionário aqui no norte. Enquanto alguns passam férias na praia, eles decidiram passar alguns dias conosco participando da nossa rotina. No sábado arrumamos nossas mochilas e redes e fomos dormir na aldeia. Junto conosco estavam mais 2 jovens da igreja de Boa Vista.

A hospedagem rústica não comprometeu em nada o ânimo da equipe que a essa altura já possuia mais “2 ajudantes”


Acordamos cedo, tomamos um café da manhã improvisado e nos aprontamos para participar da Escola Bíblica Dominical com nossos irmãos wapixana.

Estávamos prontos para dar aula para as crianças, mas um “imprevisto” divino abriu a oportunidade para a participação com toda a igreja, foi uma benção! Pedro tocou seu cajon durante o louvor e os indígenas ficaram impressionados com o som daquela “caixinha”. Sergião leu o texto sobre a ressurreição da filha de Jairo. Pollyanna contou a história com cartazes. O restante da equipe organizou uma pequena encenação onde todos puderam participar.

Indígenas e brancos estavam envolvidos naquela história empolgante com ordens tão claras do Mestre. Para Jairo, Jesus disse: “Não tenha medo; tão-somente creia”. Marcos 5.36 Para a menina, Jesus disse: “Talita cumi!”, que significa: “Menina, eu lhe ordeno, levante-se!” Marcos 5.41 Não temer, crer e levantar-se; foram as ordens que Jesus deu naquele contexto de família. Onde havia morte Jesus trouxe vida e no verso 41 lemos que imediatamente a menina levantou e começou a andar. Quando a lição terminou, todos bateram palmas numa expressão de louvor à Deus. Decoramos o versículo, todos fizeram a atividade (pintura) e depois brincamos de Vivo ou Morto. As pessoas que venceram, ganharam uma bíblia nova e receberam o desafio de presentear uma pessoa “morta” (sem Jesus) para que através da Palavra de Deus ela pudesse receber a Vida Eterna.

Você está vivo? Então levante-se e ande pelo mundo pregando o Evangelho a todas as pessoas.

Nos finais de semana temos viajado para as aldeias mais próximas de Boa Vista. A agenda do MICALI 2014 já está preenchida e nossa primeira viagem está marcada para o dia 15/02. Iremos para uma aldeia distante cuja estrada tem um trecho bem ruim. Passaremos uma semana ministrando sobre o livro de Romanos para um grupo macuxi. Continue orando por nós. Com carinho. Servindo nas aldeias.

Sergião e Marcia PS: Nossa família está bem e aguardando a chegada do próximo bebê de Tiago e Gabriela. Eles continuam trabalhando em Benevides – PA treinando novos missionários e entre os ribeirinhos. Serginho está em Olomai construindo uma casinha. Se o Senhor permitir em breve eles mudam para a aldeia.

Kaykatko? (Vamos? na língua uai-uai)
Frequentemente lemos a Palavra de Deus e até decoramos versículos, mas nem sempre compreendemos seu alcance. E disse-lhes: “Vão pelo mundo TODO e preguem o evangelho a TODAS as pessoas.” Mc 16.15 As palavras em destaque são tão abrangentes que provocam em nós aquela sensação de algo inatingível, mas Deus continua agindo, nos movendo e realizando maravilhas em todos os cantos do mundo. Nestas últimas semanas experimentamos algo inédito na nossa vida missionária. Depois de passar uma semana ensinando na aldeia Jatapuzinho, viajamos para Vancouver – Canadá onde passamos 5 dias revendo irmãos queridos e compartilhando sobre Jesus e Sua obra. A beleza natural daquele canto do mundo é tão exuberante quanto a linda selva regada pelos rios do nosso Brasil. Quantas maravilhas!


Em seguida fomos para a Califórnia onde ministramos num acampamento de famílias. Naqueles dias, 4 pessoas tomaram a decisão de seguir a Jesus. Conhecemos muitos irmãos em Cristo, conversamos, aconselhamos e passeamos também. Nossa próxima parada foi em New York. Naquela igreja o Sergião desafiou as pessoas a se comprometerem com a pregação do evangelho. Por fim, passamos na cidade de Princeton. Participamos de algumas reuniões, o Sergião pregou em dois cultos e para completar nossa alegria uma grande amiga aceitou a Cristo conosco. Quantas vidas preciosas!

Voltamos para Boa Vista e no dia seguinte nos despedimos de Serginho, Nathaly e Júlia (4 meses) que foram para a aldeia. É a primeira experiência da Júlia na selva. Quanta emoção!

Preparamos nossas mochilas e 2 dias depois viajamos para aldeia ianomami Halikato-Ú para mais um módulo do MICALI (Ministério de Capacitação para Líderes Indígenas). Desta vez ensinamos a matéria Vida de Cristo e mais 6 pessoas se entregaram a Jesus. Quanta responsabilidade!

Andamos por lugares bem distantes e falamos para pessoas muito diferentes, mas as distâncias se aproximam e as diferenças se igualam em uma única ordem: “Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas”. Kaykatko! Vamos! Continue orando por nós. Com carinho. No amor de Cristo.



Reencontro
Desta vez fomos para a aldeia Jatapuzinho.



Junto com um grupo de indígenas Uai-Uai estudamos a carta de Paulo aos Romanos.

Em 1995, no tempo que só era possível chegar depois de uma longa viagem de Toyota e mais 9 horas de caminhada numa trilha, Sergião foi algumas vezes para esta aldeia junto com o missionário Curt. Eles ajudaram a abrir a pista para que o avião de Asas de Socorro pudesse chegar até lá. Depois deste tempo não tivemos outra oportunidade de estar nesta aldeia.

Dezoito anos depois, tivemos o prazer de pousar em Jatapuzinho e ali permanecer por uma semana. Para aumentar nossa alegria o piloto Lauro Pasquini foi nos levar e Rodrigo Quaresma foi nos buscar. Conhecemos eles ainda meninos, mais tarde fomos seus professores no seminário e agora somos colegas de ministério.



Logo no primeiro dia, passeando pela aldeia, Sergião reencontrou Marcos, Abraão, Antonio e Bernaldo. Juntos eles relembraram o trabalho que fizeram na pista, os peixes que comeram juntos e conhecemos suas esposas e filhos. Sergião me apresentou para eles e mostrou fotos dosnossos filhos, genro, nora e netinhos. Foi tão gostoso falar em uai-uai com eles e entender o que eles falavam! Os vínculos que se formaram no passado e a identificação com a língua uai-uai gerou um clima descontraído e muito participativo durante as aulas. Os ensinos de Paulo se mostraram muito atuais e apropriados para ajudar a liderança nos desafios que enfrentam. Eles entenderam a importância de transmitir as verdades de Deus para as próximas gerações, a fim de que a igreja Uai-Uai avance na proclamação do Evangelho.

Depois de uma semana intensa e muito gratificante, fomos presenteados com um luar que fez a escuridão da selva parecer dia. Deus e somente Deus pode fazer coisas assim! Glórias, honras e louvores sejam dados a Ele eternamente. “A luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela.” Jo 1.5


Com carinho. Servindo nas aldeias.


Vida Normal

Vida Normal! Estas foram as palavras do cardiologista durante a última consulta . Não sei se podemos dizer que a nossa vida é normal, mas retomamos nossa rotina de viagens, ensino, pregações e discipulado. Passamos uma semana na comunidade Fonte Nova para mais um módulo do MICALI (Ministério de Capacitação para Líderes Indígenas). Desta vez ensinamos o livro de Romanos para um grupo de alunos muito interessado. Iniciamos o ensino com a encenação de um tribunal. Isso ajudou para que os alunos entendessem palavras como: condenação, justificação, santificação, etc... A riqueza teológica que Paulo escreveu aos romanos fez mais sentido aos macuxis depois deste ensino. Condenação, justificação, santificação, etc... A riqueza teológica que Paulo escreveu aos romanos fez mais sentido aos macuxis depois deste ensino.


Aos domingos temos visitado algumas aldeias mais próximas junto com a missionária Edith. Estamos aproveitado este tempo dando idéias criativas para as professoras da Escola Bíblica Dominical, enquanto o Sergião orienta e motiva os pastores locais. É maravilhoso ver como o entendimento sobre evangelismo e missões está crescendo entre os indígenas.

Em uma destas comunidades conhecemos a Jenifer (3 anos). Ela nasceu com um problema genético que gerou o crescimento exagerado de um dos seus pés. Os médicos de Roraima devem encaminhar o caso para outro estado por falta de recursos. Estamos fazendo de tudo para que um dia o médico possa olhar para a Jenifer e dizer: “Agora você pode ter uma vida normal”

Ore por esta criança e continue a orar por nós. Nosso desejo é bençoar na vida das pessoas como também temos sido abençoados por elas. “Assim brilhe a luz de vocês diante dos homens, para que vejam as suas boas obras e glorifiquem ao Pai de vocês, que está nos céus". Mateus 5:16
Com carinho.
Servindo nas aldeias.



Sergião e Marcia - TIM (95) 81040002
Os netinhos estão crescendo e todos da família estão bem pela graça de Deus.

Primeiros Passos
Esta semana recebemos um telefonema empolgante da nossa filha Gabriela. Ela ligou pra dizer que o nosso netinho Jessé, com apenas 10 meses, deu seus primeiros passos. Através da foto, vimos ela segurando o Jessé até que ele se sentisse seguro e pudesse andar sozinho até os braços do Tiago.



Aquela cena significou muito para nós. Depois de passar tantos dias na cama ligado aos aparelhos, dar um passo é um grande avanço. Desde que o Sergião saiu do hospital após a cirurgia cardíaca, tínhamos a sensação de que iria demorar bastante até que pudéssemos voltar para Roraima. Para nossa surpresa, quando retornamos ao médico, ele disse que poderíamos voltar. Os “passos” da recuperação são lentos , mas progressivos. Assim como o Jessé, o Sergião vai ter que dar um passo por vez até que esteja seguro o suficiente. A recuperação completa deve demorar cerca de 6 meses. Só depois deste tempo ele vai poder dirigir a Toyota e carregar peso.



Chegamos a tempo de participar da Convenção Anual da MEVA. Foi muito edificante ouvir a Palavra e os relatórios dos missionários.



Agora vamos estar trabalhando em mais uma apostila do curso MICALI (Ministério de Capacitação para Líderes Indígenas), no qual estamos envolvidos . Nos próximos meses este material vai ser traduzido e ensinado nas aldeias, inclusive por nós, se Deus permitir.
Pensando no momento que estamos vivendo, lembrei do Salmo 16.9


“O coração do homem traça o seu caminho, mas o Senhor lhe dirige os passos.”
Assim como nosso netinho, nós também precisamos deixar que Deus nos direcione para que possamos andar seguros. Antes da cirurgia, nossa agenda estava toda preenchida com os planos que havíamos feito, mas louvamos ao Senhor por sua direção e cuidado.
Agora que tudo está mais calmo, estamos ansiando pela chegada da Júlia (filha de Serginho e Nathaly). Nossa netinha certamente vai nos ensinar muitas lições.



Agradecemos de todo o nosso coração por suas orações. O Senhor ouviu e atendeu a cada uma delas. O carinho que recebemos foi fundamental em todo este processo.
Com carinho.
Servindo nas aldeias.




A figura de uma rocha traz com ela o conceito de firmeza. Nestes últimos dias, por mais que as circunstâncias nos forçassem a vacilar, o Senhor se manteve firme no seu caráter imutável. As dúvidas e inquietações são tão humanas! Porque nos entregaríamos a elas? No Salmo 40.1-3 Davi expressa de maneira poética e literal o que temos vivido nestes dias desde que o Sergião teve as primeiras dores de angina.
“ Esperei confiantemente no Senhor; ele se inclinou para mim e me ouviu quando clamei por socorro. Tirou-me de um poço de perdição, de um tremedal de lama; colocou-me os pés sobre uma rocha e me firmou os passos. E me pôs nos lábios um novo cântico, um hino de louvor a Deus; muitos verão estas coisas, temerão e confiarão no Senhor.
Quando vi meu marido na UTI ainda entubado e conectado nas máquinas à sua volta, tive medo. Seu olhar assustado implorava para que eu ficasse ali, mas tive que ir embora. A sensação de impotência me levou a uma dependência ainda maior. Desde que o Sergião saiu da UTI, tenho dedicado todo meu tempo para cuidar dele. Agora que tudo está estabilizado consegui tirar alguns minutos para escrever e agradecer. Sei que não estivemos sozinhos neste clamor pelo socorro do Senhor. Deus ouviu quando você clamou junto conosco e além de nos socorrer, Ele levou pessoas ao arrependimento e salvação em Jesus.
Não temos fotos de todos, mas ganhamos 5 irmãos em Cristo nos 21 dias de internação. Jesus estava ali inabalável. O Senhor agiu através das circunstâncias e levou até nós a enfermeira Adriana que estava cheia de amargura no coração. Senival, um rapaz de 24 anos que estava entrando no centro cirúrgico junto com o Sergião, aceitou a Cristo minutos antes de ser operado. Depois foi a fisioterapeuta Gilmara que estava buscando um relacionamento com Deus mas não sabia como encontrá-lo. Na lanchonete do hospital falei da salvação pra D. Zélia. O último foi o Dr Carlos que internado no mesmo corredor, acabou tornando-se um grande irmão.


Sergião já teve alta e os médicos acharam prudente ficarmos próximo ao hospital por pelo menos mais 4 ou 5 semanas, antes de voltar para Roraima. Ele ainda sente dores e depende da minha ajuda para muitas coisas, mas tudo dentro do previsto pelos médicos.
Seremos eternamente gratos pelo amor que temos recebido através das orações, mensagens, telefonemas e visitas.
Quando nosso filho Serginho e sua esposa Nathaly chegaram aqui em Roraima, ficamos tão empolgados que colocamos “o logo” deles no nosso carro. Com esta Toyota Bandeirantes temos andado por diferentes trilhas para levar a Palavra de Deus a outros lugares.



Na nossa última viagem como professores do MICALI (Ministério de Capacitação de Líderes Indígenas), ministramos na aldeia Serra da Moça. Além das aulas, a cada dia rodávamos cerca de 70km com a Toyota transportando até 18 alunos de outras aldeias. Foi uma semana intensa e abençoada. Ensinamos sobre o Lar Cristão. Viver Jesus dentro de casa é um grande desafio para todos nós.



Além das aulas, temos acompanhado 3 igrejas wapixanas. A cada domingo viajamos para estas aldeias mais próximas e participamos da escola dominical e culto junto com eles. Uma nova comunidade está nos recebendo do outro lado do Rio Urariquera. Já fizemos 2 visitas e fomos bem recebidos. É empolgante contar histórias para crianças que nem sabiam sobre Adão e Eva e alcançar adultos que ainda não entenderam o amor de Jesus.


Na hora de voltar pra casa o cansaço fica estampado no rosto. Nós ficamos tão empoeirados quanto a Toyota, mas nosso vigor é renovado pela alegria de servir a Jesus e prosseguir andando na Trilha do Mestre.
Com carinho.
Servindo nas aldeias.
Sergião e Marcia
Jesus respondeu:“Vamos para outro lugar, para os povoados vizinhos, para que também lá eu pregue. Foi para isso que eu vim.” Marcos 1.38



Nosso netinho Jessé continua crescendo com saúde. Agradecemos a Deus pela tecnologia que nos permite curtir esta benção.

“Tanto sei estar humilhado, como também ser honrado; de tudo e em todas as circunstâncias já tenho experiência, tanto de fartura, como de escassez. Tudo posso naquele que me fortalece.” Fp 4.12 e 13
O Acúmulo de experiências deve nos levar a refletir mais profundamente sobre a vida. Nunca havia pensado que precisamos ser fotalecidos em Jesus para enfrentar a humilhação, mas também a honra.
Nossos irmãos da Igreja Presbiteriana de Brasília não mediram esforços para receber toda nossa família durante sua XXII Conferência Missionária. Fomos recebidos com todas as honras que nenhum de nós merece.




Diante de toda igreja, tivemos a honra de contar a história da nossa família e testemunhar que somos pessoas comuns nas mãos do único Deus Poderoso e Fiel. Ter uma família trabalhando na obra missionária só pode ser coisa de Deus.

Nas noites da conferência ministramos para as crianças. Elas participaram ativamente fazendo perguntas, desenhando, cantando e na despedida nos presentearam. O departamento infantil confeccionou uma colcha de patchwork para cada casal. As crianças carimbaram seus pé, mão e borboletas simbolizando o ministério de cada um.

Logo que retornamos para Roraima fomos visitar uma comunidade que estava recebendo a primeira visita missionária. Quando o indígena que nos convidou veio ao nosso encontro, ele chorou e disse: - O irmão prometeu e cumpriu a palavra. Vocês vieram nos visitar e trazer a Palavra de Deus. Obrigado. Eles nos honraram dando o melhor banco que tinham para sentarmos.
Assim como Paulo, buscamos permanecer fortalecidos em Cristo para devolver toda honra para Deus. Seria uma tremenda insensatez tentar se orgulhar de algo que não realizamos por nós mesmos. Assim como o rei Davi nós também dizemos:
“Tudo vem de ti, e nós apenas te demos o que vem das tuas mãos.” I Cr 29.14b
"...aproveitando ao máximo as oportunidades porque os dias são maus." Ef 5.16

Enquanto o Jessé "nascia"...
O mundo parou! Esta foi a nossa impressão quando seguramos o Jessé pela primeira vez. A princípio desejamos parar o tempo e "congelar" aquele momento, mas depois percebemos quantas oportunidades teríamos perdido. Além de participarmos da chegada do nosso primeiro netinho, o Senhor nos usou na vida de várias pessoas ao ministrarmos a Palavra de Deus.





Sérgio pregou nas igrejas de Castanhal, Benevides e Ananindeua - PA e Fortaleza - CE, retiro dos missionários do Palavra da Vida Norte. Culto e aulas para os seminaristas do IMPV.





Marcia foi preletora da Conferência de Mulheres do Palavra da Vida Norte





Entre um compromisso e outro acompanhamos Tiago e Gabi na maternidade e ajudamos a cuidar do Jessé nos seus primeiros dias de vida
Esta semana estamos completando 25 anos de ministério. A graça de Deus tem nos mantido animados a continuar aproveitando ao máximo as oportunidades que Ele nos oferece. Nosso desejo é prosseguir abençoando as pessoas com a Palavra de Deus. De volta a Roraima, estamos prontos para mais uma viagem do MICALI na comunidade Fonte Nova, ensinando sobre I Coríntios.
Glorifique a Jesus e comemore esta data marcante orando por nós, nossos filhos e agora nosso netinho também.
Com carinho.
Servindo nas aldeias.

Quando aquele pequeno avião pousou na pista da aldeia percebemos que havia algo estranho acontecendo. Pela primeira vez, ninguém veio nos receber. Tudo estava quieto.
Com a velocidade de uma flecha lançada no momento da caçada, meus pensamentos voaram em busca de respostas. Rapidamente comecei a contabilizar todos os esforços feitos para que aquele povo pudesse estudar o livro de Atos. Nosso alvo de alcançar pessoas com a Palavra de Deus havia se frustrado. Onde estão as pessoas? Porque não vieram para ouvir o ensino? O que aconteceu?
Como uma calculadora, comecei a somar o número de pessoas envolvidas nesta ação missionária e fiquei perplexa diante do disperdício. Missionários pioneiros e atuais, tradutores, mantenedores e intercessores. Foram meses de esforço até que toda apostila estivesse na língua do povo, xerocada, encadernada e estudada pelo professor, mas onde estão os alunos?





Quando entramos naquela casa empoeirada e infestada por morcegos, ouvimos o barulho do avião decolando. Não dava mais tempo de voltar atrás. Pouco tempo depois, um aluno de uma aldeia vizinha bateu na porta da casa. Ele disse: - O que aconteceu com vocês? Estamos esperando para estudar a Bíblia já faz alguns dias e vocês não chegaram. Todos foram embora tristes.
Nosso coração se abateu. Em 2Co 4.7-9 lemos:
“Mas temos esse tesouro em vasos de barro, para mostrar que este poder que a tudo excede provém de Deus, e não de nós. De todos os lados somos pressionados, mas não desanimados; ficamos perplexos, mas não desesperados; somos perseguidos, mas não abandonados; abatidos, mas não destruídos.”
Então nosso coração foi reanimado!





Deus não estava exagerando quando disse que nossa luta não é contra carne ou sangue, mas contra principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso. Eles tentaram ter o controle daquela situação, mas esqueceram que os planos de Deus não são frustrados.
Os rounds desta luta foram intensos, porém o som do gongo chegava na hora certa. Os momentos de oração davam o fôlego necessário para o próximo confronto. Os socos vinham de todos os lados. Confusão sobre as datas, falta de comida para os alunos que vem de longe, uma moça ficou horrivelmente endemoninhada, uma criança nasceu sem conseguir respirar, encontramos 2 cobras coral na sala de aula e um escorpião dentro de casa, mas em todas estas coisas o Senhor se revelou forte e poderoso. Ele curou, libertou, livrou dos perigos e supriu a todos.
Os alunos que vieram das aldeias vizinhas armaram um acampamento improvisado. Durante a madrugada, debaixo de uma chuva torrencial o pau que sustentava as redes caiu. Felizmente ninguém se machucou. Mesmo dormindo tão desconfortáveis eles chegaram para a aula sedentos e beberam cada gota da água viva que foi ensinada a eles.

Esta senhora foi batizada da última vez que estivemos lá. Mesmo não sabendo ler e escrever, ela participou ativamente das aulas respondedo perguntas e fazendo comentários.
Estes indígenas estão lutando parar aprender, nós estamos lutando para ensinar e você pode lutar em oração nos ajudando a continuar.





Com carinho.
Servindo nas aldeias.
Sergião e Marcia.
PS: Planejamos tirar nosso mês de férias no tempo previsto para o nascimento do Jessé, nosso netinho. Durante o mês de maio estaremos em Benevides – PA. Enviaremos notícias e fotos deste momento ímpar das nossas vidas.



A grandeza dos “pequenos detalhes”

Não são raras as vezes que fico admirada ao observar as coisas lindas que Deus criou, mas se tem algo que me deixa maravilhada são as espécies que vivem no mais profundo do mar ou os seres microscópicos. Eles me fazem lembrar que meus olhos não podem ver tudo.
Agradecemos a Deus por ele nos proteger dos perigos que podemos ver, mas nossa gratidão aumenta quando imaginamos os perigos que nossos olhos não alcançaram. Nossa fé tem crescido a medida que vemos a mão de Deus nas coisas pequenas ou até invisíveis .

Não são raras as vezes que fico admirada ao observar as coisas lindas que Deus criou, mas se tem algo que me deixa maravilhada são as espécies que vivem no mais profundo do mar ou os seres microscópicos. Eles me fazem lembrar que meus olhos não podem ver tudo.
Agradecemos a Deus por ele nos proteger dos perigos que podemos ver, mas nossa gratidão aumenta quando imaginamos os perigos que nossos olhos não alcançaram. Nossa fé tem crescido a medida que vemos a mão de Deus nas coisas pequenas ou até invisíveis .
Esta semana estaremos seguindo para mais uma viagem. Ensinar a Palavra de Deus nas aldeias está sendo motivador. Se tudo correr dentro da normalidade serão 2h de asfalto e 7h na terra . Passaremos por várias pontes nada confiáveis na confiança que o Senhor nos guardará.
“Porque a seus anjos ele dará ordens a seu respeito, para que o protejam em todos os seus caminhos” Salmos 91:11-12
Participe desta viagem orando por nós.
Pequenas demonstrações de dependência revelam a nossa confiança num grande Deus.
Com carinho.
Servindo nas aldeias.
Sergião e Marcia

Alegria sabor manga Raramente encontramos uma manga madura em uma aldeia. Por ser uma fruta saborosa cada um tenta garantir a sua ainda que esteja verde, mas desta vez foi diferente...

Havíamos viajado por 9hs numa estrada esburacada e poeirenta. O sol quente sugou nossas forças mas não o nosso entusiasmo de voltar na aldeia Maracanã para ensinar mais uma matéria. Juntos iríamos viajar com o apóstolo Paulo e estudar de forma panorâmica sobre as 13 cartas que ele escreveu. Levamos vários mapas e preparamos algumas dinânicas para tornar o estudo ainda mais atraente. O público alvo são os líderes, mas ninguém é excluido. Quem estiver disposto a aprender é só chegar.
Logo no primeiro dia um garoto chamou nossa atenção. Ele parecia muito esperto para uma criança de 11 anos. Ele se aproximou de nós e se apresentou: - Meu nome é Josué! Falamos para ele sobre o Josué da Bíblia e como ele foi um grande líder. Depois disso ele se tornou nossa “sombra”. Onde nós estávamos, Josué estava logo ao lado, inclusive assistindo as aulas.

Dois dias depois Josué nos acompanhou durante uma caminhada pela aldeia. Depois de uma boa conversa ele parou no caminho e orou aceitando a Cristo como seu Salvador. Continuamos a caminhada até o meio da aldeia onde um grupo estava jogando bola. Depois de alguns minutos Josué voltou com uma manga bem amarelinha e disse: - Tia, você gosta de manga? Eu subi bem no alto da árvore e peguei esta pra você, foi a única que encontrei. Nunca pensei que me emocionaria comendo uma manga. Que sabor maravilhoso! Tinha gosto de alegria.

No dia seguinte mais crianças nos acompanharam na caminhada. Quando Josué percebeu que dois meninos queriam aceitar Jesus, ele tomou a iniciativa de parar a caminhada para seus amigos Wesley e Oziel orarem. Entendemos que Deus está preocupado em instruir os atuais e os futuros líderes do povo macuxi. É motivador participar da obra que o Senhor está realizando através do MICALI (Ministério de Capacitação de Líderes Indígenas). Glória a Deus por isso!
Junte-se a nós em louvor e gratidão não apenas por estas crianças, mas por todos os nossos irmãos macuxi da aldeia Maracanã e juntos comeremos muitas mangas.
“ Não tenho alegria maior do que ouvir que meus filhos estão andando na verdade.” 3 João 1:4
Com carinho.
Servindo nas aldeias.
"Jesus fez também muitas outras coisas. Se cada uma delas fosse escrita, penso que nem mesmo no mundo inteiro haveria espaço suficiente para os livros que seriam escritos." João 21.25
Posso imaginar pessoas lendo este versículo e rotulando João como alguém exagerado, mas cada vez que retornamos de um tempo na aldeia penso nesta verdade. Na era da internet as informações são rápidas, porém devem ser extremamente resumidas para não perder a atenção do leitor. Os dias que passamos com o povo Sanumá foram tão intensos que poderíamos escrever um livro. Jesus continua fazendo muitas coisas mas contaremos apenas um ”flash”.
O povo estava aguardando para estudar o livro de Atos com muita expectativa. Tivemos 63 alunos ouvindo atentamente as lições. Eles se identificaram bastante com a primeira igreja. Cada noite projetamos um filme mostrando os capítulos estudados durante o dia. Eles assistiram o batismo do eunuco e de Cornélio, e isso gerou confiança no coração dos líderes que tinham programado realizar o batismo de 22 pessoas no último dia de aula.
* O misionário Ademir (Mimica) tem nos ajudado com a tradução
Nas primeiras horas da madrugada do sábado eles começaram a se pintar e colocar os ornamentos próprios de um dia de festa. Desde os idosos até os bebês estavam lindamente “trajados” para esta ocasião especial. Cantamos, oramos, ouvimos a Palavra de Deus e um breve testemunho de todos que passariam pelo batismo e então fomos para a beira do rio.

O filme do livro de Atos ainda está em cartaz. Aquela cena foi dirigida por Jesus, os indígenas eram os atores principais e nós tivemos o privilégio de participar como “figurantes”. Depois que todos foram batizados, participamos da Ceia do Senhor relembrando Seu sacrifício até que Ele venha. Aleluia! A emoção que sentimos conhecendo a história deste povo é quase inexplicável. Não foi apenas um batismo, mas anos e anos de investimento e esforço de vários missionários e igrejas que acreditam no poder de Deus na vida de todo aquele que crê.

Se fosse possível selecionar os “melhores momentos” da nossa vida missionária, certamente esta experiência estaria entre as mais significativas porque retrata a verdade de que Jesus continua fazendo muitas coisas na sua vida, nas nossas vidas e ao redor do mundo.
Com carinho.
Servindo nas aldeias.
Sergião e Marcia

PS: Enquanto o Sergião ministra as aulas estou investindo no treinamento para ser vovó.
"...a fé vem por se ouvir a mensagem..." Rm 10.17
Depois de uma longa viagem, chegamos na aldeia Mapuera para mais um módulo do MICALI. No começo da noite, uma tempestade atravessou a selva com um vento assustador. A palha do telhado levantou e começou a chover muito dentro da casa. Depois da correria as coisas se acalmaram e finalmente pudemos dormir. O relógio ainda marcava 4h da manhã quando fomos despertados pela “Rádio Mapuera”. A voz familiar gerou alegria e gratidão em nossos corações. Woxixakî, a esposa do cacique fez uma breve oração, cantou alguns cânticos na língua Uai-Uai e depois ouvimos uma porção da Palavra de Deus. Não apenas nós, mas toda a aldeia (cerca de 1200 indígenas) ouviu a mensagem através de um megafone. Em 2008 participamos do trabalho de gravação e mais tarde da entrega do Novo Testamento Dramatizado na Língua Uai-Uai. Naquela ocasião não tínhamos a dimensão do que Deus poderia fazer com aquele equipamento contendo a Palavra Viva. A cada manhã o povo acorda ouvindo uma porção da Bíblia.
Durante a semana que permanecemos ali, o povo foi instruido sobre a família cristã. Davi e Carol Sue Merkh estavam conosco e literalmente suaram a camisa para ministrar a matéria (40ºC). Vimos várias famílias sentadas no mesmo banco, com ouvidos atentos a tudo que estava sendo ensinado. Crianças, jovens, mães, pais, avós, todos foram desafiados a exercer seu papel na família pela graça e com temor a Deus. Foram dias inesquecíveis!
Na última noite tivemos o culto de encerramento e ouvimos vários testemunhos.
Um dos líderes compartilhou: “ - Depois de ouvir este ensino, percebi que não estava fazendo as coisas do jeito certo. Eu nunca havia lido a Palavra de Deus para minha própria família. Hoje pela manhã, reuni minha esposa e filhos e juntos lemos alguns versículos e oramos. É assim que eu quero pastorear minha família daqui para frente." (Wakia Uai-Uai)
Em qual estação a sua rádio está sintonizada? Sintonize sua vida e família na Palavra de Deus.
"...a fé vem por se ouvir a mensagem..." Rm 10.17
Continue orando por nós e toda equipe MICALI. Na próxima semana estaremos ensinando sobre o livro de Atos em mais uma aldeia.
Com carinho.
Sergião e Marcia
PS: Enquanto estudávamos sobre família, recebemos a notícia que nossa filha Gabriela está grávida. Agora seremos Caaca e Pooco (vovó e vovô na língua Uai-Uai)





O piloto ainda estava em contato com a base de Boa Vista, quando recebemos a notícia sobre o ataque terrorista.
Era o dia 11 de setembro de 2001.





Este dia foi um marco nas nossas vidas. Pessoas motivadas pelo ódio voavam para destruição, enquanto nós, motivados pelo amor voávamos para ministrar sobre a graça de Deus oferecida também ao povo Uai-Uai. Que contraste!
Dez anos se passaram e temos muito que comemorar. Atualmente a aldeia Mapuera não precisa mais da presença permanente dos missionários. O investimento de vários homens e mulheres de Deus gerou uma igreja autoctone. Isso não significa que abandonamos este povo. Nossa próxima viagem levando o curso MICALI (Ministério de Capacitação de Líderes) será justamente para Mapuera e ensinaremos sobre família. O casal Davi e Carol Sue Merkh, que foram nossos professores no Seminário Bíblico Palavra da Vida estarão ministrando esta matéria conosco. Aquele atentado provocou consequências desastrosas para a nação americana e para o mundo. A Palavra de Deus continua provocando transformações grandiosas em toda nação Uai-Uai e no mundo inteiro.
Pois não me envergonho do Evangelho, porque é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê... Rm 1.16
Nos próximos dias as pessoas serão bombardeadas por imagens de medo e insegurança, mas nós devemos prosseguir espalhando as Boas Notícias da salvação em Jesus Cristo para que as pessoas possam ter esperança e vida eterna.
Que o Senhor ajude você e a nós também nesta tarefa!
Com carinho.
Servindo nas aldeias.





Sergião e Marcia
e-mail – sergioemarcianascimento@gmail.com e sergiouaiuai@yahoo.com.br Cel TIM – 041 95-8100-3708
Era quinta-feira. Estávamos ansiosos para ouvir as notícias das outras aldeias através do contato feito pelo rádio. Cada missionário fez um breve relato dos últimos acontecimentos. As notícias que ouvimos da aldeia Palimi-Ú penetrou suavemente quando a missionária Isabel disse: - Ontem, 5 homens sairam aqui de Palimi-Ú e foram visitar uma outra aldeia para animar os novos convertidos daquele lugar. Eles querem colocar em prática o que aprenderam no último MICALI (Ministério de Capacitação de Líderes). Aquelas palavras fortaleceram nossa fé e esperança. Os desafios que lançamos aos palimitheris através do livro de Atos se transformaram em ação
Minutos mais tarde, enquanto fazíamos nossa devocional, meditamos sobre a multiplicação dos pães e peixes. Em João 6.9 lemos: "Aqui está um rapaz com cinco pães de cevada e dois peixinhos, mas o que é isto para tanta gente?"
Ouvimos sobre 5 indígenas praticando a Palavra de Deus. Lemos sobre 5 pães para alimentar cerca de 5 mil homens. Nos dois casos a necessidade é muito maior que o suprimento, mas entre os dois há o Jesus multiplicador. Esta verdade multiplicou nosso ânimo para mais um dia de ensino na aldeia onde estávamos. Pelo poder do Senhor os 44 alunos macuxi que participaram do MICALI farão diferença em sua comunidade (cerca de 240 pessoas).

Você pode fazer parte deste milagre da multiplicação perseverando em oração por nossos irmãos indígenas. Ore também por nós enquanto preparamos nossa próxima viagem e todo o planejamento de viagens para 2012.





Com carinho.
Servindo nas aldeias.
Sergião e Marcia
Como tudo começou...

Dezenove anos se passaram desde que fizemos nosso estágio ainda como seminaristas. Naquele tempo o povo indígena não fazia parte da nossa vida. Mesmo estando no território deles, morando por 27 dias ao lado deles, o nosso "mundo" estava muito distante do "mundo" deles. De todos da família eu (Marcia) era a mais resistente. O contexto urbano onde fui criada aumentava ainda mais a distância, mas foi meu coração egoísta e soberbo que realmente me afastava daquelas pessoas. Durante o estágio, confrontada pela Palavra de Deus, conheci áreas negras do meu coração. O arrependimento que veio em seguida gerou várias transformações.
Semana passada voltamos a Palimi-Ú através do MICALI (Ministério de Capacitação de Líderes) para ensinar sobre o livro de Atos para 60 ianomamis. Voltamos ao mesmo lugar, ficamos hospedados na mesma casa, falamos com o mesmo povo, mas o meu coração estava diferente. Visitamos as malocas e um homem perguntou: - Como estão seus filhos? Eles já tem marido e esposa? Fiquei emocionada! Eu não me lembrava daquele homem, mas ele se lembrava dos nossos filhos. Naquela época Gabriela tinha apenas 11 anos e Serginho 9 anos, mas aquele homem gravou a existência daquelas "crianças" na sua mente. Que vergonha para mim. Creio que Deus permitiu aquele encontro para que eu relembrasse que o meu coração já foi de pedra.
Estudando juntos a Palavra de Deus, a lição que aprendi está em Atos 10.34.
"Então Pedro começou a falar. Agora percebo verdadeiramente que Deus não trata as pessoas com parcialidade, mas de todas as nações aceita todo aquele que teme e faz o que é justo."
A mensagem da salvação atingiu judeus, gentios e chegou até os ianomamis com o mesmo poder e graça. Agora um grupo de cristãos comprometidos está se levantando entre os palimitheris. Tem sido um privilégio fazer parte deste novo capítulo da história do povo ianomami.
Semana que vem estaremos minisrando entre o povo macuxi. Ore por nós.
Com carinho.
Servindo nas aldeias.
Sergião e Marcia
Cel TIM (95) 8100-3708

Messias é um primo muito querido que mora em Piracicaba, interior de São Paulo. Ele é um ortodontista do tipo que ama o que faz, sendo assim acabou influenciando a vida do seu sobrinho, seus dois filhos e até do nosso filho Serginho que após algumas horas de conversa informal decidiu estudar odontologia.
Isso me fez pensar que quando amamos o que fazemos, influenciamos outros a fazer o mesmo. Desde bem pequenos, nossos filhos viveram no contexto missionário e receberam a influência de vários homens e mulheres que amam a Jesus e tem prazer em serví-lo. Talvez seja por isso que a dois anos e meio atrás presenciamos nossa filha Gabriela junto com o seu marido Tiago sendo enviados para o campo missionário em Benevides-Pará. Hoje, independente do curso superior que fizeram estão servindo aos ribeirinhos e treinando outros jovens para fazerem o mesmo.





Quem nos conhece mais de perto pode imaginar o quanto o nosso coração está alegre com a possibilidade de Serginho e sua esposa Nathaly fazerem o mesmo. Eles estão se preparando para a partir de fevereiro de 2012 servir entre os indígenas no estado de Roraima, pois sempre entenderam que os conhecimentos adquiridos na universidade são apenas ferramentas úteis a serviço do Rei. Cientes da necessidade urgente de mais missionários neste campo, eles se dispuseram a vir ajudar.





Nossa oração como pais é que nossos filhos (incluindo genro e nora) possam influenciar outros jovens e também a próxima geração (nossos futuros netinhos) a serem servos de Deus e que o Senhor possa usar a vida deles para Sua glória.
"...o que ouvimos e aprendemos, o que nossos pais nos contaram. Não os esconderemos dos nossos filhos; contaremos à próxima geração os louváveis feitos do Senhor, o seu poder e as maravilhas que fez. Então eles porão a confiança em Deus; não esquecerão dos seus feitos e obedecerão aos seus mandamentos." Sl 78.3,4 e 7
Quanto a nós, estamos muito animados com o ministério de ensino da Palavra nas várias aldeias por onde temos passado. Nossa alegria e esperança é saber que o Espírito Santo está agindo na vida de cada indígena que tem se disposto a conhecer a Deus mais profundamente.





Que você também possa influenciar vidas para que mais pessoas amem a Jesus.
Ore por nós. Em especial por Serginho e Nathaly nesta nova etapa da vida.
Com carinho.
Servindo nas aldeias.
Sergião e Marcia

Olha! É o avião! Estávamos a 1200 m de altitude e lá de cima só podíamos enxergar o topo das árvores da densa floresta.





Debaixo para cima Somokaso tinha a vista inversa. Instigado pelo barulho correu para fora da sua maloca e avistou o avião de Asas de Socorro. Prontamente ele enrrolou sua rede junto com mais alguns pertences e seguiu pela picada que o levaria até a aldeia principal. Dois dias mais tarde, Somokaso chegou cansado, mas a alegria do seu rosto era notória. Ele participou das aulas com um interesse impressionante. Ministramos sobre a Vida de Cristo enquanto o missionário Mimica fazia a tradução simultânea.

No domingo durante o culto, aquele jovem indígena testemunhou diante de todo o grupo dizendo:





- Eu moro a 2 dias de viagem daqui, por isso cheguei atrasado. Quando eu vi o avião passando, entendi que os missionários estavam chegando para ensinar a Palavra de Deus. Eu não sei ler ou escrever, mas tudo que ouvi sobre Jesus quero ensinar na minha aldeia.
É muito difícil ter a atenção dos velhos, mas as crianças gostam de ouvir sobre Jesus e é para elas que vou contar tudo o que aprendi nestes dias.
Refletimos sobre estas palavras. Elas nos encorajam a prosseguir no ensino da Palavra Viva através do MICALI (Ministério de Capacitação de líderes. Enfrentamos lutas intensas e variadas durante aquela semana, mas valeu a pena lutar. A cada manhã um dos líderes daquela comunidade chegava cedo em nossa casa para fazermos a devocional e orarmos juntos antes das aulas.





A semeadura de vários missionários ao longo de 52 anos de ministério da MEVA, estão finalmente frutificando. Aquele indígena ministrou a Palavra a nós missionários sobre Jesus ser a luz (wakalá) do mundo. Foi muito edificante!
Durante a viagem de volta, pudemos avistar mais do que o topo das árvores, pois acima de nós o Deus Soberano avistou o coração de homens e mulheres sedentos por Sua Palavra, inclusive o nosso.
Na próxima semana estaremos viajando para mais uma aldeia onde ensinaremos a matéria sobre o livro de Atos. Lembrem-se de nós em suas orações.
Com carinho.
Servindo nas aldeias.

Sergião e Marcia
cel TIM - (95) 8100-3708

Seja sobre nós a graça do Senhor nosso Deus; confirma sobre nós as obras de nossas mãos, sim, confirma a obra das nossas mãos. Sl 90.17
Estávamos empolgados e apreciando cada detalhe do agir da poderosa mão de Deus. Mais uma vez Jesus estava nos dando a honra de servir a Ele e ao povo macuxi. Nosso dia aqui começa muito cedo. Enquanto nos deslumbrávamos com a vista do amanhecer, nos alegrávamos com o fato de que as misericórdias do Senhor estavam se renovando a cada dia nas nossas vidas.





Fomos avisados que as povo de Fonte Nova não havia mostrado grande interesse no curso bíblico.
Para nossa surpresa ao todo tivemos 41 participantes.
Vários casais estavam unidos pelo interesse de estudar sobre a Vida de Cristo. Foram 30hs de curso no calor intenso de Roraima, porém ninguém desanimou.

À medida que aquelas pessoas conheciam mais a Jesus, elas testemunhavam das transformações que estavam acontecendo em suas vidas e houve um grande quebrantamento entre o povo.
"Eu sabia que Jesus tinha morrido na cruz, mas não sabia que Ele tinha morrido no MEU lugar"
João Barbosa Macuxi
"Para mim foi muito importante saber que Jesus andou tanto pregando sobre o reino de Deus. Quero fazer o mesmo ainda que seja longe." Amarildo
"Eu e minha esposa estamos afastados da igreja a 7 anos. Queremos pedir perdão aos nossos irmãos e voltar a viver e pregar o Evangelho. Vocês nos perdoam?" Aluísio e Neusa Macuxi
Os nossos olhos viram o poder transformador da Palavra de Deus e o agir do Espírito Santo nas nossas vidas e na vida dos nossos irmãos, pois aquele que “ensina” é tão impactado quanto aquele que está aprendendo. Retornamos a Boa Vista encorajados a viver o que aprendemos e nos prepararmos para a próxima viagem que será para Truarú com o povo wapixana.

Mais uma surpresa!!!
Nossa filha está grávida. Finalmente seremos vovô e vovó. Aleluia!
Pedido de oração:
Além de orar pelo ministério que o Senhor tem nos confiado, pedimos que você ore:
· Por uma casa em Boa Vista (nossa base entre as viagens).
· Por um carro forte o suficiente para andar nas estradas de terra, mas macio o suficiente para não machucar a coluna do Sergio.
Nesta viagem rodamos 430 km (por enquanto estamos usando a Toyota Bandeirantes, da missão).





Um forte abraço. No amor de Cristo.
Sergião e Marcia
Cel TIM INFINITY – (95) 8100-3708 Sergio / Marcia (95) 8100-3709 E-mail – sergiouaiuai@yahoo.com.br / sergioemarcianascimento@gmail.com
Caixas de papelão e jornal para embalar as coisas frágeis. Chegou a hora de preparar a mudança.
É momento de decidir sobre o que é essencial e se despreender do que é secundário. Enquanto desmontamos nossa casa, memórias vieram à minha mente, então, me lembrei das palavras do rei Nabucodonosor em Daniel 4.2.
“Tenho a satisfação de falar-lhes a respeito dos sinais e das maravilhas que o Deus Altíssimo realizou em meu favor.”
Sim, Deus realizou e continua realizando sinais e maravilhas nestes 23 anos de ministério. Posso me lembrar de Gabi e Serginho ajudando a encaixotar suas coisas e se desfazendo da maioria dos brinquedos para que os itens mais importantes coubessem na nossa Toyota. Esta foi nossa primeira mudança para Roraima. Estávamos tão entusiasmados! Tudo o que ficou para trás nunca nos fez falta.
Entusiasmo, motivação e alegria; esta bagagem certamente irá conosco neste retorno ao norte do Brasil. Antes de voltar, precisamos trocar nosso GOL por uma caminhonete 4 X 4 em bom estado de conservação para enfrentar as estradas que nos levarão para as várias aldeias que tem acesso por terra. Eventualmente teremos que usar os aviões de Asas de Socorro. Seja por terra ou ar, onde Deus mandar, estamos dispostos a ensinar o que temos aprendido da Palavra de Deus.
Seria um enorme prazer poder nos despedir pessoalmente daqueles que tem nos acompanhado em oração e apoio. Temos algumas datas em aberto no mês de janeiro. Caso sua igreja tenha interesse em uma visita, entre em contato conosco.
Com carinho.
No amor de Cristo.
Roraima - Março 2003 – A princípio, aquele parecia ser um sábado comum. De repente, uma fisgada e dores insuportáveis fizeram o Sérgio gemer de dor na região lombar. Após uma viagem que nos pareceu interminável, chegamos a São Paulo e fomos diretamente para o hospital. Alguns dias mais tarde, após a intervenção cirúrgica na coluna, recebemos o diagnóstico de um AVC (Acidente Vascular Cerebral) na região do tálamo, ocorrido durante a cirurgia. Que notícia! E pensar que há alguns dias estávamos na aldeia aprendendo a língua uai-uai e conquistando a confiança do povo! Agora, estávamos quase três semanas no hospital. Um tanto atordoada pelo impacto dos acontecimentos, orei ao Senhor pedindo uma Palavra que me indicasse o próximo passo. Naquele dia fiz minha devocional em Rm 12.12
“Alegrem-se na esperança, sejam pacientes na tribulação, perseverem na oração.”





Atibaia – Setembro 2010 - Os três meses de recuperação previstos pelo médico tornaram-se sete anos. Enquanto passávamos pela tribulação foi nos dada a oportunidade de compartilhar nossas experiências de campo entre os alunos do seminário Palavra da Vida. O preparo de aulas e sermões foram um ótimo exercício mental para a recuperação do Sérgio, como também as oportunidades de viagens esporádicas para as aldeias levando equipes de estágiários. Depois de todo este tempo, pude ver com mais clareza o que Deus quis me dizer em março de 2003.
“ALEGREM-SE”
Nestes anos de espera, vimos nossos filhos se formarem no seminário, faculdade e mestrado. Eles namoraram, noivaram e se casaram e ainda participamos do culto de envio de Tiago e Gabi para o campo missionário. Quantas bençãos! Quantas alegrias! Olhamos para trás e ficamos maravilhados, mas continuamos caminhando rumo a novos planos e vários alvos.
“SEJAM PACIENTES”
Nunca nos desligamos da MEVA (Missão Evangélica da Amazônia) porque tínhamos a esperança de um dia retornar. Em maio deste ano fomos contatados pela diretoria da missão com a proposta de retornarmos como professores do MICALI ( Ministério de Capacitação de Líderes). Este trabalho está sendo realizado desde 2008 visando proporcionar treinamento de liderança nas aldeias. Neste seminário indígena, são os professores que se deslocam até as aldeias para ministrarem as matérias. Hoje a equipe alcança 40 comunidades que somadas reunem 675 alunos entre os estados de Roraima e Pará.
“PERSEVEREM”
Jamais esquecemos do nosso compromisso com o povo indígena. Após um check-up minusioso, os médicos concordaram com nosso retorno sugerindo um controle anual. Conversamos com a liderança da nossa igreja e Seminário Palavra da Vida obtendo o apoio de todos. Agora, estamos em busca de conselho e apoio das igrejas mantenedoras e irmãos que acompanham nossa vida e ministério. Se você ou a sua igreja tem interesse de saber mais sobre este ministério, entre em contato conosco. Nosso retorno está previsto para o início de 2011. Nossa perseverança é uma extenção da sua. Ore por nós e “volte” conosco aos campos da região norte do Brasil.





Com carinho
No amor de Cristo.
Sergião e Marcia
Onde é o fim do mundo?
Enquanto eu discipulava uma adolescente que evangelizei, perguntei se ela tinha alguma dúvida a respeito de Deus. Um pouco acanhada ela perguntou: - Onde é o fim do mundo?
Respondi a ela que o nosso mundo (planeta terra), não possue um lugar de começo ou fim. Expliquei que esta expressão geralmente é usada para enfatizar quão distante é um determinado lugar ou quão indignado estamos com o comportamento das pessoas, levamdo-nos a pensar que o final de tudo está próximo. Depois desta conversa, refleti sobre minhas próprias palavras tendo em mente o que vivemos durante o mês de julho.
Depois de viajarmos por 24hs, pensei ter chegado no fim do mundo. O grupo de 40 pessoas foi recebido calorosamente pela igreja de índios terena em Aquidauana – MS. Já passava das 22hs mas a empolgação daquelas pessoas era contagiante. Os viajantes cansados foram reanimados pelo amor. Passamos 3 dias ministrando naquela igreja. Partimos então para a aldeia Limão Verde. O fim do mundo estava alguns quilômetros adiante. Foi uma semana de trabalho intenso. Durante 11 dias vivenciamos o privilégio de servir ao Senhor pregando, evangelizando,visitando, dando aulas de artesanato, enfim, fazendo de tudo um pouco. Nos pequenos intervalos entre uma atividade e outra, pudemos ver Serginho e Nathaly dando assistência àquelas pessoas esquecidas no mapa. Extrações, restaurações, cirurgias e curativos; tudo feito com muito amor. Nossos olhos não podiam alcançar, mas ao mesmo tempo Tiago e Gabriela estavam numa comunidade ribeirinha nos confins da Amazônia ensinando a Palavra e salvando uma menina de 4 anos que quase chegou a óbito. Que maravilha! Tem gente querendo ouvir a Palavra de Deus nos confins da terra.
Depois de viajarmos por 4hs, pensei que havia chegado o fim do mundo. Era madrugada quando chegamos em São Thomé das Letras com um grupo de cristãos dispostos a falar de Cristo para os “malucos”. Deixamos nossas malas numa pousada muito simples e fomos andar a pé pela cidade à procura de uma juventude perdida nas drogas e vãs filosofias. Não demorou muito até chegarmos na Pedra da Pirâmide. Tivemos ali a certeza de que estamos próximos do fim. Pessoas vestidas como bruxos bebiam e se drogavam livremente. Alguns dançavam com passos descoordenados enquanto outros quase não podiam ficar em pé. Enquanto nosso grupo tocava e falava de Jesus, sentei naquela enorme rocha e chorei enquanto orava. A maioria eram jovens. Moças e rapazes vestindo trapos horrorosos e sujos, descabelados, com dentes amarelados e olhos esbugalhados. Que miséria!
Na madrugada seguinte o Sérgio apresentou o evangelho através do quadro cênico e no cenário do fim do mundo pessoas oraram recebendo a Cristo. Glória a Deus! Algumas ovelhas perdidas ouviram a voz do pastor. Que maravilha! Tem gente querendo ouvir da Palavra de Deus antes que chegue o fim do mundo.
Onde é o fim do mundo?
É para lá que nós queremos ir.
“Abençoe-nos Deus, e todos os confins da terra o temerão.” Sl 67.7
Que a benção do Senhor esteja sobre nós e sobre você para proclamarmos a salvação pela fé em Jesus Cristo.
Com carinho.
No amor de Cristo





Ajoelhadas.
Creio ter sido esta a maneira mais visível que encontramos de expressar a Deus o quanto nossos corações estavam desejosos de viver em total dependëncia Dele. Enquanto eu ministrava a Palavra de Deus aos ouvidos atentos de quase 200 mulheres, senti o peso da responsabilidade de viver o que tenho ensinado. Algumas vieram de muito longe e não pouparam esforços para chegar à pequena cidade de Benevides no estado do Pará.





Atrás daquele púlpito alto e largo, pude dimensionar mais precisamente o quanto sou pequena diante do Deus que tem me dado a honra de serví-lo. Foi maravilhoso!





Paralelamente, Sergião serviu ao Senhor ministrando entre os alunos do IMPV (Instituto Missionário Palavra da Vida). Realmente ele foi agraciado com vários dons que o Espírito lhe concedeu. Fico impressionada ao observar a maneira versátil com a qual meu marido tem sido usado por Deus. Pregou em 2 igrejas de Belém e na capela missionária do IMPV. Com os alunos casados falou sobre família. Para os primeiro anistas ele deu aula sobre vocação ministerial. Por último, ensinou técnicas de prevenção e salvamento em casos de afogamento na matéria de enfermagem.





Foram 5 dias tão intensos que ficamos com a impressão de serem mais. Para completar, Jesus nos deu aquela “cerejinha que enfeita o bolo”. Nos hospedamos na casa de Tiago e Gabi. Fomos recebidos com muita alegria e testificamos com os nossos olhos a dedicação deles ao ministério. Visitar filha e genro no campo missionário é algo que nos faz cair de joelhos e agradecer a fidelidade e graça do nosso Deus.


Álbum de família

Era uma cena aparentemente comum. Uma família abraçada no saguão do aeroporto aguardando a máquina fotográfica disparar. Seria possível registrar em imagem as emoções e pensamentos daquela família? Como pais e missionários entre indígenas, o primeiro texto que nos veio à mente foi o Salmo 127.4.
“Como flechas nas mãos do guerreiro são os filhos nascidos na juventude.”
Foi com muita alegria que no dia 09/02/2010 atiramos nossa primeira flecha. Na pontaria de Deus, o alvo foi o norte do Brasil. Tiago e Gabriela já estão em Benevides – Pará, servindo ao Senhor com o objetivo de alcançar os ribeirinhos com o Evangelho de Cristo. O próximo componente da foto tentou fazer tudo parecer normal, mas aquele não era um dia qualquer. Serginho chegou de surpresa e conseguiu se despedir da irmã e do cunhado minutos antes do embarque. Enquanto pessoas passavam apressadas, nos abraçamos formando um círculo apertado. Juntos oramos e choramos em profunda gratidão a Jesus. Por alguns segundos ficamos em silêncio na tentativa de curtir ao máximo todo significado daquele momento. O celular tocou. A vovó Mirian não estava na foto, mas estava bem ali, quase visível dando a benção para seus netos. Refleti sobre aqueles momentos e me lembrei da vovó Benedita (bisavó do Sergião). Esta mulher passou parte da sua vida orando ao Senhor pelas próximas 4 gerações da sua família. Seu desejo era que sua descendência amasse e seguisse a Jesus. Eu nunca conheci esta mulher, mas quero abraçá-la na eternidade e dizer obrigada por ter orado por nós. Por sua imensa graça, o Senhor já tinha esta foto no álbum do céu. Muitas outras fotos serão tiradas este ano e isso nos empolga.





Estamos de volta do nosso semestre sabático. Continuamos animados com o ministério entre os alunos do seminário e já estamos planejando mais uma temporada com o povo uai-uai.
Um forte abraço.
No amor de Cristo.

Sergião e Marcia
Sergio e Marcia Nascimento – Al Jacarandá, 148 – Atibaia – SP – 12 949-185 sergiouaiuai@yahoo.com.br
Voltamos de Mapuera, entregamos os aparelhos com a bíblia em áudio na língua uai-uai, foram entregues para 22 aldeias diferentes, cerca de 2.000 uai-uais estarão ouvido a Palavra de Deus em sua propria língua, sendo que os povos indígenas são de tradição oral, este é um equipamento muito importante, todos ficaram muito animados com este novo método de aprender mais da Palavra. Muito obrigado pelas orações, tudo foi muito especial e uma benção, ninguém ferido e nem doente, aleluia! Os seminaristas fizeram um ministério de alto nível, todos se sairam muito bem. Para a Conf da Bíblia na aldeia, chegaram mais de 500 índios visitantes, creio que nas programações tinham por volta de 2000 índios participando.
Vocês fazem parte desta realidade, participando juntamente conosco de todas estas bençãos, muito obrigado por tudo o que vocês tem feito pelo nosso ministério, família e os índios uai-uais.
Agora estamos trabalhando para preparar um intercâmbio de jovens de duas igrejas, serão 11 dias juntos ministrando em vários lugares aqui em Atibaia, sempre em lugares bem carentes e que ainda não tem trabalho de nenhuma igreja evangélica. Estamos dando prioridade para o Bairro da Maracanã, onde estamos trabalhando para plantar uma nova igreja aqui na cidade

Desde já agradeço.
Fiquem na paz de Jesus Cristo.
No amor dele.
Sergião e Marcia
Mc 1.38
Todo trabalho árduo traz proveito... Pv 14.23
Querido irmão(ã) Como são animadoras estas palavras do livro de Provérbios! Especialmente quando vivemos dias intensos e agitados. É maravilhoso pensar no proveito do trabalho feito no Senhor e para Ele. Não podemos dizer que tem sido fácil, mas certamente podemos dizer que pela GRAÇA o Senhor nos dá o privilégio de ver o fruto do que semeamos nas vidas que Ele nos tem confiado.
Tiago e Gabriela Quem é pai sabe que criar filhos exige dependência de Deus, dedicação, perseverança, paciência, amor, tempo... enfim, são anos de trabalho árduo até que possamos ver nossos filhos formados e formando sua própria família. No dia 18 de abril, Serginho e Nathaly se casaram. As palavras são incapazes de expressar tudo o que passou em nossas mentes e corações enquanto eles se comprometiam diante de Deus e dos homens a serem uma família que glorifica a Deus. Eles estarão morando em Santos até que a Nathaly complete a faculdade de enfermagem. Enquanto isso, Serginho continua trabalhando como dentista, adquirindo prática e se preparando para o ministério que eles almejam no norte do Brasil. Tiago e Gabi estão completaram 1 ano e 5 meses de casamento. Continuam servindo na igreja local mas já estão visitando igrejas que queiram se envolver com a evangelização dos ribeirinhos, pois eles gostariam muito de ir ao campo missionário no início de 2010. Tiago continua trabalhando em uma fábrica de barcos enquanto Gabi completa o mestrado em saúde coletiva junto com Serginho.
Família Uai-Uai Se você ainda lembra, em 2008 passamos 2 meses e meio na aldeia Mapuera trabalhando intensamente para gravar o Novo Testamento Dramatizado na Língua Uai-Uai. Essa gravação foi enviada para uma missão especializada, que editou as gravações e concluiu o trabalho. A próxima etapa é entregar os aparelhos (Proclaimer) nas mãos do povo uai-uai. Se o Senhor nos permitir, gostaríamos de fazer uma viagem no mês de junho, levando um grupo de seminaristas para participarem desse momento importante da história daquele povo. Esta é a primeira gravação dramatizada feita numa língua indígena brasileira. Glória a Deus por isso.

Outro trabalho no qual temos nos empenhado é o de treinar jovens. O Seminário Bíblico Palavra da Vida tem nos proporcionado oportunidades excelentes para que possamos investir em vidas e abrir seus olhos para a necessidade de mais trabalhadores na seara. Esse trabalho tem consumido grande parte do nosso tempo. Durante o ano letivo, ministramos aulas e participamos das atividades da escola para que os momentos formais e informais sejam usados no discipulado de alunos solteiros e casados. O treinamento ocupa vários de nossos finais de semana, especialmente nos primeiros meses do ano. Nem sempre é fácil acompanhar o rítmo dos jovens, mas temos nos esforçado.
Durante as “férias”, levamos grupos de estagiários para as aldeias uai-uai, com o propósito de eles conhecerem a rotina da vida na selva e entenderem as necessidades espirituais e sociais daquele povo. Com certeza tem valido a pena! Uma de nossas alunas já está trabalhando entre o povo Ianomami e outros seminaristas têm manifestado o desejo de trabalhar com povos indígenas do nosso país.
Este ano, abraçamos um trabalho extra. Ministramos uma série de 7 aulas da matéria de evangelismo para um grupo de líderes na cidade de Campinas. Na última aula saímos para a prática do aprendizado e evangelizamos com a apresentação do quadro cênico em uma praça. Pessoas entregando suas vidas a Cristo foi a recompensa pelas horas de preparação das aulas e pelo cansaço das viagens.
Nos próximos meses temos vários compromissos com igrejas e Conferências Missionárias, o que é muito motivador. Cada vez ficamos mais convencidos de que precisamos obedecer a Jesus que disse:
“Peçam, pois, ao Senhor da colheita que envie trabalhadores para a sua colheita”. Mt 9.38
Agora é o tempo de trabalhar, além de ser um grande privilégio. Mão no arado...
Campos brancos..
Seara grande...
Colheita...Que palavras desafiadoras! Especialmente quando nos lembramos que é Deus quem dá o crescimento e que nós somos apenas seus servos.



Família Nascimento





Portanto, meus amados irmãos, mantenham-se firmes, e que nada os abale. Sejam sempre dedicados à obra do Senhor, pois vocês sabem que, no Senhor, o trabalho de vocês não será inútil.” I Co 15.58
Que a bênção do Deus Eterno esteja sobre você.
Com carinho.
No amor de Cristo.
Sergião e Marcia

Alameda Jacarandá, 148 – Recanto Tranqüilo
Atibaia-SP – CEP 12949-185 - Fone(11) 4415 132
e-mail- sergiouaiuai@yahoo.com.br
“Depois que toda aquela geração foi reunida a seus antepassados, surgiu uma nova geração que não conhecia o Senhor e o que ele havia feito por Israel.”(Juízes 2.10)
Estamos de volta!!!
Agora que já estamos em casa e com as malas desfeitas, paramos um pouco para refletir o que de fato tem nos motivado a prosseguir nessas “idas” e “vindas” carregadas de malas, redes, mosquiteiros, repelentes...além dos jovens seminaristas, que trazem com eles todo o peso da responsabilidade de cuidarmos dessas vidas no contexto de uma aldeia indígena.
O texto que citamos acima, norteou nossas principais motivações:
1- Motivar a nova geração de jovens cristãos das nossas igrejas a continuar conhecendo ao Senhor e obedecendo o IDE, que inclui as tribos indígenas do nosso país.
2- Trabalhar para que a nova geração do povo uai-uai continue conhecendo ao Senhor e os Seus grandes feitos por seu povo.
Pela graça e somente para a glória do nosso Deus, cremos que esses alvos foram alcançados de várias maneiras durante o tempo que passamos na aldeia.
Conferência de Natal - tivemos pregações durante todo o nosso tempo nas aldeias.
Adultos e crianças participaram das encenações que contaram a história do nascimento de Jesus em capítulos. O povo tem respondido muito bem ao ensino através do teatro.
Ministério com as mulheres - lançamos o desafio de oração do ministério “Desperta Débora”.Todas as mães e avós aceitaram o desafio de orarem diariamente por seus filhos e netos.
Todas receberam uma pulseira de silicone escrito em uai-uai: Kaan yakro kîmtapowasî (Eu estou orando), para servir de lembrança e memorial desse compromisso.
Ministério com jovens - eles receberam estudos bíblicos com desafios nas áreas de compromisso com Deus, pureza e obediência aos pais.
Ministério com crianças - nossa equipe separou duas seminaristas que se dedicaram quase que exclusivamente ao ensino dos pequenos, foi maravilhoso!

Uma grande ajuda - durante a nossa última semana recebemos Marcelo e Ana (professores junto conosco aqui no seminário), Pollyanna (foi da nossa turma no seminário) e Giselli (aluna do Sérgio no curso CTL). Eles ministraram a Palavra e se envolveram de várias maneiras com o povo, além de dar um novo ânimo para a, já equipe um pouco cansada.

Contabilizamos um acidente (Louise caiu e ganhou 3 pontos internos e 9 externos na perna), uma diarréia de 5 dias (Alfredo), alguns quilos a menos capinando, buscando água...
Do outro lado do placar foram cerca de 30 pessoas aceitando o apelo na última pregação do natal, mães se comprometeram em oração por seus filhos e netos, vários jovens se arrependeram e confessaram pecados, alguns líderes vieram pedir conselho, sem contar os idosos e doentes que visitamos a cada dia.
Pesando tudo na balança só podemos dizer uma coisa: VALEU A PENA! Independente das pressões, tensões, cansaço, gasto de tempo e dinheiro... vale a pena servir a Deus, proclamar o evangelho de Jesus Cristo e vivenciar o poder do Espírito Santo. Continue investindo na nova geração através das suas orações.

Sergião e Marcia

Outubro 2008
Conseqüentemente, a fé vem por se ouvir a mensagem, e a mensagem é ouvida mediante a palavra de Cristo. Rm 10.17
“O senhor entende o que está lendo?”. Esta foi a pergunta de Felipe para o eunuco etíope. A mesma pergunta tem sido feita para muitas outras pessoas e as pesquisas tem revelado um alto índice de analfabetismo funcional, ou seja, pessoas que sabem ler e escrever mas enfrentam dificuldade para entender o que estão lendo. Este tipo de dificuldade se torna ainda mais acentuada entre os povos tribais que tem por tradição a transmissão de conhecimento da forma oral, eles aprendem mais facilmente ouvindo do que lendo. Motivados por esta necessidade, passamos 2 meses e meio entre o povo uai-uai, tendo como prioridade a gravação do Novo Testamento dramatizado na língua do povo, gravado pelos próprios indígenas.

Durante a primeira semana recebemos nossa amiga Carine e o Pr. Fernando Leite com sua equipe da IBCU de Campinas, para realizarem uma Conferência Bíblica com atividades direcionadas para cada faixa etária. Foi uma semana intensa e bem produtiva. A partir da segunda semana, recebemos o prof. Laerte, as missionárias Eepen e Graci responsáveis por todo o trabalho técnico das gravações e ainda contamos com a ajuda de três jovens seminaristas.
Adaptamos um “estúdio” a 1300mts da aldeia na tentativa de eliminar ao máximo sons que poderiam atrapalhar o trabalho e lançamos o desafio para a participação do povo. Eles realmente “compraram a idéia” e deram a largada para uma maratona de gravações que duraria 38 dias interruptos das 5:00 às 17:30h.
Os diáconos da igreja nos ajudaram no transporte do equipamento que precisava ser montado e desmontado a cada dia. Vários irmãos contribuíram mandando banana, abacaxi, peixe, farinha, etc, para a merenda. Cerca de 30 vozes diferentes foram gravadas para que os relatos bíblicos se tornassem ainda mais atraentes e bem compreendidos pelo povo uai-uai. Todo este material vai ser editado e quando o trabalho for concluído o povo uai-uai será o primeiro grupo indígena brasileiro a receber a bíblia gravada na sua língua de forma dramatizada. Que vitória! A próxima etapa deste projeto será a distribuição destes pequenos aparelhos a fim de que as famílias possam se reunir para ouvir a Palavra de Deus. Assim, muitos idosos e os que estão impossibilitados pela cegueira ou outras deficiências, não serão privados de tal privilégio.
Depois que todos foram embora, nós permanecemos com o povo por mais duas semanas. Durante toda a nossa estadia ministramos a Palavra de Deus nos cultos de quarta-feira e domingo e a Márcia ministrou para as senhoras às sextas-feiras e aos domingos na classe dos jovens. Foi um grande desafio em meio à intensa rotina de gravações e preparo da alimentação para a equipe.

Saímos de Mapuera, passamos por Manaus e a seguir viajamos para Itacoatiara-AM onde aconteceu o CONPLEI (Congresso Nacional de Pastores e Líderes Evangélicos Indígenas) que reuniu 1.250 pessoas de 47 etnias. Para nossa alegria tivemos a participação de 15 uai-uais.
Agora estamos de volta e já retomamos nossas responsabilidades com os alunos do seminário. No mês de outubro estaremos com um grupo de alunos ministrando em Pedrinhas – litoral de São Paulo, junto com um casal de missionários da MEAP (Missão Evangélica de Assistência aos Pescadores). Ainda em outubro estaremos no Congresso Brasileiro de Missões representando o Seminário Bíblico Palavra da Vida.
Temos um grupo de 9 alunos e um casal de professores interessados em participar do estágio de dezembro-janeiro em Mapuera e isso é uma grande resposta de oração. Estamos como grupo nos mobilizando para levantar os recursos necessários para que todos possam participar.
As camisetas do Projeto Mapuera 2008 já estão prontas e várias pessoas tem participado desta viagem, ofertando através das camisetas. O versículo tema deste ano é Isaías 6.8b
“Quem enviarei? Quem irá por nós? E eu respondi: Eis-me aqui. Envia-me!

Com carinho. No amor de Cristo.
Sérgio e Marcia

Queremos finalizar esta carta compartilhando com você algo que encheu nosso coração de alegria. Nosso filho Serginho ficou noivo da Nathaly no dia 14 de setembro. Só temos a agradecer pela maneira cuidadosa que Jesus tem conduzido a vida dos nossos filhos, genro, nora e, pela fé, os futuros netos. Que as próximas gerações possam crer e provar da bondade do Deus eterno e verdadeiro.
A Ele todo louvor!

Sérgio e Marcia Nascimento – Alameda Jacarandá, 148
Recanto Tranqüilo - Atibaia – SP – Cep 12949-185
e-mail: sergiouaiuai@yahoo.com.br - Fone – (11)4415-1326
“Apenas tenham cuidado! Tenham muito cuidado para que vocês nunca se esqueçam das coisas que os seus olhos viram; conservem-nas por toda a sua vida na memória. ” Dt 4.9
Enquanto escrevo esta carta posso relembrar as maravilhas que Deus realizou nestes últimos meses. Queremos contar pra você um pouco do que os nossos olhos viram e através destes relatos encorajar a sua vida.





...vimos nossa filha casar... Numa cerimônia simples, mas muito significativa, Tiago e Gabi iniciaram uma nova família, tornando o dia 09-12-2007 uma data memorável para nós como pais. Nos próximos 2 anos eles estarão concluindo o tempo de treinamento para servirem no Instituto Missionário Palavra da Vida Norte. Tiago está cursando o 5º ano de seminário, está trabalhando numa fábrica de barcos e estagiando na sua própria igreja na cidade de Santos, onde estão morando.





...vimos mais uma equipe de seminaristas no campo... Experimentamos de maneira muito palpável a vontade soberana do Deus Todo-Poderoso. Contrariando nossa agenda, Ele nos moveu e nos direcionou e os resultados foram surpreendentes. No dia 11/12/07, saímos de São Paulo com um grupo de 7 seminaristas do Seminário Bíblico Palavra da Vida. Nosso objetivo maior era ministrar entre o povo uai-uai. Viajamos vários dias de barco e canoa para visitar as aldeias ao longo do rio Mapuera. Após 11 dias viajando, chegamos em Mapuera exaustos e famintos. Quando o Sergião desceu da canoa, seu pé escorregou na lama, ele estava segurando um facão na mão direita e acabou se acidentando.

...vimos o cuidado de Deus...Felizmente, aquela era a única aldeia com posto de saúde. Rapidamente um auxiliar de enfermagem limpou e suturou o ferimento. Tentamos manter os planos e começamos os preparativos para a festa de natal. Participamos da Conferência de Natal ministrando estudos bíblicos para crianças, jovens e adultos, mas o ferimento infeccionou. O quadro foi se agravando cada vez mais, até que pedimos um vôo de emergência. Foi uma decisão muito difícil, o povo estava triste, alguns choravam muito. Quatro seminaristas ficaram por mais uma semana na aldeia dando continuidade aos estudos, mas três meninas saíram juntamente conosco.
Chegando na cidade de Boa Vista, o Sérgio ficou 2 dias internado no hospital tomando antibiótico intravenoso e logo as oportunidades foram surgindo. Montamos um grupo de 25 jovens e viajamos para Pacaraima (cidade que faz fronteira com a Venezuela). Brasileiros e venezuelanos ouviram a Palavra de Deus através do quadro cênico e pantomimas. Pregamos na igreja, nas ruas, em becos de prostituição e drogas; em português e espanhol.





Com certeza estes dias ficarão na nossa memória.
Trabalhamos em aldeias macuxi e wapixana próximas de Boa Vista. Nossa equipe se uniu a outros seminaristas e ex-seminaristas de Roraima e promovemos um curso de evangelismo criativo para os jovens das igrejas locais. Depois de treinados, todo o grupo (cerca de 80 pessoas) foi para a praça mais movimentada de Boa Vista e ali evangelizamos muitas pessoas. Deus nos surpreendeu transformando o acidente em muitas oportunidades de sermos benção e nos presenteou com uma equipe de seminaristas de coração missionário e muito servo. Atualmente o Sérgio está fazendo sessões de terapia para a reabilitação dos movimentos da mão, pois o nervo digital do dedo indicador foi rompido. Ainda não sabemos quanto tempo ele vai precisar até que fique totalmente recuperado. Orem para que Jesus abrevie este tempo.





...vimos a formatura dos nossos filhos...Certamente nunca esqueceremos este dia. Agora temos uma filha enfermeira, mas isso não é tudo, Gabi foi homenageada por ter sido a melhor aluna do curso de enfermagem. Nós pais, tivemos o privilégio de subir ao palco junto com ela para reconhecer seu bom desempenho.
Na sua imensa graça, Deus ainda havia reservado grandes emoções para estes pequenos corações de pais. Vimos nosso filho Serginho, vestido de branco recebendo seu diploma. Agora ele é um dentista. Antes que a solenidade terminasse, o aluno Sergio do Nascimento foi chamado para receber mais um diploma, reconhecendo ele como um aluno destaque do curso de odontologia. Já estávamos tão felizes!!! Antes que ele recebesse o último aperto de mão do seu professor, ele foi novamente chamado, agora para receber um diploma do Conselho Regional de Odontologia do Estado de São Paulo, reconhecendo ele como o melhor aluno do curso de odontologia. GLÓRIA A DEUS!!! Foram as únicas palavras que conseguimos pronunciar em meio a tanta emoção. Porque dele, e por meio dele, e para ele são todas as coisas. A ele, pois, a glória eternamente. Amém! Rm 11.36. Nossa família tem plena consciência de que estes são feitos de Deus, por isso devem ser mencionados e lembrados.





...continuamos vendo Deus agir...Estávamos ainda “descendo das nuvens” quando soubemos que tanto Serginho quanto Gabi passaram na prova para cursar o mestrado em saúde coletiva. Cremos que este curso será uma ferramenta valiosa para a obra missionária que eles estão querendo abraçar. Vai ser um grande desafio para nós apoiá-los neste projeto, mas sabemos que Deus é Fiel. Nossas atividades no seminário já recomeçaram e este ano enfrentaremos novos desafios, especialmente com treinamento de evangelismo e discipulado dos alunos. Tem valido a pena investir na geração jovem e ver suas mentes e corações transformados pela Palavra de Deus.





... ainda veremos... Temos um grande projeto para este ano e cremos que veremos maravilhas acontecerem. No final do mês de junho iremos para Mapuera juntamente com uma equipe de gravação com o objetivo de gravar a Bíblia uai-uai em áudio. Estudos feitos em comunidades tribais indicaram um alto índice de analfabetismo funcional (pessoas que sabem ler mas não interpretam o texto lido). Os povos tribais tem como base da sua comunicação a transmissão oral, assim, estamos trabalhando para que o povo possa ter um recurso facilitador do entendimento da Palavra de Deus.
Pare por alguns instantes, e relembre o que Deus tem feito na sua vida e através da sua vida. Os grandiosos feitos do Senhor são dignos de serem guardados na nossa memória. Quando você estiver orando lembre-se de nós:
Gravação da Bíblia uai-uai de julho à setembro de 2008 Recuperação completa da mão do Sérgio Mestrado de Gabriela e Serginho/emprego para eles Aulas e discipulado dos alunos do seminário

Com muito carinho e gratidão pela sua vida.

Sérgio e Márcia

Sérgio e Márcia Nascimento – Alameda Jacarandá, 148
Recanto Tranqüilo - Atibaia – SP – Cep 12949-185
e-mail – sergiouaiuai@yahoo.com.br - Fone – (11)4415-1326
“Seja sobre nós a graça do Senhor, nosso Deus; confirma sobre nós as obras das nossas mãos, confirma a obra das nossas mãos.” Salmo 90.17





Reconhecemos que é pela graça, e somente pela graça do Senhor Jesus que temos de alguma forma servido o Reino. As oportunidades são tantas que mal sobra tempo para comunicar tudo o que acontece.
Levamos mais um grupo de seminaristas para conhecer o trabalho entre o povo uai-uai entre dezembro de 2006 e fevereiro de 2007, e aos poucos estas viagens estão gerando frutos; ainda precisamos de um pouco mais de tempo para que eles amadureçam, mas alguns dos jovens que estagiaram conosco estão se preparando, para em breve, retornarem como missionários.
Nosso trabalho aqui no Seminário Bíblico Palavra da Vida tem nos proporcionado várias oportunidades de investimento em vidas e temos buscado aproveitar cada uma delas. Neste semestre estamos envolvidos com a matéria de evangelismo, discipulado das alunas casadas e de um grupo de solteiros, aulas de Ed. Física e algumas viagens ministrando em Conferências Missionárias.



O ano de 2007 tem gerado em nós pelo menos 3 grandes expectativas:
1. Ver nossos filhos concluindo o curso universitário de enfermagem (Gabriela) e odontologia (Serginho).

2. Casamento de Gabi e Tiago em dezembro.





3. E a última um pouco mais complicada, diz respeito ao nosso retorno para o norte do Brasil. Temos buscado a direção de Deus e orientação de algumas pessoas que tem nos acompanhado para entender onde e como podemos ser mais úteis nas mãos do Senhor. Amamos o povo uai-uai e conhecemos de perto as necessidades deles, especialmente de ensino da Palavra de Deus, por outro lado, Deus tem nos colocado num seminário com jovens cheios de potencial para encher a seara com muitos trabalhadores. Queremos servir ao Senhor independente da localização geográfica, mas sentimos que precisamos definir estratégias.
Quando lembrar, ore por nós.
"Seja sobre nós a graça do Senhor, nosso Deus; confirma sobre nós as obras das nossas mãos, confirma a obra das nossas mãos." Salmo 90.17 No amor de Cristo
Sergião e Marcia





Orem pela recuperação completa do missionário Sérgio, hoje ele tem que tomar 11 comprimidos por dia. Pelas aulas ministradas no seminário. Pregações e desafios em Conferências Missionárias.





Cekatîmsom
Miss. Sérgio Luiz do Nascimento
Em uai-uai esta palavra sempre me desafia pois seu significado é: CONTANDO HISTÓRIAS. Ao contarmos histórias nós abrimos nossas bocas, e falamos dos relatos bíblicos e das experiências que estamos passando ao lado de Cristo. São pessoas com esta disposição que estão fazendo a grande diferença no mundo atual e escrevendo o capítulo 29 de Atos com suas vidas.
É o que eu e Márcia estamos fazendo hoje lá em Mapuera, entre os índios uai-uais. Nós temos contado histórias sobre Deus e seu plano para o homem, através de: aulas bíblicas, discipulado, pregações, evangelismo, musicas, etc. Todas estas atividades precisam de um componente: abrir a boca, falar, não se calar!
Tive vários encontros de estudos bíblicos com Eriasa. Depois de um tempo apareceu em casa o Yîrawa, falando que Ooma estava gostando das aulas da Bíblia que eu estava dando. Ooma nunca tinha ido em minha casa para estudar a Bíblia, até aquela data. Depois fiquei sabendo que Eriasa é que estava passando para o Ooma (Cekatîmsom) as lições que estudávamos sobre a Kaan Karitan (Bíblia). Meu coração se encheu de alegria com esta realidade da obra de Deus entre todos os povos.
Devemos ter sempre em mente que Deus mandou Jesus para solucionar o problema da separação entre o Criador e suas criaturas, quando falou para Paulo em: Atos 18:9-10 ...Senhor lhe disse: Não temas; pelo contrário, fala e não te cales, porquanto eu estou contigo..., pois tenho muito povo nesta cidade.
Podemos colocar o nosso nome no lugar de Paulo, e a cidade coloque a sua, seu bairro, família, amigos de trabalho e escola, etc. Não temas...fala...não te cales. No passado, Deus falava com as pessoas diretamente e era ouvido. Como em Gênesis 3:8-10 que Deus falou com Adão e Eva e foi ouvido. Deus já usou até uma jumenta para falar para Balaão (Números 22:28). Jesus responde aos fariseus: Se meus discípulos se calarem, as próprias pedras clamarão (Lucas 19:40). Deus também usou anjos para falar na ascensão de Cristo (Atos 1:10-11). Usou a boca dos profetas, como: Jeremias o profeta chorão, Natã usado para desafiar Davi, com a história do cordeirinho, Isaias, Ezequiel, Daniel, Oséias, Joel, etc...
Hoje, esta responsabilidade de falar está em nossas mãos. Ele tem nos dando esta alegria, este privilégio, esta responsabilidade. Só nos falta a obediência para não perdermos as oportunidades.
Esta é a grande pergunta: Porque a cada ano nossas igrejas não dobram de tamanho? Na igreja primitiva, as pessoas não se calavam, nem com o risco de apanhar ou morrer (como a prisão de Pedro), e os resultados eram tremendos e significativos. Os que aceitaram a mensagem foram batizados, e naquele dia houve um acréscimo de cerca de 3.000 pessoas. (Atos 2:41)
Se percebermos que os valores de Deus e Sua Palavra não tem ocupado um espaço maior em nossos corações, a saída é: Lutar para que esta realidade e este desafio do Senhor seja real em nossas vidas. Não podemos ficar parados olhando a realidade sem tomar uma atitude de coragem. Vamos a luta!
Quando abrirmos nossas bocas, será um fluir natural...CEKATÎMSOM = Contar histórias sobre Cristo. Este desafio é real para nós hoje porque alguém, algum dia, se dispôs a abrir a sua boca e falar de Cristo para nós.
Outro exemplo desafiador foi quando os lideres do Sinédrio proibiram Pedro e João de abrirem suas bocas: Atos 4:17-18 ... ameacemo-los para não mais falarem neste nome a quem quer que seja. Chamando-os, ordenaram-lhes que absolutamente não falassem nem ensinassem em nome de Jesus.E o que eles responderam? Julguem os senhores mesmos se é justo aos olhos de Deus obedecer aos senhores e não a Deus. Atos 4:19-20 Ao terminar de ler este artigo, fique com o verso 20 ecoando em sua mente: Pois nós não podemos deixar de falar das coisas que vimos e ouvimos.

Como água fresca para a garganta sedenta é a boa notícia que chega de uma terra distante. Provérbios 25:25
O ano de 2006 tem sido muito marcante para nós em vários aspectos. O Senhor nos permitiu realizar muitas viagens de ministério e nos proporcionou oportunidades ímpares de levar boas notícias, usando nossas vidas para encorajar outras vidas.
Durante o mês de julho estivemos na aldeia Mapuera entre os índios uai-uai, levando boas notícias da parte de Deus. Fomos agraciados com uma equipe formada por 4 pessoas da Ig. Menonita Nova Aliança de Curitiba, um homem da Ig. Batista Paulistana e um casal de seminaristas.

Em setembro, passamos alguns dias em Porto Velho participando do Congresso Nacional de Pastores e Líderes Indígenas (CONPLEI), que reuniu 1500 indios. Haviam representantes de 45 etnias diferentes e para nossa alegria, 13 indígenas e 11 missionários estavam representando a MEVA . Presenciamos as maravilhas que Deus tem feito no meio dos povos indígenas e voltamos muito motivados a continuar investindo nestas pessoas.
O mês de outubro chegou cheio de compromissos e desafios. Passando da teoria das aulas para a prática no campo, levamos um grupo de 11 alunos do Seminário Bíblico Palavra da Vida para uma aldeia de índios guarani em Boracéia (litoral de São Paulo). Para conquistar a confiança e a simpatia dos líderes e do povo, fizemos vários reparos na escola da aldeia. Durante aquela semana nós cantamos, visitamos, apresentamos pantomimas, projetamos o filme JESUS na língua guarani e falamos sobre a salvação para várias pessoas. A porta que antes era totalmente fechada, agora possui uma pequena abertura. Em 2007 queremos de alguma forma dar continuidade a este trabalho, ao qual o Pr. Paulo da Igreja Batista de Boracéia tem se dedicado.
Em meio às muitas bênçãos, começaram as lutas. Algo caiu no chão e o Sérgio gentilmente foi pegar e mais uma vez a coluna reclamou. Ele estava com muita dor, então, telefonamos para o médico a fim de saber que tipo de remédio ele poderia tomar pois outubro estava só começando, ainda tínhamos muito pela frente...
Chegamos de volta no domingo e na segunda-feira já estávamos de malas prontas rumo a Princeton- New Jersey. Mudamos de um extremo ao outro, da aldeia para o primeiro mundo. O que Deus queria nos ensinar? Permanecemos atentos para escutar tudo o que Jesus tinha a nos dizer. As dores continuavam fortes, mas tínhamos uma Conferência Missionária pela frente e o Sérgio seria um dos preletores. Sempre aguardamos grandes vitórias quando enfrentamos lutas intensas.
Mesmo com a dificuldade de comunicação gerada pela diferença do idioma, fomos bem recebidos pela família de Deus ali reunida. O Senhor de antemão preparou pessoas dispostas a nos ajudar, traduzindo conversas e também nossas participações na semana da conferência. Tivemos oportunidades com as crianças, jovens, painel com perguntas e culto; aproveitamos todas as chances que tivemos para falar o quanto Deus tem feito aqui no Brasil.
Aprendemos muitas lições, mas as duas principais foram:
1- As pessoas precisam de Jesus em qualquer lugar do mundo, independente do nível social, da cultura, dos costumes, da língua; sem Jesus tudo é vaidade e a vida não tem sentido. O intelectual da Universidade de Princeton é tão carente quanto o indígena; quanto eu e você. Jesus sempre será aquele que sacia nossos mais profundos anseios.
2- Quando viajamos só como turistas trazemos fotos para casa, mas quando prestamos atenção na paisagem e nas pessoas , trazemos amigos e fotos. A cada viagem ganhamos mais das duas coisas.
O ano ainda não terminou, nem os desafios. Depois de cumprir cada uma das nossas responsabilidades com o seminário, no dia 12 de dezembro estaremos saindo com um grupo de seminaristas para mais uma viagem entre os índios uai-uai. Desta vez queremos visitar as 10 aldeias espalhadas ao longo do rio Mapuera, dando assistência espiritual e dentária (Serginho vai conosco) a estas comunidades. A maior parte do tempo viajaremos de canoa e isso vai exigir bastante resistência física.
Nós que fomos informados sobre a Boa Notícia, temos a responsabilidade de divulgá-la nos lugares distantes. Quando Jesus nasceu, os anjos informaram aos pastores sobre o Salvador. Agora é a nossa vez.
Como água fresca para a garganta sedenta é a boa notícia que chega de uma terra distante. Provérbios 25:25
Fale para as pessoas sobre a boa notícia da salvação em Jesus neste natal e durante o ano de 2007. Ore por nós durante o tempo em que estaremos divulgando esta mensagem para os indígenas.





Com carinho. No amor de Cristo. Sergião e Marcia
Faz forte ao cansado, e multiplica as forças ao que não tem nenhum vigor. Is 40.29
É sempre uma experiência maravilhosa quando uma verdade da Palavra de Deus se torna real na sua própria vida. Nos últimos anos, temos vivido esta renovação no Senhor de uma maneira muito intensa. O Senhor tem nos colocado entre jovens e nos dado oportunidades ímpares de ampliar a visão missionária entre eles. Nem sempre é fácil acompanhar o ritmo desta turma, mas o eterno Deus, o Senhor que não cansa nem se fatiga tem multiplicado nossas forças.
No mês de julho organizamos um intercâmbio entre jovens de duas igrejas. O grupo realizou um excelente trabalho entre os índios guarani na aldeia Boracéia (litoral de São Paulo) e também no bairro Jd. Maracanã ? Atibaia. Semanalmente um grupo da nossa igreja tem realizado culto neste bairro tão carente da cidade de Atibaia, fruto deste intercâmbio.
Em setembro, ministramos como família num acampamento com cerca de 200 jovens em Belo Horizonte. Alguns daqueles jovens, impactados especialmente pelo testemunho de Gabriela e Serginho, se colocaram à disposição para servir ao Senhor e estão pensando em iniciar seu preparo no seminário já em 2008. Permanecemos em BH por mais alguns dias e participamos do Fórum de Assuntos Indígenas, que reuniu vários missionários que atuam na área, a fim de juntos desenvolvermos estratégias para o progresso do evangelho entre estes povos.
Na primeira semana de outubro lideramos um grupo composto de 11 seminaristas e 7 equipantes do Seminário Bíblico Palavra da Vida. O grupo trabalhou no Instituto Bíblico AMI- Chapada dos Guimarães- MT, que se dedica a preparar e treinar indígenas para ministrarem entre seu próprio povo. Noites em claro, calor intenso, fumaça das queimadas, aulas, curso de pantomima e quadro cênico, tarefão, louça, pregações, evangelismo na praça e escolas, etc.. não foi suficiente para cansar esta turma. Cada componente do grupo contribuiu com seu melhor e depois de 8 dias neste relacionamento de troca de informações e muito amor, vimos vários daqueles indígenas chorando com a nossa partida. Creio que somente na eternidade será possível mensurar o alcance desta semana de ministério que atingiu 60 alunos de várias etnias diferentes.





O ano ainda não terminou... Nossa filha Gabriela está concluindo a faculdade de enfermagem e vai se casar no dia 09 de dezembro. Para completar nossa alegria, Serginho também conclui o curso de odontologia neste final de ano e nós... Bem, nós já estamos formando mais um grupo de seminaristas para o estágio de dezembro-janeiro entre os índios uai-uai. Embarcamos com o grupo no dia 11 de dezembro e pretendemos ministrar nas 10 aldeias ao longo do rio Mapuera.
Certamente não foi à toa que Deus nos deu tantas experiências com os esportes. Nossa vida em muitos aspectos se assemelha a uma maratona, mas Deus é Fiel, ele tem multiplicado nossas forças e renovado nosso vigor para que possamos realizar a Sua vontade. Nosso desejo é que você também possa experimentar desta mesma renovação na sua vida com Jesus.
Um forte abraço.
Com carinho.
Sergião e Marcia

Sergio e Márcia Nascimento - Alameda Jacarandá, 148
Recanto Tranqüilo - Atibaia - SP - Cep 12949-185
e-mail: sergiouaiuai@yahoo.com.br - Fone (11)4415-1326





Missionários Sérgio Luiz e Marcia Regina do Nascimento são apoiados em oração e sustento financeiro pela Igreja Evangélica Pentecostal A Esperança é Jesus.
Casados desde janeiro de 1980, tem dois filhos Gabriela (25) e Serginho (23), ambos os filhos já terminaram o Seminário no curso de Missões, atualmente estão na universidade terceiro ano de enfermagem (Gabi) e terceiro de odontologia (Serginho). Ela planeja no futuro trabalhar com ribeirinhos no estado do Pará e ele com indígenas no estado de Roraima.
Sérgio e Márcia estão na obra missionária desde 1987. Ambos graduados em Educação Física e Teologia com ênfase em Missões e o Sérgio também é formado em Engenharia Mecânica. Os primeiros anos de ministério foram em Atibaia com a Organização Palavra da Vida.
Desde janeiro de 1995 estão atuando com a Missão Evangélica da Amazônia (MEVA) entre povos indígenas do norte do Brasil. O campo ministerial é entre o povo uai-uai na aldeia de Mapuera no estado do Pará. As aldeias uai-uais estão nas margens do rio Mapuera. Hoje contam com mais de 1550 índios, e desde 2001 já possuem a Bíblia completa traduzida em sua própria língua. Já tem uma boa porcentagem do povo que hoje anda nos caminhos do Senhor. Eles têm uma liderança indígena nas igrejas das aldeias.
As escolas que existem nas aldeias uai-uais têm como objetivo acabar com os poucos analfabetos que ainda vivem ali. Todo material didático destas escolas são feitos em uai-uai.
Depois da entrada do evangelho a população teve um aumento considerável, pois muitas práticas que terminavam com mortes, hoje já não são mais uma realidade entre este povo. Práticas com assassinatos, mortes violentas, infanticídio, dependência de bebidas e drogas que geravam muitas brigas e mortes hoje não existem dentro da aldeia. Nos últimos anos a taxa de natalidade tem sido de 60 nascimento e somente 2 mortes anuais. É muito bom ver a diferença que o evangelho faz na vida de um povo. Alguns líderes de organizações governamentais ficam surpreendidos com a diferença no povo uai-uai, pois em muitas aldeias ainda existe muita violência e mortes por causa da cultura de vingança entre estes povos.
Sérgio e Márcia além de se envolverem com o ensino formal também realizam estudos bíblicos para jovens, mulheres, líderes da igreja, tradução de livretos contendo histórias bíblicas, visitação para outras aldeias, algumas até 3 dias de viagem de canoa, com muitas corredeiras e cachoeiras durante o percurso.
Em 2003 o Sérgio durante uma cirurgia na coluna sofreu um AVC (Acidente Vascular Cerebral) que tem, por orientação médica, ainda impedido eles de terem um retorno completo para a aldeia, desde setembro de 2005 com permissão médica, eles voltaram a realizar viagens periódicas para a aldeia de Mapuera, nos meses de dezembro, janeiro, fevereiro e julho, sempre levando um grupo de seminaristas junto com eles, estas viagens tem o objetivo de que em breve estes jovens voltem para o campo como missionários trans-culturais nestas aldeias, a carência de obreiros entre indígenas no Brasil é muito grande. Durante o período de aulas eles estão atuando como professores em Seminário Bíblico, pregando em Conferências Missionárias, ministrando cursos (bíblicos, educação física missionária, de missões, etc).
Ambos já ministraram a Palavra de Deus em mais da metade dos estados brasileiros e também em outros países.
Já estão com viagem marcada para a aldeia no início do mês de dezembro de 2006, levando um grupo de seminaristas para mais um estágio trans-cultural.
Sérgio e Marcia do Nascimento são missionários desde 1987, ele engenheiro e ambos se graduaram em Ed. Física e Teologia com ênfase em missões, são missionários da Missão Evangélica da Amazônia. Para entrar em contato com eles, escreva para: sergiouaiuai@yahoo.com.br

Albânia/Leste Europeu, Março de 2016

Olá Querida Família e Amigos,

Louve ao Senhor conosco, pois nasceu o Davi Mateus, com 49 centimetros e pesando 3.435 kg. Em nossa última carta, que antecedeu o nascimento dele, um dos pedidos de oração foi em relação a seguradora que não queria cobrir o parto. As orações foram respondidas e todas as despesas do parto foram cobertas. Esse era um assunto que nos deixou aflitos durante o tempo de gestação da Shirley, mas no final o nome do Senhor foi glorificado. Apesar de o parto ter sido cesariano pois haveria complicações por causa do histórico da Shirley, ela está se recuperando muito bem da cirurgia e Davi Mateus tem ganho bastante peso. Recebemos dezenas de visitas no hospital e ainda estamos recebendo em casa, pois normalmente os albaneses visitam a familia depois que o bebe completa um mês de vida.
Danilo Miguel está curtindo muito o novo irmãozinho. Não pode vê-lo chorando que sai correndo para saber o que está acontecendo. Sempre pergunta se pode ajudar a cuidar do pequeno Davi Mateus e nós incentivamos.
Ficamos muito felizes, pois Deus nos abençoou com a vinda da minha mãe. Ela veio para nos ajudar com o Davi Mateus e o Danilo Miguel. Trouxe muitas “coisinhas” enviadas pela família, amigos e irmãos. Ela também aproveitou para trazer os presentes do Chà de Bebê virtual. Veio com ela uma amiga chamada Conceição, que também é uma parceira nossa. Elas trouxeram duas malas cheias de presentes e guloseimas. Louvamos a Deus por todos os amigos, irmãos e pela família que participou deste envio.
Na Escola de Futebol Maranata, continuamos a evangelizar por meio do esporte. As crianças e adolescentes que frequentam a escola, tem ouvido sempre a Palavra de Deus. A semente está sendo plantada e acreditamos que em breve vamos colher “frutos dignos de arrepedimentos”.
Iniciamos também um campeonato entre algumas igrejas da região central da Albânia. Esse campeonato visa a comunhão entre os homens e a evangelização daqueles que estão começando na fé cristã. Uma vez que é muito dificil um homem albanes frequentar uma igreja evangélica, Deus está nos dando estratégicas para alcançá-los.
Estamos em uma fase crucial do nosso projeto missionário. Pois nos dedicamos aos estudos da língua e cultura, fizemos amizades com o povo e ajudamos as igrejas locais e a Escola de Futebol Maranata que é coordenada pelo Missionário Edmilson. Agora temos buscado a direção de Deus para a proxima etapa e onde fixaremos os nossos projetos.
Ao Norte da Albânia existem mais de noventa cidades que não existe presença missionária evangélica. A maioria das cidades são predominantemente muçulmanas e a outra parte ortodoxas. Ao Sul existe mais presença missionária, porém a demanda é muito grande, também com maioria da população muçulmana e ortodoxa, mas também existem cidades sem presença missionária evangélica.
Também existe a questão da cor da pele da Shirley. Ela é morena, parece com os Romes (ciganos) e antes de saberem que ela é brasileira, as pessoas a descriminam, porém quando descobrem que ela é brasileira o tratamento muda. Mas ainda é uma questão que mexe com as emoções dela. Por isso, continuem orando por ela e por nossos filhos que também são morenos.

CHEGOU O TEMPO DE IR AO BRASIL VISITAR OS FAMILIARES, AMIGOS E IGREJAS PARCEIRAS

Ainda não compramos nossas passagens de ida ao Brasil; por causa da alta do dólar e do euro, o valor das passagens estão muito altas. Precisamos levantar os recursos necessários para essa viagem. Compartilhem essa necessidade com a sua igreja e amigos que queiram nos ajudar . Pretendemos chegar no Brasil no final de setembro ou inicio de outubro. Nossa agenda está aberta para visitar igrejas.

ENTRE EM CONTATO CONOSCO PARA JÁ INICIAR O AGENDAMENTO DAS VISITAS.

Motivo de Louvor:
Pelo Chá de Fraldas na Albânia e pelo Chá de Bebê Virtual que abençoou muito nossa família;
Por todos os presentes, ofertas e pela provisão de Deus neste periodo;
Pelo parto que correu tudo bem;
Pelo seguro que cobriu as despesas do parto;
Pela boa adaptação do Danilo Miguel com a chegada do Davi Mateus;
Pela boa recuperação da Shirley;
Pela vinda da minha mãe e a Conceição.


Motivo de Oração
Pela semente que está sendo semeada na Escola de Futebol Maranata;
Pelo campeonato entre algumas igrejas da região central da Albânia:
Pelo local para plantação do nosso projeto. (cidade, predio para reuniões e uma possível creche e outros trabalhos sociais, perto de um campo de futebol para continuarmos com a escola de futebol);
Pela nossa ida ao Brasil. Compra de passagens e etc;
Por condições de visitar todos os nossos mantenedores e igrejas parceiras;
Por novos mantenedores fiéis e novas parcerias com novas igrejas. Nosso sustento está afetado pela alta do dólar e euro.
Por recursos Financeiros para renovação do nosso Seguro.


Queridos, muito abrigado pelo cuidado que tem para conosco por meio das orações e ofertas. Não desanime desse chamado de cuidar da Obra Missionária. As aflições e lutas não podem parar o que Deus colocou em seu coração. Deixa Deus continuar te usando.

Um abraço e fique na Paz do Senhor.

Família Porto
Pastor Daniel, Tia Shirley, Danilo Miguel e Davi Mateus (chegou!)


FOTOS Davi Mateus





Visita Mãe Daniel (Missionária Vicentina) e da amiga parceira Conceição





Semeando a Semente por meio do Esporte Escola de Futebol Maranata

Albânia, Outubro de 2015

A seara é grande!
Vem e vê que os campos estão brancos, prontos para a colheita!
A Albânia é o país da Europa com a maioria da população sendo “mm”. Portanto, este é o ponto de maior necessidade em nosso trabalho. Alcançar os que não crêem em Jesus Cristo e confessam isto em todo o tempo. Quando levamos a Palavra da Salvação para as famílias, Deus tem nos dado oportunidade e ousadia para dizer que a salvação do homem está somente em Jesus Cristo, o filho de Deus. Nossa vida aqui na Albânia tem sido para proclamar que o Reino de Deus está perto e para isso trabalhamos com esporte, música, encontros infantis, pregação, artes manuais e assistência social.





No projeto com esportes atendemos de segunda a sexta-feira 120 meninos com idades entre 6 a 16 anos. A maioria deles são “mm”, mas o fato de sermos brasileiros, as famílias têm permitido eles estarem conosco e assinam um termo dizendo que sabem que a escola é cristã e que oramos em nome de Jesus, antes e ao final dos treinos. No período do jejum do Ramadan, alguns alunos passam mal e aproveitamos estas oportunidades para levá-los ao conhecimento da Verdade que é Cristo e que pode libertá-los de todo o jugo que as práticas religiosas trazem pra a vida deles.





Servimos em duas igrejas. Uma já está estabelecida e tem cerca de 50 membros e fica no Institut. O Pastor é um “mm” convertido e que nos recebeu com muito carinho. Ajudamos em alguns ministérios na Igreja. Agora iremos implantar as estratégias do Ministério Infantil que fazíamos no Brasil e temos organizado o trabalho de assistência social, que é uma área de grande necessidade na Albânia. As famílias não têm emprego, nem luz, nem comida, e há uma grande quantidade que não tem água em casa. Isto é uma cruel realidade aqui na Albânia. Para ter água e luz tem que pagar caro. Visto que não têm emprego, também não tem água e luz.





A outra igreja fica em Bathore. Ainda não temos membros batizados, mas temos algumas mulheres, jovens e crianças que vem aos cultos regularmente. Esta região é mais fechada para o Evangelho, porque a população vem do Norte e são de maioria extremistas “mm”. Aqui, as mulheres que frequentam a igreja são viúvas ou os maridos abandonaram. As que têm marido precisam de permissão para vir. No domingo temos o culto no Institut pela manhã, almoçamos e vamos para Bathore, para iniciar o discipulado às três horas e o culto às quatro horas, pois somente assim, algumas jovens podem vir.

Durante a semana realizamos visitas em algumas casas e entregamos alimentos para as famílias da igreja e outras mais que temos acesso. Estas cestas vêm de um empresário italiano que doa periodicamente para a igreja.

Há muita coisa a ser feita, mas somos poucos trabalhadores. Roguem ao Senhor da Seara que envie mais trabalhadores hábeis e cheios do Espirito Santo para nos ajudar.





Precisamos plantar um grupo artístico com teatro e coreografia para os adolescentes e crianças. Também levantar recursos para trabalharmos com meninas romes e gipsis, num projeto para ajudá-las na autoestima e alfabetização. Porque a maioria não vai à escola por causa dos maus tratos, por terem a cor da pele morena. A Albânia é um país extremamente racista. Segundo alguns deles dizem, somente são aceitáveis pessoas da raça ariana.



“Mas dou graças a Deus porque, unidos com Cristo, somos sempre conduzidos por Deus como prisioneiros no desfile de vitória de Cristo. Como um perfume que se espalha por todos os lugares, somos usados por Deus para que Cristo seja conhecido por todas as pessoas. Porque somos como o cheiro suave do sacrifício que Cristo oferece a Deus, cheiro que se espalha entre os que estão sendo salvos e os que estão se perdendo. Para os que estão se perdendo, é um mau cheiro que mata; mas, para os que estão sendo salvos, é um perfume muito agradável que dá vida. Então, quem é capaz de realizar um trabalho como esse? Nós não somos como muitas pessoas que entregam a mensagem de Deus como se estivessem fazendo um negócio qualquer. Pelo contrário, foi Deus quem nos enviou, e por isso anunciamos a sua mensagem com sinceridade na presença dele, como mensageiros de Cristo.” 2 Coríntios 2:14-17 NTLH

Família Porto
Pastor Daniel, Tia Shirley e Danilo Miguel

Albânia, setembro de 2015.

Queridos,
O Senhor é bom e Sua misericórdia dura para sempre! Ele cuida de nós. Aleluia! Ele também cuida de vocês. Vamos testemunhar isso?
Missão transcultural não é suprir as necessidades de um país ou uma região, é obedecer ao chamado de Deus! Em todo lugar, há necessidade e necessitados. É certo que seria mais fácil servirmos ao Senhor perto da nossa casa, dos nossos amigos e da nossa igreja, comunicando em nossa própria língua materna, mas decidimos ser obedientes. O preço é alto, mas foi para isso que Jesus chamou nossa família! Somos gratos a Deus porque fomos escolhidos para servir a outros povos que nem mesmo sonhávamos que existiam.
Hoje, sabemos os “porquês” de o Senhor ter nos trazido para a Albânia. Glória a Ele, pois muitos têm obedecido ao chamado de Deus para manter-nos e interceder por nossa vida e nosso ministério. Vocês, que fazem parte desse grupo, sintam-se abençoados, pois o Senhor os honrará. Primeiro, obedecemos e, depois, compreendemos!
Temos trabalhado muito – com crianças e adolescentes, mulheres, escola de futebol, apoio a jogadores de futebol profissionais, visitas e assistência social. Assistimos a uma população extremamente carente – aproximadamente cinco mil pessoas! As famílias não têm água e estão sem luz há oito meses. No local, há dezenas de crianças de diversas idades. A maioria delas não frequenta escola e não sabe ler nem escrever.
Fomos entregar alimentos e orar pelo povo, mas a situação é tão difícil que, por um momento, sentimo-nos incapazes e pensamos que somos uma gota d’água no oceano. Certamente, o que fazemos é pouco demais em meio a tantas dificuldades (oceano), mas, sem nosso trabalho (gota d’água), o oceano estaria mais vazio!
Em uma de nossas visitas, apenas duas pessoas não quiseram receber uma oração nem ouvir a Palavra, pois disseram que a fé que têm está firmada em outro deus e que não creem em Jesus Cristo. A mais de 20 famílias, porém, temos tido livre acesso para compartilhar e testemunhar o amor de Jesus. Glória a Deus!
As dificuldades raciais continuam, mas, hoje, vivemos melhor em meio a esse problema diário. Para eu (Shirley) ser atendida em algumas lojas, preciso cumprimentar as pessoas em inglês, para que elas saibam que sou estrangeira. Daí, as coisas mudam. As pessoas logo me perguntam de onde sou e, quando digo: “Sou do Brasil”, o tratamento muda. Algumas pessoas chegam a tocar em mim ou a querer abraçar-me ou beijar-me.
Outro dia, retornei a uma loja para levar uma amiga, que precisava comprar algo. A proprietária da loja e seu esposo são “mm”. Na primeira vez em que estive na loja, espantada, a proprietária me disse: “Quem é seu marido? Ele (apontando para o Daniel)? Como? Você é preta, e ele é muito bonito (kkk)!”. Não acreditei no que ouvi! Só ri e respondi: “Sim, ele é meu marido! No meu país, o casamento entre pessoas de raças diferentes é normal”.
É cada uma que parece duas (rsrsrs)! Meu rosto redondo, meus olhos grandes e minha pele morena indicam para os albaneses que sou rome e, aqui, a vida dos romeé difícil!
Orem por um projeto que temos desenvolvido para trabalhar com a autoestima das meninas albanesas morenas. Agora, conseguimos entender um pouco mais o coração delas. A maioria não estuda, pois é discriminada na escola. Ajudem-nos em oração, pois precisaremos de recursos financeiros para esse projeto.
Falem sobre nós para pessoas e igrejas que não nos conhecem, pois também temos tido lutas na área de finanças. A alta do euro tem afetado nosso sustento – nosso poder de compra caiu pela metade! Com isso, a cada dia, clamamos por milagres. É claro que eles têm acontecido, pois o Senhor é fiel, mas a situação é tensa, e pedimos socorro aos nossos parceiros. Orem por nós e nos ajudem a levantar mais recursos por meio de igrejas e irmãos que amam e compreendem missões. Podemos contar com vocês?
Quanto ao Danilo Miguel, orem conosco por mantenedores exclusivos para ele. Também orem pela chegada do Davi Mateus, pois precisamos organizar as coisas que farão parte do momento em que ele chegará – fevereiro (tempo de frio e neve). Orem pelo parto, pois ele nascerá aqui na Albânia. É impossível não nos lembrarmos de todas as bênçãos que vivemos na gravidez do Danilo Miguel, pois estávamos perto do nosso povo e de uma igreja amável em São Paulo. Ele teve três chás de bebê e recebeu uma oferta muito generosa de nossos irmãos de Juazeiro do Norte. Agora, estamos longe, mas vamos caminhar na fé de que Deus é um Pai que cuida – não importa onde estejamos. Ele é nosso provedor! Você pode dar sete glórias a Deus por nós?
Continuem a caminhar conosco nessa grande obra de Deus na Albânia. Não se esqueçam de nós! Intercedam por nós. Precisamos do apoio de vocês no cumprimento desse chamado. Orem pelos trabalhos com os meninos no futebol e pelo início do Kids Klub em Bathore. Abraços carinhosos cheios de saudosas lembranças.
Em Cristo,
Família Porto
Pastor Daniel, Tia Shirley e Danilo Miguel

Plantação de Igreja. Louvor e Discipulado.

Evangelizando as crianças de Bathore.

Voluntário como Professor de Futebol em uma escola da comunidade.

Ação Social e Evangelísmo

Albânia, Julho de 2015.
Queridos Amigos e Familiares,
O deus deste mundo cegou o entendimento dos descrentes, para que não vejam a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus. 2 Coríntios 4.4
A frase "deus deste mundo" indica que Satanás é a maior influência sobre os ideais, opiniões, metas, desejos e pontos de vista da maioria das pessoas. Sua influência também abrange filosofias, educação e o comércio mundial. Os pensamentos e falsas religiões do mundo estão sob o seu controle e surgiram a partir de suas mentiras e enganos. Isso não quer dizer que ele governa o mundo completamente; Deus é soberano! Entretanto, significa que Deus, em Sua infinita sabedoria, permitiu que Satanás operasse neste mundo dentro dos limites que Deus estabeleceu para ele. O esquema de Satanás inclui a promoção de falsas filosofias no mundo - filosofias que cegam o incrédulo para a verdade do Evangelho. As filosofias de Satanás são as fortalezas nas quais as pessoas são presas, e elas precisam ser libertas por Cristo. Percebemos essa influencia satânica aqui na Albânia. Satanás tem cegado a mente das pessoaslevando-as as falsas religiões, ao preconceito racial, limitando seus pensamentos a respeito de Jesus Cristo, o único Salvador e Senhor.

RECEBEMOS VISITAS

Em julho recebemos a visita dos amigos missionários Anchieta e Nelimar e a filha Maressa. Eles também são missionários da Missão Antioquia, e fundadores das igrejas que estamos apoiando. Uma fica em Institut – um bairro na região metropolitana de Tirana, Capital da Albânia. A outra igreja fica em Barthore – outro bairro da região metropolitana. Esta segunda igreja está em fase inicial. É nesta que estamos nos concentrando. Alguns alunos da escola de futebol têm frequentado os cultos lá.

DANIEL

Com a chegada do verão, em julho fechamos a temporada na Escola de Futebol Maranata realizando uma linda festa de premiação para todos os alunos e seus familiares. Contamos com a presença de alguns pais. A festa foi realizada na igreja de Barthore. Nós distribuímos Novos Testamentos com o Tema Esporte.
Convidamos os alunos para participarem de um acampamento de verão. Alguns deles aceitaram o convite, dentre eles “MMs”. Foram três dias ouvindo a Palavra de Deus. Orem por eles.

Na igreja, estou realizando visitas nas casas, pregando nos cultos e cooperando no louvor.

SHIRLEY

Na semana que enviamos nossa última carta, ela fez um teste de gravidez e acreditem, ela está GRÁVIDA. O primeiro exame para sabermos o sexo mostrou que é um menino e se ficar confirmado nos próximos exames, ele se chamará Davi... A gestação da Shirley está caminhando bem, porém, como na gravidez do Danilo Miguel, ela também tem sentido forte azia. O bebê está previsto nascer em fevereiro. Temos orado pedindo a direção de Deus sobre ter o bebe aqui e até então temos tido paz para isso. Ela já está fazendo o pré-natal naquele hospital que Danilinho Miguel ficou internado. Shirley também esta ajudando no louvor da igreja. Também tem investido no relacionamento com as mulheres vizinhas de nossa casa. Com a comunicação ficando melhor, a cada dia, ela tem conseguido testemunhar de Jesus e tem orado com algumas dessas mulheres.

Outra novidade que a deixou muito feliz foi que, com a tradução do seu CD, ela pode utilizar uma música para evangelizar dois garotos “MMs”, B (14) e N (12). Eles não têm Bíblia em casa, mas um deles (N) disse que sabia da história de Jesus, pois nasceu na Grécia e só depois veio para a Albânia, e lá a família da mãe dele é católica. Orem para que a semente que foi lançada no coração deles possa crescer e dar frutos, pois a Shirley conseguiu falar sobre o Salvador Jesus e eles aceitaram. Temos 4 músicas traduzidas e a música utilizada na conversa foi; “Tenho um Amigo” - (Tenho um amigo que é especial para mim. Esse amigo fez uma coisa que ninguém seria capaz. Morreu em uma cruz para o mundo salvar. Este amigo é JESUS!).

DANILO MIGUEL

Na cultura albanesa meninos são muito valorizados, o Danilo Miguel está sempre rodeado e além de tudo, a novidade de sermos estrangeiros também influencia. Ele tem se adaptado e interagido bem com as outras crianças, isto traz alegria ao nosso coração.
Com a fé no Deus que nos trouxe até esse país, com suas orações e contribuições, já temos visto frutos em nossa caminhada de um ano na Albânia. Sim! Já se passaram um ano e até aqui nos ajudou o Senhor. Louve a Ele conosco! Fiel é o Deus que nos chamou! Queremos encoraja-los a continuar orando e contribuindo com nosso ministério aqui na Albânia, pois essa parceria é que possibilita a propagação do Reino de Deus no meio deste povo. Permaneçam firmes, pois a recompensa do Dono da obra vem.

MOTIVOS DE LOUVOR

Pelo nosso seguro de saúde internacional que foi renovado;
Pela renovação do nosso visto que ocorreu sem estresse, mesmo em circunstancias adversas;
Pelas oportunidades de evangelização que temos tido;
Pelo carro que está quitado e tem sido uma grande bênção em nossa vida;
Pelos alunos da Escola de Futebol que foram para o Acampamento;
Pelos nossos Parceiros-mantenedores e por nossos Intercessores.


MOTIVOS DE ORAÇÃO

Por uma escola para o Danilo Miguel. Ainda não temos o recurso para colocá-lo em uma escola para estrangeiros, pois é o mais indicado. Ore para Deus abrir uma porta. As escolas começam agora, dia 1 de setembro;
Para que nossos Parceiros sejam abençoados e continuem neste chamado junto conosco aqui na Albânia;
Pela continuidade do nosso estudo da língua albanesa e que não falte recursos para isto.


Com amor,
Família Porto
Pastor Daniel, Tia Shirley e Danilo Miguel







Albânia, Junho de 2015
Queridos Amigos e Familiares,
Meus irmãos, considerem motivo de grande alegria o fato de passarem por diversas provações, pois vocês sabem que a prova da sua fé produz perseverança. (Tiago 1.2-3)

As fontes que promovem as provações são muitas e variadas. Provações podem vir diretamente de Deus, ou de diversas circunstâncias desencadeadas nos planos religiosos, políticos, sociais e econômicos, dentre tantos outros. Uma coisa é certa, Deus está monitorando cada uma delas visando nossa edificação. Uma vez que as provações estão no plano que Deus arquitetou para o nosso benefício e crescimento espiritual, temos que buscar encontrar o caminho da alegria, da sabedoria e da confiança de que Ele está usando todas as circunstâncias para imprimir na nossa vida, no nosso caráter, as permanentes marcas de Cristo. Oremos constantemente para aceitá-las com alegria!
Neste mês tivemos um dia em que não pudemos sair de casa, pois havia uma ameaça de ataques na capital. Não pudemos ir para a escola e tivemos que adiar um trabalho voluntário com um casal albanês. A boa mão do Senhor está conosco e cremos que Deus usou desse fato para nos guardar de outra situação, pois próximo de nossa escola houve uma chacina, envolvendo a máfia italiana. Um acerto de contas.

Daniel

Graças a Deus terminamos mais um período na escola da língua albanesa. Vamos ter um período de férias na escola, mas continuaremos estudando em casa com a nossa professora particular. Já conseguimos conversar com os nossos vizinhos com mais segurança na fala. Um deles até me convidou para tomar café na casa dele. Ficamos conversando por cerca de 30 minutos. Ele me entendia e eu o entendia. Pelo menos, foi isso que pareceu. Rsrsrsrsr
Minhas atividades na Escola de Futebol Maranata estão caminhando bem. Fizemos um amistoso com uma escola de futebol de outro missionário. A intenção é inscrever a Escola de Futebol na liga municipal na próxima temporada. O esporte tem sido excelente na evangelização desses meninos. São cerca de 70 crianças a adolescentes frequentes. Alguns são “MM”, outros Católicos Ortodoxos. Temos orado e falado de Jesus para eles. Alguns são mais resistentes que outros, mas eles sabem que a Escola de Futebol é de princípios cristãos, e eles tem respeitado esses princípios. A próxima etapa é visitar as casas e encaminhá-los para as igrejas próximas das casas deles.
Queridos, são centenas de cidades na Albânia, onde não existe nenhuma igreja evangélica. Temos orado e nos aconselhado com a Missão Antioquia para ajudar um casal de missionários que está plantando uma igreja no Norte da Albânia, em Shëngjin. Todas as sextas-feiras viajamos pra lá. O trabalho iniciou com uma Escolinha de Futebol, e agora, iniciaremos as visitas às famílias dessas crianças.

Shirley

Próximo dia 22/junho, completo 34 anos de idade. Aleluia! É estranho dizer isto, mas parece que estou começando a “encontrar o caminho da alegria”. Creio que todos os que leram minha carta no final do ano passado, entendem o que quero dizer. Vivendo num país onde a cor da sua pele, ou sua descendência é levada em consideração por uma parte do povo, isso me causou bastante estranheza e em partes tristeza. Mas vocês oraram por minha vida. Recebi tantas palavras de apoio e amor que até me constrangeram. Obrigado!!! Hoje, venci muitas das dificuldades e consigo me comunicar melhor. Saio na rua para fazer caminhada e conversar com algumas senhoras que tem suas “vendinhas” em suas casas. Escovo o cabelo, pinto as unhas delas, e assim, vou fazendo amizades. Aqui, o nome do meu pai também é motivo de perguntas, pois é de origem árabe – Salim. O lado positivo é que consigo falar para os “MM” que meu pai era cristão, e que ele e minha mãe, me ensinaram a amar a Jesus. Uma curiosidade: Aqui na Albânia nossos nomes precisam ter o nome dos nossos pais. Tal importância tem o homem. Então o meu ficou: Shirley Salim – do Dani: Daniel Marcos Antonio. Legal né?

Outra novidade é que veio uma voluntária do Brasil para dar cursos de fotografia e ela me ensinou algumas técnicas. Agora, tenho mais uma ferramenta para utilizar no trabalho missionário. Já pude abençoar, juntamente com uma amiga brasileira, o casamento de um casal cristão. As fotos ficaram bem legais e foi aprovada pela professora. Uhuuu! Glória a Deus! (Publicaremos no facebook e no Blogão dos Queridos).

Louve a Deus conosco

* Pelos Parceiros fiéis que tem nos ajudado mensalmente.
* Pela MISPA (Missão Priscila e Áquila) que nos enviou um recurso para comprarmos um carro. Com esse recurso conseguimos comprar um carro com sete lugares, bem espaçoso e econômico. Ainda falta uma parte para quitá-lo. Mas já estamos com ele;
* Pelo período escolar; o aprendizado da língua albanesa, a adaptação;
* Pelos livramentos;
* Pelo evangelismo nas Escolinhas de Futebol;


Intercedam

* Pela parte que precisamos levantar até o final de julho para pagar a divida do carro;
* Por uma escolinha para o Danilo Miguel. Temos orado para termos condições de colocá-lo numa escola para estrangeiros, pois nas escolas albanesas, alguns professores corrigem com tapas no rosto e puxão de cabelo. Temos muita preocupação em relação a isto, por outro lado às escolas para estrangeiros são muito caras. Orem por isto. Dia 6 de Julho ele faz 3 aninhos!
* Por mais parceiros para nosso ministério;
* Por recursos diversos para as Escolinhas de Futebol e por proteção nas viagens para Shëngjin.

Queridos, enviamos sempre nossas cartas à vocês, para que saibam como estamos e para que sejam encorajados a continuar nos ajudando e orando por nós.
Paz e graça sejam com os irmãos!
Família Porto
Pastor Daniel, Tia Shirley e Danilo Miguel


Para contribuir financeiramente com nosso ministério, basta nos avisar, e a Missão Antioquia providenciará o envio de boletos pelos Correios.





PROMESSAS DE DEUS EM SUA PALAVRA

É ótimo quando crescemos na confiança de que podemos reivindicar o cumprimento das promessas de Deus. Por exemplo: em Deuteronômio 28.8, Ele promete: O Senhor enviará bênçãos aos seus celeiros e a tudo que as suas mãos fizerem. Sem duvida essa é uma promessa grandiosa para os filhos de Deus. Devemos buscar o cumprimento dessa promessa em nossas finanças, negócios, empresa, família.
Entretanto, é preciso que tenhamos consciência de que cada promessa de Deus em Sua Palavra é fundamentada em condições para que a promessa se concretize. No exemplo acima, precisamos lembrar que nesse capítulo encontramos estas condições: Se atentamente ouvires a voz do Senhor, teu Deus, tendo o cuidado de guardar todos os seus mandamentos que hoje te ordeno, o Senhor, teu Deus, te exaltará sobre todas as nações da terra. Não posso me apegar somente ao lado bom da promessa. Preciso levar a serio o que o Pai diz que precisa ser feito para que a promessa se concretize.
No assunto a contribuição com a Obra Missionária não é diferente. As promessas permanecem firmes: Porque o que semeia para a sua própria carne da carne colherá corrupção; mas o que semeia para o Espírito do Espírito colherá vida eterna. E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos (Galatas 6.7-9). Isto se cumpre literalmente quando, com amor e com fé você envia sua oferta missionária. Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará.
Vamos nos apoiar nas promessas de Deus, escritas na Bíblia. Elas não mudam. Elas são verdadeiras. E vamos pedir ao Espirito Santo que transmita a nós o entendimento, a força, a graça, para cumprir as condições que fazem parte dessas promessas. Ele fará isto.
Fique na Paz do Senhor.
Pastor Daniel Porto





Albânia, Março de 2015 - Família Porto





Albânia, Março de 2015

"Levanto os meus olhos para os montes e pergunto: De onde me vem o socorro? O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra. Ele não permitirá que você tropece; o seu protetor se manterá alerta, sim, o protetor de Israel não dormirá, ele está sempre alerta! O Senhor é o seu protetor; como sombra que o protege, ele está à sua direita. De dia o sol não o ferirá, nem a lua, de noite. O Senhor o protegerá de todo o mal, protegerá a sua vida. O Senhor protegerá a sua saída e a sua chegada, desde agora e para sempre." (Salmos 121:1-8)

Olá Queridos!

Há dias estamos escrevendo esta carta. Mas o que mais impactou neste processo foi receber um email de um de nossos parceiros perguntando sobre nossas cartas. Alegrou nosso coração e ao mesmo tempo nos despertou para terminar.
A Palavra de Deus é viva e é ela que nos mantem firmes para o propósito a qual fomos chamados na Albânia. Em meio a perseguições a cristãos pelo mundo e as lutas diárias aqui, vemos a boa mão do Senhor nos conduzindo. "O Senhor o protegerá de todo o mal, protegerá a sua vida".
Neste inicio do ano, buscamos do Senhor direção para melhorar o estudo da língua. Deus respondeu nossa oração e preparou uma escola cristã, sendo que nossa escola anterior era Turca e o foco é a gramatica e o que mais necessitamos neste momento é conversação. Na nova escola as aulas são do jeito que desejávamos: Assim, conseguimos entender melhor o povo que estamos tendo acesso. São pessoas vindas do Norte da Albânia e que tem sotaque diferente.
Estamos servindo em alguns projetos, em parceria com outros missionários. Com mulheres e jovens, Shirley tem sido voluntária em um projeto chamado Mulher Total, que atender mulheres na área da beleza, culinária e artesanato, mas o principal objetivo é apresentar Jesus como Salvador. Um dos atendimentos foi em uma comunidade de mulheres Gypys. São mulheres que sofrem com preconceito pela raça e com a violência dos maridos bêbados que as agridem. Cada história é mais triste que a outra. Só Jesus tem poder para transformar essas vidas. Graças a Deus pudemos ser úteis e abençoa-las.
Já o Daniel está liderando uma Escola de Futebol (Shkollë “Maranatha”), substituindo o Missionário Edmilson que esta no Brasil, junto com sua esposa Mirian. São atendidos 70 meninos de idades entre 7 a 16 anos. Crianças filhos de “MM” e outros que confessam mesmo serem “MM”. Eles são resistentes e alguns se recusam a falar o Nome de Jesus nas orações. Interceda pela salvação deles.
Às terças-feiras temos ajudado outro casal de missionários daqui, Eduardo e Jane. Eles têm um projeto de alfabetização de crianças que não vão à escola. Nós preparamos o lanche para as 12 crianças que eles atendem.
Ainda neste mês de março, vamos receber a visita da nossa irmã em Cristo, Janaina Barcelos, junto com seu esposo João aqui na Albânia. Janaina é jornalista e foi em 2013 a vice Miss Brasil. Ela irá compartilhar seu testemunho para mulheres, jovens e adolescentes. Estejam orando por eles e por nós. Que seja uma ótima oportunidade de evangelizarmos as mulheres Albanesas. Que possamos desfrutar de um tempo bom, com salvação de vidas.
Queridos, agradecemos ao Senhor Jesus por usar suas vidas para podermos continuar servindo-O na Albânia. Obrigado pelo carinho, investimento e pelas orações. Se não estivessem dai segurando as “cordas” para nós “o trem nuia ficar bão não sô!” (frases de Mineiro). Mas como Jesus é maravilhoso e colocou vocês em nosso caminho ministerial “o trem aqui vai ficar é bão por de mais da conta, sô!”. Amém! Nós cremos!

MOTIVOS DE ORAÇÃO

SAÚDE – Gripes, viroses e alergias. Há 3 meses temos lutado com isso. Shirley já está melhor, mas o Danilo Miguel ainda não sarou completamente. O diagnóstico era de asma e agora é de rinite alérgica.

FALA DO DANILO MIGUEL – Continua com choque linguístico, por isso a fala dele não está compreensível. Ele está com 2 anos e 8 meses e não se familiarizou com nenhum idioma, mistura os três (português, inglês e albanês). A Missão conseguiu um atendimento com uma fonoaudióloga via Skype para nos ajudar. Queridos, nos ajude em oração por isto.

CARRO – Vivendo aqui sem um veículo tem sido muito difícil para nós. Orem para que as pessoas que foram contactadas e que podem nos ajudar na compra deste veículo, entrem em contato conosco. Que Deus mova pessoas ao nosso favor sobre este assunto.

FAMÍLIA NO BRASIL – A distancia da família em alguns momentos é bem difícil, tanto para nós, quanto para eles. Mas que o Senhor venha intervir nos momentos de crise e dar a paz que excede o entendimento.

APRENDIZADO DO ALBANÊS – Poderemos trabalhar com maior eficiência apenas quando soubermos o idioma do povo. Eles admiram quando um estrangeiro sabe a língua deles. Precisamos que nossa mente se abra e nossa boca também. Estamos fazendo nossa parte que é estudar.

CD/DVD TIA SHIRLEY PARA TODAS AS CRIANÇAS – Estamos trabalhando para que as traduções das músicas fiquem prontas e assim, possamos começar os ensaios para gravar em albanês. Orem por todo o processo e que Deus levante pessoas para nos apoiar. As músicas também irão cooperar para nosso aprendizado da língua.

Amados, se vocês ainda não receberam os boletos para as contribuições deste ano, por favor, deixe-nos saber, assim pediremos a Missão para enviar novos boletos. Se você ou sua igreja deseja contribuir mensalmente com o nosso ministério, avise-nos e providenciaremos o envio pelo correio de boletos.

Fiquem na Paz





Cape Town, julho de 2013.

Queridos amigos e família, “O Senhor é o nosso pastor; de nada teremos falta. Em verdes pastagens nos faz repousar e nos conduz a águas tranquilas; restaura-nos o vigor. Guia-nos nas veredas da justiça por amor do seu nome... Sabemos que a bondade e a fidelidade nos acompanharão todos os dias da nossa vida, e voltaremos à casa do Senhor enquanto vivermos”.
Salmos 23 – adaptado

A paz do Senhor Jesus! Tudo bem? Esse salmo é muito conhecido e, por isso, parece simples, mas existe uma profundidade em seus versos. O salmista mostra que Deus tem um nome a zelar e, por isso, cumpre o que diz, colocando-se à disposição dos que fazem Sua vontade, bondade e fidelidade.





Temos vivido esses versos. Chegamos a Cape Town em abril e, logo, começamos a ajudar em algumas frentes de trabalho evangelístico mesmo sem falar muito bem em inglês. Trabalhamos com uma equipe na qual há pessoas que traduzem o que ainda não conseguimos falar. Os trabalhos são em uma escola pública e em uma creche particular. Os dois locais são em bairros mulçumanos. A maioria das crianças é de famílias mulçumanas.

Começamos o trabalho com cerca de 80 crianças, porém, quando os pais ficaram sabendo do conteúdo das nossas aulas, proibiram os filhos de participar. Hoje, há uma frequência de 30 crianças na escola e 20 na creche. A dona da creche aceitou a Jesus. Orem por ela, pois a família dela é mulçumana.





Estamos envolvidos com um grupo de jovens da Igreja St. James e um grupo familiar da Igreja Hilsong. Eles nos ajudam muito a praticar o inglês. Por falar nisso, fomos cultuar a Deus no templo da Hilsong, em Cape Town. Como foi bom ver tantos jovens servir a Deus! O louvor foi gostoso e cheio de unção.
Estamos indo bem nas aulas de inglês. Estamos nos esforçando para aprender tudo rapidamente, pois, assim, poderemos comunicar-nos melhor. Graças a Deus, passamos para a segunda fase do curso.

Em julho, há o Ramadã (jejum muçulmano) na comunidade muçulmana. É um tempo de muita opressão e, como vivemos no meio de muçulmanos, sentimos um peso espiritual e, às vezes, um desânimo e uma tristeza sem motivo.Paulo, porém, escreveu: “As armas com as quais lutamos não são humanas; pelo contrário, são poderosas em Deus para destruir fortalezas”. Por isso, “somos mais que vencedores em Cristo Jesus”.





Neste mês, o Danilo Miguel completou um aninho. No Brasil, ele foi abençoado pela nossa família com uma linda festa antecipada. Aqui, não tínhamos recursos financeiros para fazer algo, mas, com criatividade, conseguimos reunir os amigos para festejar o 06/07. Deus é fiel e bom e realiza os desejos do nosso coração! “A bondade e a fidelidade nos acompanharão todos os dias da nossa vida”.

Dentre as várias declarações de bênção sobre a vida do Danilo Miguel, uma irmã sul-africana leu Salmos 20 e declarou que ele será bem-sucedido por onde passar, sempre confiará em Deus e ganhará muitas vidas para Seu reino. Foi maravilhoso!

Deus tem nos abençoado com várias pessoas especiais que têm feito diferença em nossa vida. Dentre elas, um jovem casal de brasileiros que veio para cá para aprender inglês e, depois, ir para o Quênia. Eles têm dois filhinhos: Raica (2 anos) e Peter (4 anos). Eles são amiguinhos do Danilo Miguel, que é apaixonado pelos dois e pelo fato de eles correrem, subirem e rolarem. Nosso pequenino vai atrás deles! Ele já aprendeu a subir e a descer de lugares e está andando lindamente, ou melhor, engraçadamente.

Pedimos que vocês divulguem nosso trabalho em suas igrejas. Orem em nosso favor: Aprendizado rápido do inglês;

Deus continue a suprir nossas necessidades;

Dona da creche – para que Deus lhe fortaleça a fé e para que ela continue firme no Evangelho;

Nossa saúde emocional, física e espiritual;

Nossa família no Brasil;

Pessoas que se comprometeram a ajudar-nos sejam fiéis e abençoadas;

Nascimento de dois sobrinhos no Brasil (Pedro Henrique – setembro – e Lorenzo Gabriel – dezembro).

Louvem a Deus conosco:

Primeiro ano de vida do Danilo Miguel;

Milagres na saúde e nas finanças (estamos vivendo esses milagres desde nossa chegada à África).





Queridos irmãos e irmãs





Os anos passam mas a Palavra de Deus e' Eterna .
Quando morava em Kosovo entre 1987 a 1990 , ao andar pelas ruas de Prishtina, recitava os versos de Hebreus 11: ... " Pela fé venceram reinos, pela fé fecharam a boca de leões, pela fé da fraqueza tiraram forca."...
Sim, queridos, o justo vivera da fé. E pela fé que sai do Brasil em Janeiro de 1985. Foi pela fé que percorri o caminho que Deus preparou para mim ate chegar na Albânia. E e' pela fé que vivi estes 25 anos na Albânia. E e' pela fé que continuarei a andar pelo caminho que Deus esta preparando para mim em 2017 em diante.
Também em Prishtina, todos os dias ao subir as escadas da Universidade onde eu fazia o Curso de Língua e literatura Albanesa, recitava o primeiro capitulo do Evangelho de Joao.
" No principio era o Verbo..." sim, no principio era a Palavra de Deus, o Verbo de Deus...
Não só nesta data comemorada todo fim de ano, em que comemoramos o maior mistério e o fato maior da Historia da Humanidade :
" O Verbo se fez carne e habitou entre nos." Sim, a Palavra de Deus se fez homem e habitou entre nos, aquele que foi o agente de Deus na criação, agora vem em carne como Salvador e Redentor para recriar o que foi destruído pelo pecado. O mesmo agente da criação e' o agente da Recriação.
E Nele esta demonstrado o amor de Deus para conosco, sendo nos ainda pecadores, Cristo veio para morrer por nos.
Sempre e bom lembrar a Bondade e Begnidade de Deus para conosco e crescer mais e mais em gratidão.
Neste Natal quero lhe dizer que minha oração e que você cresça em gratidão a Deus pelo Seu Filho Jesus Cristo, Verbo de Deus , Palavra de Deus.
Também que você e sua família ao sentar `a mesa para ceiar e lembrar o nascimento de Jesus, você possa falar aos seus sobre o GRANDE amor de Deus para com eles e para com os povos incluindo os albaneses em sua predica e em suas orações.
Obrigada.
Feliz Natal e um Ano cheio da graça de Deus!
Najua

Sua irmã e representante sua na Albânia e de sua Igreja.

Querido irmão / irmã em Cristo Jesus,
Saudações em Cristo : Graça e Paz no Nome de Jesus!

Quando saudamos assim de maneira antiga, parece que estamos copiando o Apostolo Paulo. Na verdade estamos copiando as Escrituras que trazem nestas saudações bênçãos apostólicas, que recebidas pela fé, alcançam o objetivo pelas quais foram enviadas. Das Escrituras , da Palavra de Deus, vem as bênçãos como um rio de aguas vivas que preenchem todo o nosso ser de graça e paz de Nosso Senhor Jesus Cristo. E é com muito temor ao Senhor que os saúdo com as palavras das Escrituras para os abençoar por meio delas.

Este ano faz 25 anos que caiu o governo comunista e um novo tempo ressurgiu na Albânia e com este, o Evangelho começou a ser pregado abertamente nas ruas de Tirana, a capital e em outras cidades .
Para comemorar este tão grande acontecimento estarão sendo feitos muitos eventos comemorativos. O primeiro foi realizado em um Parque no centro da capital.





Nossa igreja participou do evento e sentimos alegria em encontrar muitos amigos e irmãos de outras igrejas que também estavam ali.

II Conferencia Missionaria da Igreja Ev. Emanuel de Kamez e Valias.

Foi um dia só. Mas foi muito efetiva. Tivemos a presença do Pr. Silas Tostes que nos trouxe a Palavra . Cânticos, Drama, jogral, testemunhos de nossos missionários na Grécia e em Valias e no final uma Palavra conclusiva de Najua e um apelo , onde alguns jovens responderam .

Neste mês de verão e ferias escolares tivemos acampamento In para Crianças tanto em Kamez como em Valias .


VALIAS

Os missionários Brasileiros que trabalham em Valias estão de ferias e o Pr. Eris, e outros obreiros, incluindo a Najua, estão atendendo este trabalho . Temos visto o Senhor responder nossas orações .

A saúde do Pr. Jevdeti:
Durante um tempo o Pr. Jevdeti notou que sua pálpebra do lado esquerdo estava abaixando. Foi ao medico e constataram que ele esta com um tumor atrás do olho esquerdo. Passou mais um tempo, começou a piorar a situação de seu olho e ele voltou ao medico que pediu novos exames. A posição do tumor e tal que não da para operar. Assim eles só aplicaram a radioterapia. Agora tem que esperar uns dias para ver o resultado. Por favor estejam orando para a cura e agradecemos a Deus por este serviço prestado diante de Deus por nos. O Pr. Jevdeti me recomendou muito que agradecesse a todos que estão orando por ele. Muito obrigado a todos da parte dele.

A CONSTRUÇÃO DO PREDIO :

Estamos ainda esperando um documento importantíssimo ser aprovado na Hipoteca e também FUNDOS para continuar.
Estamos firmes em oração e também na medida de nossas possibilidades todos os membros de nossa Igreja tem contribuído para isto.
Como vocês sabem a parte externa esta terminada. Porem a interna, não.
Esperamos no Senhor que logo veremos o milagre de Deus .
E vamos nos alegrar com vocês, porque a bondade do Senhor dura para sempre.
Despeço me com muita esperança que você e sua família estejam bem.

Termino com um pensamento meu sobre fé:
"Veja o que Deus faz e pode fazer e não olhe para a possibilidade do fracasso humano, teu e de outros."

Orem por nos : Saúde, proteção espiritual e física, unção, fazer a vontade de Deus sempre.

Com amor fraternal
Najua

Não ha outro, o' Jesurum, semelhante a Deus, que cavalga sobre os céus para a tua ajuda e, com a sua alteza, sobre as mais altas nuvens ! " Deus. 33:26
Pela graça de Deus em Cristo Jesus tivemos um fim e começo de ano muito abençoado e com diversas atividades evangelísticas que orando esperamos frutos vindos do Senhor que pelo Espirito convence o pecador.
Em dezembro a Igreja Emanuel de Kamez esteve nas ruas quase todos os dias evangelizando crianças e adultos , distribuindo literatura calendários com versículos bíblicos

Para comemorar o Natal tivemos culto de Natal para crianças e adolescentes em Kamez e em Valias. Foi muito bem preparado e com unção . As crianças receberam presentes que vieram de outros países através da APEC da Albânia e também calendários com versículos para os seus pais.

O culto dos adultos foi com muita presença de Deus. Durante o sermão pregado pelo pr. Eris muitos choraram com a presença e unção do Espirito Santo. No final do culto os jovens apresentaram uma coreografia cantando eles mesmos um cântico que diz sobre o poder libertador do Evangelho e também a presença e unção do Espirito fez com muita gente fossem tocados em lagrimas.

Na noite, véspera de Natal, uma parte da igreja que quis participar, reunimo-nos num restaurante em Kamez, e durante a ceia que cada um pagou a sua ( 30 reais), fizemos o amigo secreto e cada grupo vez uma apresentação de cantos ao Senhor. A Najua fez uma introdução com uma palavra bíblica e oração. As mulheres cantaram como se canta no sul da Albânia, musica polifônica ao Senhor.

Depois os homens, e em seguida os adolescentes. Foi um tempo precioso de comunhão e muita alegria. No dia 31 de dezembro tivemos um culto de oração pela manhã, pois a festa da passagem de ano e a festa mais importante da família Albanesa e nesta reunião familiar não e possível os membros da família faltarem. E uma tradição que as Igrejas albanesas respeitam. O pai do Pr. Eris, sr. Kuitimi, esta fazendo outra cura de quimioterapia e estamos orando para o Senhor lhe poupar a vida. Ele aceitou a Jesus como seu Salvador e sua filha que e de nossa igreja também, esta ministrando a ele, lendo a Bíblia, explicando-a, encorajando na fé e orando com o pai. Nos estamos louvando a Deus e orando por: Louvando e agradecendo a Deus por todos os benefícios que Ele tem nos dado em Cristo: assistência do Espirito Santo em nosso trabalho diário; saúde espiritual; saúde e proteção física; finanças; e muitas outras alegrias.
Orando pelas Igrejas de Kamez e Valias:
crescermos no conhecimento de Deus;
crescermos na estatura de Cristo , como igreja e individualmente;
crescermos numericamente através do Evangelismo e discipulado;
pelas 3 células que se reúnem em casa;
documentos que estão sendo feitos pela prefeitura e pela firma de construção dando direito para nos usarmos o prédio (em vez de renovar a licença, a prefeitura nos aconselhou fazer isto, mesmo sem poder usar ainda).
fundos para acabar a construção por dentro.
Pela saúde do pai do Pr. Eris, de Deise que esta com dores nos ossos , da Najua e de outros membros da Igreja que estão com problemas de saúde;

Por favor, juntem –se a nos orando conosco.
Muito obrigada por sua participação neste ministério. Que o SENHOR os recompense.
Recebam meu abraço sincero,
Najua Diba.

Queridos pastores, irmãos e irmãs , Paz , Perseverança e Prosperidade sejam com vocês em Nome do Senhor dos senhores e Rei dos reis, aquele que reina pAra sempre e pela Igreja faz seu Nome conhecido até os confins da Terra. Tenham alegria em servi- Lo. Mesmo em meio às mais diversas lutas que vem de fora e de dentro , nós temos a alegria do Senhor que é nosso força. Nesta semana , no última dia do mês de Ramadã , alguém nos denunciou na polícia, que nós estávamos construindo sem a licença do governo. E documentou até com foto do nosso prédio. Acho que vocês já conhecem esta história . Neemias sofreu estes ataques dos arábios, de Sambalaque e outros há muitos anos atrás. Portanto isto não é novidade. A polícia, mesmo vendo na tabela da licença ignorou e prendeu alguns trabalhadores que estavam começando a colocar as janelas. Bem, o Pr. Eris e a nossa engenheira foram à delegacia e depois de muita conversa conseguiram absolver os moços e o nosso prédio. Um dos policiais disse que certamente foram muçulmanos que fizeram isto. Enquanto isto acontecia a Igreja de Kamez estava em oração. E Jesus nos deu a vitória . Mando as fotos de alguma janela para vcs verem. Por favor, orem por nós e pelo acabamento do prédio. Orem por proteção contra o ataque de Satanás usando pessoas. Interessante é que naquele mesmo dia ,a tardezinha , reunimo-nos em oração e louvor com gratidão ao Senhor e houve abundante derramar do Espírito Santo. Abundante mesmo. Nós nos alegramos muito e obedecemos o sermão do Monte onde diz para orarmos por aqueles que nos perseguem. E veio a palavra profética dizendo que aqueles que estão nos perseguindo irão ouvir a voz de Jesus dizendo: por que me persegues? Dura coisa e teimar contra a ponta da lança . ( versão minha) Bem, queridos , a nos cabe orar e vigiar e ao Senhor a Vitória. Com nossos agradecimentos pelas orações e pela ajuda financeira e o amor em Cristo, Najua , Pr. Eris e igreja de Kamez

Mais uma vez vimos a mão poderosa do Senhor agindo em favor deste trabalho que é Dele e nós somos apenas servos inúteis que queremos agradar Aquele que pelo se sofrimento nos resgatou da morte, para sermos semelhantes a Ele na ressurreição dos mortos.
Salmo 17:15

Não cansamos de agradecer a Deus por todo este benefício e pelas igrejas que tem participado com tanto amor e generosidade.
Que a suas contribuições sejam registradas no Banco Celestial com uma porcentagem de 1.000.000% de retorno para cada um e para cada Igreja.
O Deus que conheço e incrivelmente generoso, Ele não economizou seu Único Filho , antes, o entregou por todos nós, como não nos dará também com Ele todas as coisas? Romanos 8: 32
Vejam as fotos do começo do reboque e louvem ao Senhor conosco. Deus é bom e fiel em todos seus caminhos Ele é Santo é justo.
Mais uma vez muito obrigada em nome de Jesus, da Igreja Dele em Kamez - Albania e em nome do Pr . Eris cango e liderança da Igreja.
Deus os abençoe, proteje e os anime em Cristo Jesus
Najua

Carta de Noticias da Igreja Emanuel de Kamze - Albania

Outubro/Novembro/Dezembro de 2014

CONSTRUÇÃO DE UM PRESEPIO:

Construimos um presepio na calçada em frente do predio da Igreja com o objetivo principal de Evangelizar crianças, adolescentes, jovens e familias que vivem neste bairro. Durante os dias que precendem o Natal, nossos jovens e adolescents começaram a compartilhar o Evangelho com pessoas que passavam por la e estavam interessadas. Durante este tempo eles tambem cantavam e tiravam fotos de pessoas que queriam fotos diante do presepio e assim falavam do evangelho e mostravam o predio da Igreja convidando para as reunioes. A tardizinha, no ambiente da Igreja apresentaram o filme de Jesus e Cantos de Natal, dramas e diversos videos da Igreja..

O coro com as melodias natalinas , os jovens dançando e dando mensagens para os presentes, formaram um ambiente alegre e atraente onde causou um impacto no Bairro. Pessoas que eram indiferentes e ate hostis tornaram-se simpatizantes e muitos ouviram a mensagem do Evangelho. A nossa igreja de Valias tambem foi ativa conosco em Kamez e houve momentos de importante comunhao entre todos nos.

COMEMORAÇÃO DO NATAL

Foi um dia muito especial. Dos dias precedentes vieram muitas pessoas que nunca tinham vindo antes em nossas reuniões.. Ate o pai do Pr. Eris foi na reuniao de Natal. E todos gostaram muito de tudo o que apresentamos la.

Reunião das crianças e adolescentes.

Alem dos presentes e toda a apresentação, o grupo de nossa igreja Emanuel Boys apresentaram musicas de seu repertorio. Havia 300 crianças na reuniao.

Distribuição de alimentos:

Nossa Igreja com a ajuda da Fundação Diaconia e com a prefeitura da cidade distribuimos alimentos aos mais pobres da comunidade de Kamez e Valias.

CURSO DE ALFABETIZAÇÃO :

Começamos em Valias um projeto social que chamamos Semente de Esperança. Neste projeto temos muitas atividades para crianças pobres e especialmente para crianças ciganas. Entre tudo temos curso de alfabetismo onde estamos procurando levar as crianças a aprenderem a ler e escrever para se integrarem na escola do estado e assim com principios e ensinos do evangelho serem uteis na familia, na sociedade e para si mesmas e gloria para Deus.

Projeto para familias pobres. No focus deste projeto temos as crianças necessitadas, pais divorciados, crianças que foram abusadas pelos pais, problemas de saude das crianças mais pobres. Tambem restauramos uma casa bem velha .

Isto tem contribuido para a melhoria de suas vidas e para alcança-los com o Evangelho.

Escola de Futebol.

PRINCIPALMENTE EM Valias para que eles conheçam o amor de Deus e tambem saiam das mas companhias.

Curso de Costureira:
ESTE CURSO e em parceria com a Radio 7 e e realizado 3 vezes por semana. Começa sempre com uma devocional e atende em primeiro lugar mulheres viuvas e divorciadas que nao tem meio de subsistencia.

Kampet verore.

No verao tivemos o acampamento para crianças e adolescentes em kamez e valias. Nossos jovens prepararam tudo e foi um sucesso e muita alegria e aprendizado.

Agradecemos todos nossos cooperadores em oração e financeiramente. Com respeito e esperando que 2015 seja cheio de vitorias para o EVANGELHO NA Albania, no Brasil e no Mundo.
Sejam fortes e corajosos, pois quem esta conosco e maior do que aquele que esta no mundo.

Abraço fraterno a todos,
Pr. Eris Cango
Najua Diba

RELATORIO SEMESTRAL DE JANEIRO A JUNHO de 2014.
Alem das atividades e programacao normais da igreja, foram desenvolvidas para crescimento e discipulado dos irmaos. As pessoas que aceitaram o senhor estao sendo discipuladas e temos algumas para serem batizadas que estao sendo preparadas.
Atividades especiais do semestre.

Evangelização: Toda semana saímos para evangelizar jovens na saida da escola





Casamento

O PR. ERIS CELEBROU PELA PRIMEIRA VEZ UM CASAMENTO E FOI MUITO BONITO. TODOS FOMOS ABENCOADOS E DEPOIS FOMOS A FESTA QUE FOI MUITO GOSTOSA. OS JOVENS DE OSSA IGREJA BRILHARAM E PUDEMOS VER EM TUDO A GRACA MARAVILHOSA DE NOSSO DEUS E PAI E DE JESUS , NOSSO SALVADOR.

LIMPEZA DA CIDADE - EVENTO COMUNITARIO :-

FOI ORGANIZADA PELA ALIANCA EVANGELICA DA ALBANIA, UMA LIMPEZA GERAL DAS RUAS DAS CIDADES. NOS TOMAMOS PARTE LIMPANDO AS RUAS DE KAMEZ. FOI UMA EXPERIENCIA MUITO RELEVANTE VISITAS

TIVEMOS A VISITA DO PR.CELSO DE CASTRO COSTA DA IGREJA ASSEMBLEIA DE DEUS - CONSFRDRJ - RIO DE JANEIRO





TRABALHO COM AS CRIANCAS : Alem do trabalho semanal com crianças e adoscentes

Neste semestre tivemos estes trabalhos especiais:
No dia da Crianca:
Concurso Biblico com os adolescentes onde eles foram encorajados a decorar versículos e passagens da Biblia.

Missoes na Grecia: O pastor Jevdeti e Liljana estiveram regularmente trabalhando em Thessalonica , Katerine e Dhram com os povos ROM, IYEVK, que sao povos nómades que se instalaram na Albania e agora centenas deles estão como imigrantes na Grecia. Eles tem achado graca diante de pastores locais e estrangeiros que além de apoia-los ( nao e apoio financeiro) com logística , também os tem chamado para ministrar nas suas Igrejas. Isto e puro milagre! Agora estamos trabalhando como Fundacao para conseguir o visto para eles. Para isto temos que entregar o projeto para o Consul grego. A nossa dificuldade e que temos um fundo pequeno e estamos tentando fazer parcerias com a Junta de Missao Batista Nacional e com um grupo da America. Mas ainda e so conversação. Orem, pois nos fomos ousados pela fe , de pedir visto para eles por meio da Fundacao. So Deus mesmo! Nao tem dedo de homem, mas de Deus.

Construcao:
No momento esta parada por falta de recursos. Mas nossos jovens estão trabalhando na medida do possível para ajudar. As meninas estão fazendo cachecol modernos. O Juri algumas pinturas para quarto de crianças. Alem disto estamos com os cofrinhos. Ja recolhemos uma vez e agora estamos no segundo turno.

Valias

Alugamos um novo lugar em Valias para as atividades da Igreja e um programa resumido social. O terreno tem 4 mil m2 e uma casa. Tudo por 200 EUROS.
O casal de missionarios da MA, Eduardo & Jane , que nos vieram ajudar, estao trabalhando neste lugar para continuar e melhorar a Igreja juntamente com alguns obreiros da Igreja de Kamez, como Jemila, Visi e Pr. Eris..
Alem disto o trabalho social com as crianças esta começando bem devagar por causa da falta de recursos.
Escolinha de football e outra atividade em processo.. Algumas fotos das atividades de Valias.

Parceiros e Irmaos queridos,
muitas outras atividades e eventos tivemos neste semestre.
Queremos agradecer a todos que oram e contribuem conosco , de todo nosso coracao.
Sem sua oracao e contribuição não seria possível fazer esta obra.
Continuem firmes a participar daquilo que Deus esta fazendo aqui conosco na Albania, por certo Ele os recompensara.
Orem pelo crescimento da Igreja e Evangelizacao de Kamez e Valias.
Abraco a todos ,

Pr. Eris , Nila e Najua

Queridos,
Esta e a sala de culto. No fundo voces vêm a sala das crianças pequenas e mães. Na frente podem ver atrás do púlpito, que ainda vai ser construído com madeira.
Abraço fraternal a todos.

Najua
Deus te abençoe! God bless you!
Zoti ju bekofte!

Queridos irmãos,
E com alegria que compartilhamos as fotos sobre a colocação do Teto.
Um abraço com nossa gratidão.
Najua
Deus te abençoe! God bless you!
Zoti ju bekofte!

Queridos,
Com gratidao a todos voces pelas suas oracoes, contribuicoes para esta construçao, mando novas fotos com o progresso do trabalho.
Abraço fraternal,
Najua

Ordenacao do Pr. Eris Cango

Queridos pastores e irmãos,
Paz e graça!
Estamos alegres no Senhor por todos os benefícios que Ele nos tem proporcionado em nossas vidas em particular e nas nossas igrejas em Kamez e Valias.
Nos estávamos esperando um dos pastores do Brasil para ordenarmos o Pr. Eris , mas como nao aconteceu, entao oramos, jejuamos e como igreja decidimos ordena-lo o domingo passado. O Senhor esteve muito presente e choramos muito. Foi uma benção. A igreja foi perguntada e todos em unidade disseram sim e foi tudo lindo demais.
Sabemos que a responsabilidade e grande , mas o Senhor da Obra ha de capacitar cada um segundo os seus desígnios. E em confiança plena no Senhor que agimos." Se nao fosse Ele, ora diga Israel... Ele e o nosso socorro." Salmo 124
Enquanto lhes escrevo, a nossa igreja esta nas ruas distribuindo de casa em casa 3.000 literatura e 2000 calendários que vem a cada mês com uma mensagem bíblica. Muito obrigada pela colaboração de cada um e orações.
Vou colocar mais fotos em outro email.
Em Cristo,
Najua

Queridos,
Orem par que deste prédio saíam missionários para o mundo nao alcançado. Orem para que deste prédio pessoas busquem a Dêus de todo coração, orem para que deste prédio sejam chamados obreiros para o ministério apostólico, evangelistico, pastoral, profético, doutor na Palavra ( ensino da Palavra com mestria) segundo Ef. 4:11-12... Orem para que deste prédio os obreiros aqui chamados sejam servos humildes e sempre prontos para exercer misericórdia para com todos , sejam bons ou sejam maus. Orem para que todos nos estejamos sempre dentro da vontade central de Dêus em nossas vidas e serviço . Orem para que o amor de Dêus prevaleça entre nos. Orem segundo o Espirito lhes dirigir...

Muito obrigada,
A benção de Dêus esteja sobre voce, sua familia, ministério e Igreja.

Desenvolvimento da construcao do prédio da Igreja de Kamez-Albânia

Queridos irmãos,

Saudacoes! Seguem novas fotos . Estas sao da laje entre o térreo e o 1o. Andar. Tambem a segunda parte da rampa. Estão pondo concreto. Estes dias esta chovendo muito. E isto e bom para o concreto. A chuva deu uma pausa suficiente para poder despejar o concreto e agora e ate bom que chova, pois quanto mais molha o concreto melhor fica. Continuem a lembrarem de nos em suas orações! Isto e o que mais precisamos. Com nossos agradecimentos pelas orações e ajuda financeira , me despeço em Nome de Jesus,

Najua
Deus te abençoe! God bless you!
Zoti ju bekofte!

Queridos irmãos,

Pela imensa graça de nosso Deus e Pai, e de Jesus , nosso Senhor e Salvador, no nome Dele, venho agradecer a sua colaboração tanto em amor, finança , e oracao que todos voces tem participado deste projeto com o coração generoso como do próprio Senhor. Sem isto este projeto nao teria sido possível. Voces o estão executando pela graça de Dêus que lhes foi dada. Estou muito alegre por vários motivos. Vou cita- los um a um.

1- pelo inicio da construção que pela fe já vejo pronta,
2- Pelo Pr. Eris. Vejo que Deus o levantou em tempo oportuno. Pipoca muitos problemas, todos os dias um ou mais. Ontem foram 3.
A- alguns vizinhos que sao muçulmanos fanáticos vieram para contestar e o Pr. Eris manobrou com calma e paz. Eles foram a policia e nos denunciaram, sem ter nenhum motivo legal para isto.
B- veio a policia e parou o trabalho. Nos nos juntamos em oracao enquanto a Firma foi no Comissariado da Policia para resolver levando todos os documentos. Dai eles deram ordem para continuar.
C- os caras da eletricidade queriam fazer algo errado no nosso relógio, que seria uma corrupção e que poderia mais tarde ser motivo de acusação. Mas o Pr. Eris teve discernimento e os impediu.


Aqui a gente tem que tomar muito cuidado, pois tudo eles arrumam um jeito de burlar em vantagem própria ou de alguém que eles querem agradar. Mas Deus e nosso amparo. Queridos irmãos, continuem a orar por nos.

Nossa oracao e que voces sejam muito abençoados em tudo que fizerem para o Senhor e em seu Nome.

Agradeço mais uma vez em nome de Jesus, pela Igreja de Kamez , pelos pastores e obreiros e por mim. O amor de Dêus os cubra de esperança.

Com profundo respeito por cada um de voces, segue meu abraco fraternal,
Najua
Deus te abençoe!
Zoti ju bekofte!


RELATORIO DA Igreja Evangelica Emanuel de Kamez e Valias de Janeiro a Abril 2013

1. Evangelismo para Crianças na cidade

Nas ferias de inverno, nos organizamos dois evangelismo para crianças. Tivemos palhaços e diversas atividades para atrair as crianças. O primeiro Evangelismo foi pelas ruas, as crianças logo vinham ver os palhaços acompanhadas pela mae. E elas nos seguiam com alegria. Convidamos-as para virem a Igreja no outro sabado. Assim no sabado seguinte fizemos dentro da Igreja. Nosso plano é fazer atividades Evangelisticas para crianças e adultos em todos os bairros da cidade, principalmente durante as ferias escolares. Dois missionarios brasileiros foram os palhaços.

2. Comemoraçao do dia das mulheres com fim Evangelistico

Nosso objetivo para festejar o dia das mulheres è pregar o Evangelho para elas. Este ano fizemos esta festa com algumas Igrejas da regiao da grande Tirana no ambiente de nosso predio. Todas as igrejas participaram do programa com alguma apresentaçao , drama, dança, testemunho e etc. A mensagem foi trazida por uma senhora albanesa, viuva de um pastor da cidade de Shkodra que foi vitima da VENDETA a dois anos atras. A mensagem foi bastante abençoada e ungida. Algumas mulheres aceitaram O Senhor Jesus e oraram. No final, os nossos jovens serviram as mulheres com salgadinhos, bolo e refrigerante.

3- Pascoa

A preparaçao para a comemoraçao da Pascoa começou 2 meses antes. Desenvolvemos 3 atividades. Duas para crianças em Kamez e Valias, Uma para adolescents e jovens e outra para adultos. Todas as atividades giraram em torno do ensino sobre Jesus, o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. Todos trabalharam com amor para tudo correr bem.

a. Atividades com as crianças
Pascoa; Drama; Grupo de canto; Esporte : futebol e

b. Atividades dos adultos na Pascoa
Evangelismo; Pregaçao da Palavra; Apresentaçao dos jovens com a figura de Jesus Crucificado

3. Conferencia Missionaria : Tema da Conferencia “Enviar, e o papel da Igreja Local e e a melhor parte da Missio Dei porque Leva o Evangelho para mais Naçoes.

Perguntaram a Najua, por que este tema e nao um tema de apelo para missionarios irem? Ela respondeu:- Porque na Albania todos querem ir, o problema é quem enviara? Mas cremos tambem que Jesus, o Senhor da Igreja, tambem queria e quer este tema seja abordado, pois na verdade é um grande privilegio da Igreja Local enviar e mandar missionarios a todas as Naçoes, etnias. Queira Deus que nossa Igreja Local seja usada pelo SENHOR para participar do resto de seu sofrimento pela Igreja. Que o Espirito Missionario de Deus e de Jesus como estava em Paulo, o apostolo tambem possa estar em nos para a honra e Gloria e a Santificaçao de seu NOME entre as Naçoes.

Que o Espirito Missionario de Deus e de Jesus como estava em Paulo, o apostolo tambem possa estar em nos para a honra e Gloria e a Santificaçao de seu NOME entre as Naçoes.

Esta conferencia foi muito singular. Ao entrar na sala ja sentiamos a presença poderosa do SENHOR . A sala estava enfeitada de bandeiras das Naçoes. Em frente havia dois posters grandes um estava escrito: “Missoes se faz com aqueles que vao, com os joelhos dos que oram, com as maos daqueles que contribuem e com a Igreja Local que envia.” No outro poster estava a foto do Pr. Jevdet com Liliana e o versiculo de Romanos 10:10 “ como irao se nao forem enviados? ”

Que estao sendo enviados para trabalhar em meio aos imigrantes albaneses na Grecia. Convidamos o Missionario Albanes EUGENI BEGU para ser o principal preletor. Ele, cheio do Espirito, nos deu uma palavra de encorajamento e profetica sobre a obra missionaria que estava comeòando entre nos. Foi muito poderosa sua mensagem. Ele nos contou que ao entrar na nossa sala chorou com a presença tangivel de Deus. Najua nos falou sobre o privilegio de enviar e da participaçao de todos neste ato da Igreja local. O Eris falou sobre o Tema principal.

O Missionario Eduardo Monteiro deu o testemunho de seu chamado e o Pr. Jevdet do seu chamado.

A Conferencia foi das 10 da manha ate as 15 horas da tarde. Houve louvor, canticos e drama. Tambem distribuiçao de envelopes de oferta missionaria. Ao meio dia tivemos um almoço juntos, uma bela de uma macarronada.

1- Apresentaçao de um novo Filme sobre Jesus segundo o Evangelho de S. Joao

No culto de domingo em vez da pregaçao passamos o filme Evangelho Segundo S. Joao. Este filme é o Ev. De Joao do começo ao fim com todos os detalhes. Os irmaos foram muito abençoados. Foram 3 horas de filme contando o Evangelho . O efeito foi otimo, pois os irmaos tiveram a oportunidade de ver o Evangelho do começo ao fim e isto trouxe melhor compreensao para muitos.

2- Cultos

a. Funeral da Irma Mira

No mes de março, depois de uma doença a nossa Irma Mira partiu para o SENHOR. Todos da Igreja participaram da cerimonia do funeral. E o sr. Kadriu que é muçulmano, esposo da irma, nao chamou o mulla, mas o Pr. Jevdet para falar na cerimonia final.

b. Nascimento e aniversario

1. Foi apresentaçao da neta do Pr. Jevdet, filha de seu filho mais velho, Enea Arapi.

2. Comemoracao de 1 ano da Era filha do casal Eris e Nila.

4. Curso para professores de Crianças.

A APEC da Albania organizou um Curso de uma semana para preparer professors de crianòas e adolescents. De nossa Igreja participaram do Curso 6 pessoas. Tiveram teoria e pratica.

5. Outras Atividades

Vigilia

Football - Todos os domingos a tarde com adolescentges e jovens da Igreja

1o. de maio – tivemos um dia de sociabilizaçao.

Evangelismo pessoal – irmaos e irmas estao sempre envolvidos em Evangelismo pessoal.

Discipulado de adolescentes e jovens

Discipulado de obreiros

Visitas a doentes e pessoas da Igreja

Trabalhos de Valias toda 3ª. , 5ª. 6ª. e sabado.

3- Orem para que O SENHOR abençoe esta construçao para uso da Igrejaem Kamez

Queridos irmaos e irmas, Saudaçoes em Cristo: Graca e Paz! Muitas coisas o SENHOR tem feito por nos e por isso estamos alegres! Depois de quase 6 meses sem escrever, venho mandar nossas principais noticias com nosso profundo agradecimento a todos voces que tem nos acompanhado com suas oraçoes e contribuicoes ao longo de 28 anos de trabalho missionario.
Muito obrigada!

1-Projeto de Construçao:- Em 1992 comprei uma casa bem velha, num terreno de apenas 114m2. Um amigo meu, Franz Arthur Wilfer Dias, foi que mandou o dinheiro para mim e eu apliquei nesta casa. Nesta casa desenvolvemos o trabalho da Igreja por mais de 10 anos e queriamos construir ali, mesmo com o terreno tao pequeno. Fizemos um projeto, mas na hora de colocar na prefeitura pra pedir a licença para construir, necessitavamos da firma de um vizinho que tinha uma parede de sua casa encostada com a nossa.
Falamos com este, e ele negou e insistimos por 7 anos com este homem que sempre negou assinar os papeis concordando com o nosso projeto.
Depois de muita oraçao, chegamos na conclusao que este homem era nosso Faraó e nos deveriamos sair do Egito.
Deus tinha um plano melhor para nos.
Procuramos vender o terreno de 114m2 e conseguimos vende-lo por 42 mil euros e com este dinheiro e mais a outra metade que veio de igrejas do Brasil, e da Holanda compramos 1000m2 e fizemos o projeto pra construir. Mandamos para a prefeitura e depois de mais de um ano, foi aprovado e agora podemos começar a construçao. No anexo mando foto da fachada e outras fotos do nosso trabalho.

Bem, agora precisamos de parceiros que nos ajudem financeiramente para podermos concluir este projeto . Ja temos 1\5 do necessario , mas nos falta 4\5, isto é, a maior parte.

Voce pode contribuir com sua oraçao e com a divulgaçao para levantar fundos para nos. O que Agradecemos de coraçao.

2-Igreja de Kamez -

a) JOVENS -Deus tem trabalhado em nossos jovens. Vemos crescimento espiritual , maturidade em muitos deles.

b) Adolescentes- temos um grupo de 30 adolescentes que estao sendo discipulados. Temos trabalhado especificamente com eles e os resultados tem sido visiveis em alguns deles.

c) Crianças - Estamos fazendo Evangelismo nas ruas e o numero de crianças tem aumentado na reuniao de sabado, onde vem crianças de familias nao crentes. Orem por este trabalho, pois e muito importante e as crianças muitas vezes enfrentam oposiçao dos pais.

d) Deus esta movendo no meio de nossa Igreja de kamez e Valias. Teremos mudança de pastorado. Pr Jevdet passara o bastao para o Pr. Eris e istopor causa que O Senhor os esta chamando, um para Missoes, outro para o pastorado. E isto é maravilhoso aos nossos olhos.

e) Chegaram para acrescentar forças e trabalhar em Valias um casal de missionarios da MIssao Antioquia e Assembleia de Deus do Rio de Janeiro e da SEMIPA, eles vao liderar o trabalho de Valias que esta crescendo muito. Nossa obreira Jemila ira continuar os ajudando.

Nossos motivos de oraçao sao:

Igreja e Kamez e Valias

1-Pela passagem do pastorado do Pr. Jevdet Arapi para o Pr. Eris Cango

2- Pelo Pr. Eris Cango e sua esposa Nila e sua filhinha Era: a)graça, sabedoria,discernimento, unçao , poder e autoridade para exercer este ministerio;
b) pela proteçao espiritual, fisica e saude de toda Familia Cango;
c) pelos pais do Pr. Eris e sua irma Angelina;
d) pelo sustento ;
e) pelos estudos do Pr. Eris.


3- Evangelismo pessoal - para que os crentes de nossa Igreja sintam a compaixao pelos perdidos que vivem ao redor deles e comecem a orar e a proclamar o Evangelho para eles.

4- Crescimento da Igreja tanto espiritual como numericamente;

5- Discipulado : para que os crentes mais maduros se dediquem a ajudar outros que sao novos convertidos;

6- Pela pregaçao da Palavra no Poder do Espirito Santo;

7- Para estarmos atentos à vontade de Deus, para obedecer , e andarmos segundo a Palavra de Deus;

8- Para guardarmos a nossa mente no Senhor , focalizada Nele e na sua Palavra;

9-Ida do Pr Jevdet e esposa Liliana Arapi para trabalhar na Grecia
a) pelo sustento deles,
b) pelo visto de permanencia,
c) pela abertura de portas para eles trabalharem junto de uma Igreja ,Grega, especificamente a Igreja Internacional,
d) pela moradia e mobilias necessarias,
e) pela proteçao a saude deles , viagens e suas vidas em geral,
f) pelos filhos, nora e neta que ficam na Albania e tambem trabalham na Obra do Senhor.

10-Agradecemos e louvamos a Deus pela licença para construir e pela ajuda financeira que os irmaos tedm dado e pedimos que continuem a orar pela construçao deste predio . Tem uma grande luta e precisamos estar bem unidos para vencermos em Nome de Jesus.

11- Pela proteçao espiritual, fisica e saude de Najua.

Muito obrigada por suas oraçoes a nosso favor
Um grande abraço a todos,
Najua

Relatorio das festas de Natal

1-Festa de Natal junto com Radio 7 ( uma radio Evangelica)

Nesta comemoraçao levamos dois grupos de crianças, de Kamza 15 crianças e de Valias 19. Os dois grupos apresentaram coreografia e cantaram em coro, drama sobre o Natal. Quando terminou todas as crianças receberam presentes..

Evangelismo para Crianças

Continuando nossa programaçao de Natal, tivemos Evangelismo para as crianças de uma Escola de 1o. grau do governo, distribuindo literatura com o titulo: “ Porque nasceu Jesus”. Muitos nos pergutavam pelo fim do mundo com muito medo. Nos explicamos que eles deveriam crer na Biblia e não em meros homens. Foi uma oportunidade muito boa para anunciar a verdade.
Aproveitamos também para convida-los para a festa de Natal em nossa Igreja, tanto as crianças como os pais.

1. Festa de Natal no prédio da Igreja Emanuel Kamza

O preparo desta festa começou dois meses antes: cantos, drama, coreografia, material necessário, roupagem e etc.. Os jovens dedicaram-se com afinco neste preparo. Tivemos duas festas no mesmo dia. Uma em Kamza outra em Valias onde tivemos a presença de 400 crianças aproximadamente entre as duas festas. O tema da Festa foi: “ Jesus é o melhor presente.” Durante a apresentaçao , as crianças ouviram e compreenderam o motivo do Natal para aceitar o melhor presente que Deus nos deu, seu Filho. No fim da festa entregamos o Evangelho e um pequeno presente de nossa Igreja.

2. CULTO DE NATAL JUNTO COM FAMILIAS DE PRISIONEIROS QUE ESTAO SENDO EVANGELIZADOS NAS PRISOES DA ALBANIA.

Bem diferente dos outros anos o culto de Natal foi feito em nossa Igreja em conjunto com uma organização que trabalha com as prisões da Albania. Junto com os crentes de Kamza e Valias e nossos convidados, compareceram algumas famílias de prisioneiros de Tirana e outros lugares da Albania. Nosso salão ficou superlotado. Nosso objetivo era pregar o evangelho , a única solução para nossa vida. JESUS nos liberta da prisão do pecado. Isto nos lhes contamos através do Louvor, dramas, o Coral, e a pregação da Palavra. No final houve um apelo e 3 pessoas aceitaram Jesus. No final a Igreja ofereceu petiscos e refrigerantes.

Serenata de Natal com o Coral em alguns pontos de Kamza. Cantamos em alguns pontos da cidade. As pessoas vinham e nos cercavam. Escolhemos musicas que explicam o Evangelho. Ficamos muito animados com a reação de muitas pessoas que vinham nos cumprimentar com um Feliz Natal.

3. Darka e Krishtlindjes me kujdestarët dhe të rinjtë

A maioria dos crentes de nossa Igreja sao de Familias muçulmanas e nao festejam o Natal em suas casas, entao nos organizamos uma ceia de Natal na Igreja para eles. Durante a ceia trocamos presentes de amigo secreto. Todos estavam muito felizes e cantamos parabens para o Pr. Jevdet que nasceu em 25 de dezembro.

4. Ultima reuniao do ano das mulheres e dos adolescentes

Eles mesmos organizaram tudo. Depois da parte spiritual onde Liliana trouxe uma palavra de encorajamento, teve petiscos e refrigerantes servidos.

5. Entrega de cesta basica para os mais necessitados das Igrejas de Kamza e Valias

A distribuição foi feita no ambiente da Igreja onde o Pr. Jevdeti entregou primeiro uma mensagem da Palavra de Deus. Para os mais velhos foi levada na casa de cada um.

6. Reuniao de Oraçao no ultimo dia do ano Foi muito bom estarmos em oraçao juntos no ultimo dia do ano. Alem da oração, houve testemunhos das bênçãos de Deus do ano 2012. Todos saíram da reunião muito confortados e seguros para o ano 2013..

Atividades desenvolvidas pela Igreja Ev. Emanuel de Kamez JUNHO- Agosto de 2012

Nos meses de JUNHO a Agosto de 2012 ,crianças e jovens tem suas ferias e esperam da Igreja atividades diferentes , porque em nossa comunidade quase nao existem atividades culturais, portanto nossa Igreja desenvolve atividades que teem por objetivo o Evangelho. O nosso fokus maior é na Evangelizaçao das crianças e de seus pais. Neste periodo os jovens seenvolvem emtodos os ministerios e os adultos na suportam os trabalhos em oraçao . Desta maneira eles crescem na fé e no serviço ao Senhor.

Estas sao as atividades e ministerios da Igreja neste periodo:

1. Batismo
2. Festa das crianças no dia das crianças na Albania (Programa de Evangelizaçao dentro do predio da Igreja)
3. Evangelizaçao do grupo de jovens
4. 3 semanas de acampamento na praia de Durres de crianças, adolescents e jovens
5. Seminarios para fortalecer a Igreja na Palavra de Deus e no carater cristao:
*Seminario com o pastot Derik. ( Deus –Pai, Filho e o Espirito Santo)
*Seminario Evangelizaçao (Evangelizaçao e Focus na Igreja)
*Seminario sobre Fé - Najua
6. Viagem missionaria a Thessalonica (Jevdeti, Liliana e Najua)
7. Organizaçao de Campeonato de Football e Baseball para diferentes faixas etarias (JuriArapi, Enea Uku , Drini, Visi Mehmeti)
8. Ajuda humanitaria para familia pobre.


BATISMO 2012

No ano passado nao tivemos batismo, apesar de alguns terem nos procurado para batizar. A razao foi que nao viamos mudança de vida nestas pessoas. Entao passamos a investir no discipulado e ensino delas e vimos que começaram a ter mudanças. Em Julho deste ano tivemos o batismo de 20 pessoas , no ambiente da Igreja, na presença do Corpo de Cristo, de suas familias. Pedimos que voces nos ajudem em oraçao para que elas continuem firmes na fé e crescendo no Senhor.

Curso de preparaçao para o Batismo

Aspectos do Batismo



FESTA DAS CRIANÇAS

1 de junho é a festa das crianças. Este dia festejam na familia e nas Escolas, onde se desenvolvem muitas atividades para as crianças. Nossa Igreja tambem se junta a comunidade e criou a tradiçao de festejar este dia. Programamos Evangelismo com Dramas, teatro de bonecos coreografia, musicas para crianças e alguns presentinhos com comes e bebes.

Grupo de jovens e atividades desenvolvidas
Evangelizaçao nas ruas da cidade

Evangelizaçao e esporte

Evangelizaçao dentro do ambiente da Igreja

Seminarios Biblicos

*Seminario mcom pastot Derrik Harrison.
*Seminario – Pr. Brasileiro da Igreja Batista
*Seminario sobre Fé - Najua



ACAMPAMENTO EM 16 JULHO – 4 AGOSTO

Tempo de nadar no Mar Adriatico

Tempo devocional
Tempo de oraçao
Tempo de adoraçao e louvor

Discipulado por meio de esporte: Football , Baseball com Juri e outros jovens.

Ajuda para uma familia pobre projeto conjunto com os da Diaconia .Alemanha e Holanda

Aspectos de Tessalonica na nossa viagem missionaria





Relatório do trabalho Missionário no Leste do País no meio do Povo Muçulmanos nos dias 30 de janeiro a 1 de Fevereiro do ano 2015





Deus me chamou para para fazer o trabalho dEle aqui no meu país.
Orem pelo meu ministério, pela minha familia e também pela minha saúde.
Que Deus vos abenções!

Todo louvor e toda honra seja dada ao nosso Deus todo poderoso pelos seus grandes feitos aqui na Guine-Bissau.

Amados! Sou grato a Deus por ter me escolhido para fazer parte do seu ministério, pois cada vez que tive oportunidade de sair para trabalho missionário eu me alegro, porque vejo como Deus está trabalho em prol da construção do seu Reino aqui na terra.

No dia 30 do mês de Janeiro a 1 de Fevereiro, fizemos uma viagem missionária a leste do país onde 99% da população são muçulmanos, mas pela graça de Deus conseguimos fazer um trbalho maravilhoso onde converteram 21 pessoas inclusive as criança, coisa inedita naquela região.





Essas são as pessoas que se converteram naquela noite do trabalho que fizemos nessa região Leste do País juntamente com Musico Enick Alves.





Depois da conversão dessas pessoas, resolvi convidar os que estavam doente e ministrei a cura sobre suas vidas, pois Cristo nos mandou fazer a missão integral não só salvando almas, mas também curar os infermos, expulsar demónios etc... por isso não podiamos ficar sem orar por aqueles que estavam enfermos.





Momento da ministração da cura sobre os irmãos que padeciam de enfermidades.

No domingos de manhã, ministrei a palavra aos presentes usando Mateus 9:35 a capítulo 10:1-8., mostrando a preocupação do Senhor pelas ovelhas perdidas. Depois da ministração, fiz apelo para aqueles que querem entregar suas vidas para o ministerio da palavra do Senhor naquela regiao no meio dos muçulmanos e pela minha surpresa 23 pessoas se despuseram para servir ao Senhor. Em baixo são as pessoas que se entregaram suas vidas para servirem ao Senhor no meio do povo muçulmano.

Momento da oração para Deus lhes fortaleça para o ministério, porque para trabalhar com o povo muçulmanos não é nada facil.

Na volta para capital Bissau, depois de percorrer 199 Km, tivemos um acidente de carro, mas graças a mão poderosa de Deus ninguem ficou ferido gavemente, mas o carro que tinhamos alugado ficou estragado porque bateu num outro carro que atravessou na nossa frente.





Amados! Foi Deus quem colocou a sua mão para não deixar o pior acontecer, olhando para esse carro você pensa que não houve nada grave com ele, mas o motor ficou completamente estragado.

Orem por mim e pelo ministério que Deus colocou nas minhas mãos para ajudar os músicos a ganharem almas para Jesus numa forma evangelística.

Que Deus vos abençõe!

Momentos antes do Batismo realizado no dia 24 de Fevereiro.

Onze irmãos que desceram as àguas nesse dia. Louvado seja Deus!!!





Amados irmãos em Cristo Jesus!!! Quando uma pessoas está descendo as àguas é uma alegria enorme para nós pois isso é a ordem deixada pelo nosso Senhor Jesus Cristo. Em cada tres meses que eu desço as àguas para realizar o batismo eu vejo que a Igreja do Senhor Jesus está crescendo. Aqui na Guine temos muitos desafios, pois o Islamismo está cada dia crescendo e invadindo o nosso País, mas o Senhor é conosco e cremos que vamos vencer ainda com muitas dificuldades que estamos enfrentando. Orem por nós para possamos continuar a fazer a obra com mais dinamismoe fer vor!





A nossa irmã é da tribo Mancanha uma tribo muito idolatra que não quer nada com Jesus, essa tribo é de dificil conversão, mas graças a Deus a nossa irmã entregou a sua vida para Jesus. Desde da sua conversão passou grandes desafio e ameaças familiares , mas ela continuo firme até hoje. Ela convidou a mãe para o batismo, mas ela disse que não vai participar porque não tem nada com os protestantes.

Orem por ela para que possa ficar firme para sempre!!

Faça parte dessa obra orando por nós aqui na Guine Bissau.

Ide por todo mundo, pregai o Evangelho a toda criatura, batizando-as em nome do Pai e do filho e do Espírito Santo.


Seminário Teológico Evangélico de Bissau





Avenito é diretor da maior escola teologica de Guine Bissau.

Julho de 2012

Avenito é diretor da maior escola teologica de Guine Bissau.

Julho de 2012

Casamento do Avenito Mai/Jun 2012
Após golpe de estado em Guine Bissau.

Avenito - Guine Bissau

Último Batismo Março 2012

RELATÓRIO DA VIAGEM MISSIONÁRIA A ILHA DAS GALINHAS
26 de Julho á 19 de Agosto
Louvo a Deus por tudo que Ele sempre tem feito na minha vida, porque cada ano que faço viagem a essa Ilha sempre realizo o Batismo, prego na conferencia da Igreja, e esse ano também não passou despercebido, pois realizei o batismo dos irmão de uma congregação e também ministrei na conferencia da Igreja, graças a Deus esse ano foi realizado o primeiro EBF.
Esse ano foi realizado a primeira cerimônia da circuncisão, ato que sempre quando acontece numa determinada vila sempre cria problema aos crentes, pois os pais tiram os seus filhos na Igreja para irem realizar esse ano diabólico, esse ano nós deparamos com esse problema, onde muitos dos membros foram obrigados a realizar a circuncisão e conseqüentemente adoração aos deuses da tribo. Orem por essa ilha pois esse ano eles querem retomar uma cerimônia chamada Nghanpada, é uma cerimônia muito perigoso para as crianças.
Junte-se a nós nessa lutam para a propagação do Evangelho aqui na guine.

Momento do Batismo dos irmãos

Pastor da Ilha ministrando palavra antes do Batismo
Batismo de oitos irmãos que vieram de uma congregação de 12Km para serem batizados na Igreja central da Ilha
Esses nossos amados irmãos precisam muito das vossas orações, porque a qualquer momento o pai da família pode pegar um deles para fazer cerimônia da tribo obrigatoriamente.

MOMENTO DA CONFERENCIA DA MOCIDADE

Tema desse ano se baseia no livro de Efesios 5:1 – Sede, pois, imitadores de Deus como filhos amados; . Foi escolhido esse tema porque a vida dos irmãos está sendo abalados constantemente pelas perseguições da família e influencia dos mais velhos para que os irmãos voltassem as praticas antigas que não glorificam a Deus, tais como : Circuncisão, adoração aos ídolos, culto aos mortos, prostituição etc...

Idolos dos Ka-nhokan uma das faixa etária dentro da tribo Bijagos.

Também esse ano foi retomado uma cerimônia chamada KA-NHOKAN, essa cerimônia é feito como ato preparativo para a cerimônia maior que é a CIRCUNCISÃO. O deus deles é representado com o ESQUELETO DA CABEÇA DO SER HUMANO ou seja eles procuram onde alguém já foi enterrado e abrem o sepulcro e tiram o esqueleto, também cria um outro deus para proteger a vila na forma de peixe que mostrarei em baixo.





Para eles esse peixe é um deus protetor da ilha e cada palha de palmeira ai existente representa uma família que esta sendo protegido por esse deus e qualquer pessoa que está pensando mal contra alguém é entregado a esse peixe no mundo espiritual para castigá-lo. Na verdade o lugar onde eles costumavam realizar essa cerimônia é hoje o terreno da Igreja e eles vieram pedir esse lugar para a realização da mesma e nós rejeitamos e eles ficaram furiosos pela nos atitude. Orem pelo pastor da ilha e aos demais irmãos da Igreja contra os atos da feitiçaria ai existente.





O desenho do peixe é semelhante á Peixe Berga

Momentos antes do Batismo na Ilha das Galinhas





O nosso trabalho começou nessa Ilha desde 1999 quando pela primrira vez fui lá com os jovens para uma semana do acampamento biblico , onde evangelizamos quase todas as tabancas. Desde desta data até hoje a população dessa Ilha passou a ser cada dia transformado pelo poder do Espírito Santo. OS anciões que no inicio estavam feliz com a nossa chegada, hoje estão revvoltados , porque as pessoas estão deixando as praticas de feitiçaria, adoração aos defuntos etc...
Nessa ilha construimos tres escolas até decima serie e estamos com um projeto para o desenvolvimento da população local.
Esteja orando por nós porque temos também outros campos missionarios além das Ilhas.

A forma de vestir do povo das Ilhas dos Bijagos e como também da ilha Das galinhas quando estão na cerimônia de adoração aoo defuntos.
Amados, para esse povo deixar essas praticas idolatras de adoração aos defuntos não é fácil . Mas cada dia Deus está quebrando os seus corações e o povo está se convertendo. Nós sabemos o quanto é duro trabalhar com esse povo. Apesar de estou em Bissau preparando os obreiros para o campo, mas sempre viajo para ajudar o trabalho lá.
Orem pelo pastor que trabalha na ilha das Galinhas, pois caiu de moto e partiu a perna. Nesse momento ele está na capital para tratamento e a Igreja ficou sem ninguém.
Um pouco do que aconteceu com a minha viagem na Ilha das Galinhas





Vinte e quatro irmãos foram Batizados na Ilha das Galinhas (Ilhas das Tribos Bijagos) no dia 3 de Augusto do corrente ano. Momento de grande alegria, pois muitas pessoas que se batizarem nesse dia passaram muitas perseguições e ameaças dos seus familiares, mas permaneceram fies até nesse dia tão maravilhoso. Essa tribo é muito pegado a magia negra, feitiçaria e adoração aos defuntos, mas as vidas estão sendo transformadas pelo poder do Senhor..

Em baixo Batismo realizado em Capital Bissau no dia 25 de Setembro do ano em curso, forma batizadas 35 pessoas.





Louvado seja Deus!!! Testmiunho

Esse nosso amado irmão era muçulmano, esse é o momento que está dando testemunho da sua conversão, ele era a pessoa que não queria ouvir nada de Jesus, mas um dia Espírito Santo tocou no seu coração e se entregou completamente a Cristo e jogou para fora tudo que ele tinha tomado dos feiticeiros para lhe proteger. Orem sempre por ele para sua permanência conosco!!!





Testemunhando o poder de Deus antes do Batismo!!!

Essa nossa irmã estava com problemas e não conseguia ter filhos, sempre quando se encontrava grávida antes do momento de parto perdia muito sangue e a criança acabava morrendo, mas desde que ela teve encontro com Jesus tudo mudou e hoje ela já tem um menino tão lindo que Deus lhe Deus. Orem pela sua permanência em Cristo!!!





A nossa irmã era muçulmana, mas hoje em dia ela é cristã adorando a Deus e servindo-o.
Ela foi abandonada pela família porque se entregou a Jesus Cristo, mas ela tomou a decisão de não voltar atrás nunca mais.
Não esqueçam dela nas vossas orações!!!





Amados irmãos, estejam orando por mim, pois a duas semanas atrás me escolheram para ser Diretor do nosso seminário teológico aqui em Bissau para preparar os Obreiros para o campo missionário por toda a Guiné-Bissau. Nesse ano temos alunos vindo do Senegal para estudar no nosso Seminário. Isso nos mostra que Costa Ocidental da Africa está precisando de nós, porque aqui (Na Guine Bissau) se prepara obreiro sem nenhuma proibição.

Orem por esse outro novo ministério e também orem por mim, pois estou me preprando para casar no ano que vem.
Grato Avenito o vosso irmão!!!

Indo a Caminho da Bahia, divisa de Minas Gerais, para recebimento de mais uma Igreja Cabeceira da Mata; "Ate aqui nos ajudou o SENHOR"

Pastor Silvanio Irmã Anacely - Implantação da Igreja em Iguaraçu - PR

Pastor Silvanio Irmã Anacely - Igreja em Rio Verde - GO

Pastor Silvanio Irmã Anacely - Na Batalha

Pr Silvanio Aparecido Rodrigues

Fotos da igreja em Bom Sucesso em Minas, do batismo e do culto realizados. Att. Pr. Silvânio Rodrigues

Trabalho nosso no Parque 17-GO, inauguração em 19/02/11

Trabalho nosso em Paracatu-MG

Fotos do trabalho nosso na sede do ministerio em Brasilia-DF

A ESPERANÇA É JESUS EM MOÇAMBIQUE
Paz do Senhor!

Mesmo com as lutas e adversidades do dia a dia, o Senhor tem sido fíel, companheiro e amigo! Ele tem honrado sua Palavra: A cada dia vai nos fortalecendo para novos desafios!

Estou encaminhando as imagens que testificam o avanço do Evangélio em Cuba, com o suporte espiritual e financeiro da Igreja "A Esperança é Jesus", no seu compromisso com Missões pelo Mundo!

Louvado seja o Senhor dos Exércitos!

Ebenezer!

Endereço saudação e providências do Céu!